Seguir o O MINHO

Braga

Juiz liberta dupla detida por fugir à polícia após furto de catalisador em Braga

Detidos após perseguição de 20 quilómetros

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Os dois suspeitos de furto de catalisador detidos na madrugada de domingo após uma perseguição de 20 quilómetros em Braga ficaram em liberdade. A dupla foi presente a juiz que lhes decretou como medida de coação apresentações periódicas nas autoridades.

Como O MINHO noticiou em primeira mão, na madrugada de domingo os dois suspeitos foram detidos após uma longa fuga à PSP.

Em comunicado, a polícia relata que, pelas 04:00 de domingo, teve conhecimento através de uma chama telefónica que estava a ocorrer um furto em veículo, na Rua de S. José, em Braga.

“Chegados ao local, os suspeitos, dois cidadãos com 41 e 45 anos de idade, ao aperceberem-se da presença desta polícia, encetaram fuga”, refere o comunicado, acrescentando que, de seguida, foi “iniciada perseguição à viatura, tendo os suspeitos praticado sempre uma condução perigosa, desobedecendo continuamente à sinalização existente e às regras de trânsito, tendo ainda colocado em perigo os utentes da via”.

Após uma perseguição por mais de 20 quilómetros, a PSP conseguiu imobilizar a viatura, tendo sido intercetados e detidos os suspeitos.

Os indivíduos tinham na sua posse cocaína suficiente para 4 doses e heroína suficiente para 8 doses, que lhe foram apreendidas, bem como um catalisador que havia sido furtado e ainda diversas ferramentas que os mesmos usavam para a concretização dos furtos.

O suspeito que conduzia a viatura não tem carta de condução.

Ao que O MINHO apurou, a viatura era roubada.

Ambos estavam referenciados pela prática de diversos ilícitos.

Populares