Seguir o O MINHO

Desporto

Joaquim Rodrigues terminou quinta etapa do Dakar em 15.º lugar provisório

Piloto de Barcelos

em

Foto: Hero Moto Sports / Facebook

O argentino Kevin Benavides (Honda) venceu hoje a quinta de 12 etapas da 43.ª edição do rali Dakar de todo-o-terreno, disputado na Arábia Saudita, e ascendeu à liderança da classificação das motas.

O piloto, orientado pelo português Ruben Faria na equipa oficial da Honda, gastou 5:10.50 horas para completar os 456 quilómetros cronometrados da especial de hoje, que ligou Riade a Al Qaisumah, de um total de 662 quilómetros de tirada.

O chileno Jose Inacio Cornejo (Honda) terminou a exatamente um minuto do companheiro de equipa, com o australiano Toby Price (KTM) a recuperar muito terreno e a ser terceiro, a 1.20 minutos do vencedor.

O português Joaquim Rodrigues Jr. (Hero) concluiu provisoriamente na 15.ª posição, mas, à medida que outros corredores forem terminando, deverá baixar dos 20 primeiros, tendo em conta os tempos nos controlos de passagem anteriores.

Na geral, Benavides é, agora, o novo líder, com 2.31 minutos de vantagem sobre o francês Xavier de Soultrait (Husqvarna), que estava na liderança.

O conde francês terminou apenas em sexto a etapa de hoje, cedendo 7.55 minutos ao vencedor.

Cornejo é terceiro, a 3.42 minutos, com Toby Price, que continua a ser um dos favoritos à vitória final, a apenas um segundo do pódio, a 3.43 minutos do líder.

O espanhol Joan Barreda (Honda), vencedor da quarta etapa, foi o primeiro a sair para a pista e perdeu-se logo ao quilómetro 74, perdendo 19.11 minutos para o vencedor do dia e caiu para nono, a 14.02 minutos do líder.

Sexta-feira disputa-se a sexta etapa da prova, entre Al Qaisumah e Há’il, com um total de 618 quilómetros, 448 deles cronometrados, cem por cento deles em areia e com muitas dunas pela frente.

Populares