Seguir o O MINHO

Desporto

João Sousa abre eliminatória da Taça Davis com a Bielorrússia

Ténis

em

Foto: DR / Arquivo

O número um nacional, João Sousa, vai abrir na sexta-feira a eliminatória entre Portugal e Bielorrússia, referente ao Grupo I da Zona Europa/África da Taça Davis em ténis, seguido de João Domingues, no segundo encontro de singulares.

O vimaranense, 64.º colocado no ‘ranking’ ATP, vai defrontar Ilya Ivashka, 135.º classificado na hierarquia mundial, enquanto João Domingues, o número três da equipa portuguesa e 179.º ATP, vai medir forças com Egor Gerasimov, líder da formação adversária e 119.º ATP, ditou o sorteio realizado hoje em Minsk.

Para o desafio de pares, o capitão português Rui Machado elegeu João Sousa e Pedro Sousa, que vão jogar contra Uladzimir Ignatik e Andrei Vasilevski no sábado, antes dos últimos dois encontros de singulares.

“Havia, sem dúvida, várias alternativas, o que significa que temos uma equipa com muito nível. Temos cinco encontros em dois dias, jogadores muito equilibrados e o João Domingues já teve boas vitórias em piso rápido este ano”, avançou Rui Machado, em declarações à Lusa, explicando a nomeação do jogador de Oliveira de Azeméis para o segundo singular, em detrimento de Pedro Sousa, o número dois português.

Em relação ao encontro de pares, o capitão das quinas acredita que “João Sousa fará uma boa dupla com Pedro Sousa, um jogador mais experiente e que também tem feito bons resultados em pares”.

A eliminatória entre a seleção nacional e a congénere bielorrussa, no piso rápido do Republic Olympic Tennis Center, vai apurar a equipa vencedora para a fase de qualificação da Davis Cup Finals de 2020, ficando a equipa derrotada relegada para o ‘play-off’ de manutenção no Grupo I, a disputar em março do próximo ano.

Anúncio

Futebol

Ex-atriz porno com 3 milhões de seguidores manifesta apoio ao Vitória através do Twitter

Mia Khalifa

em

Foto: Instagram de Mia Khalifa

A antiga atriz de filmes pornográficos Mia Khalifa manifestou através da rede social Twitter, onde conta com cerca de 3 milhões de seguidores, que irá apoiar qualquer equipa que defronte o Arsenal, algo que motivou reação por parte do Vitória Sport Clube (SC) através da mesma plataforma. Na resposta, a modelo é perentória: “Vamos Vitória!!!”.

A conhecida figura mediática que nasceu no Líbano mas cresceu no Texas, Estados Unidos da América, tem dado que falar em termos futebolísticos por desprezar o Arsenal, e manifestar-se apoiante de qualquer equipa que jogue contra os gunners.

 

Atualmente vinga como modelo de webcam e faz parcerias com casas de apostas, como foi o caso da Sportsbet, que a desafiou a utilizar uma camisola do Watford, antes do jogo contra o Arsenal, desafio aceite pela modelo.

Anteriormente, Mia tinha-se manifestado como apoiante do West Ham, enquanto estes preparavam o desafio com o clube da capital inglesa. Questionada no Twitter sobre qual o clube que apoia em definitivo, a modelo esclareceu dar apoio “a qualquer equipa que jogue contra o Arsenal”.

E o Vitória reagiu…

 

 

Os vitorianos deixaram ainda o pedido a Mia para que esta apoie o clube no próximo jogo frente aos Gunners.

A equipa de Guimarães defronta os ingleses no Grupo F da Liga Europa em jogo marcado para o próximo dia 24 de outubro, no Estádio Emirates, em Londres.

Continuar a ler

Futebol

Braga perde com Sporting no jogo de estreia da Liga de futebol feminino

Frente ao Sporting

em

Foto: SC Braga (Arquivo)

O Sporting entrou esta segunda-feira da melhor forma na I Liga portuguesa de futebol feminino, ao bater o Sporting Clube (SC) de Braga por 2-1, em Alcochete, numa partida em que as leoas operaram a reviravolta no último quarto de hora.

Uchendu inaugurou o marcador para as bracarenses logo aos 02 minutos, mas os golos de Diana Silva (75) e Nevena Damjanovic (79) permitiram ao Sporting entrar com o pé direito no campeonato de 2019/20 e somar os primeiros três pontos.

As bracarenses chegaram à vantagem quando ainda nenhuma equipa o havia justificado, aproveitando a velocidade e o oportunismo de Uchendu para inaugurar o marcador logo aos 02 minutos.

As minhotas estavam mais confortáveis na partida e dominavam as operações, especialmente após o intervalo, com a avançada nigeriana a colocar à prova a guarda-redes Patrícia Morais num tiro na pequena área (47) e a acertar na trave um remate de meia distância (58).

Mas o Sporting, que até ao quarto de hora final só teve uma oportunidade flagrante, com Carolina Mendes a atirar por cima (06), igualou a partida aos 75 minutos, por Diana Silva, solicitada na profundidade pela norte-americana Carlyn Baldwin.

A equipa leonina galvanizou-se com o empate e, pouco depois, a defesa central Nevena Damjanovic operou a reviravolta ao cobrar de forma irrepreensível um livre direto em zona frontal, decorria o minuto 79.

O SC Braga não conseguiu recuperar do golpe anímico e o Sporting podia ter ampliado por Hannah Wilkinson (88), enquanto as bracarenses só nos descontos (90+1) voltaram a criar perigo num remate por cima de Francisca Cardoso.

Ficha de Jogo

Jogo no Estádio Aurélio Pereira, em Alcochete.

Sporting – Sporting de Braga, 2-1.

Ao intervalo: 0-1.

Marcadoras:

0-1, Uchendu, 02 minutos.

1-1, Diana Silva, 75.

1-2, Nevena Damjanovic, 79.

Equipas:

– Sporting: Patrícia Morais, Ana Borges (Carlyn Baldwin, 20), Carole Costa, Nevena Damjanovic, Joana Marchão, Tatiana Pinto, Rita Fontemanha, Fátima Pinto, Diana Silva, Raquel Fernandes (Ana Capeta, 59) e Carolina Mendes (Hannah Wilkinson, 59).

(Suplentes: Inês Pereira, Carlyn Baldwin, Mariana de Azevedo, Ana Capeta, Joana Martins, Neuza Besugo e Hannah Wilkinson).

Treinadora: Susana Cova.

– Sporting de Braga: Rute Costa, Pratt, Inês Maia, Diana Gomes (Machia, 88), Ágata Filipa, Denali Murnan, Dolores Silva, Regina Pereira (Laura Luís, 72), Vanessa Marques (Sara Brasil, 88), Keane e Uchendu (Francisca Cardoso, 65).

(Suplentes: Houriban, Babi, Lau Machado, Laura Luís, Francisca Cardoso, Sara Brasil e Machia).

Treinador: Miguel Santos.

Árbitra: Catarina Campos (AF Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Dolores Silva (26), Tatiana Pinto (38) e Regina Pereira (51).

Assistência: cerca de 400 espetadores.

Continuar a ler

Futebol

Ricardo Horta renova com SC Braga até 2024

Anunciou o clube

em

Foto: SC Braga

O extremo Ricardo Horta renovou contrato com o Sporting Clube (SC) de Braga até 2024, revelou esta segunda-feira o clube da I Liga de futebol.

A cumprir a quarta época nos guerreiros, Ricardo Horta, de 25 anos, já fez 138 jogos e 35 golos, quatro dos quais esta época, pelo SC Braga.

“Esta aposta do clube significa a recompensa do trabalho que tenho vindo a fazer. Foram três grandes anos, agora está a iniciar-se o quarto e espero que corra tão bem como até aqui. É um sentimento de orgulho porque é um prazer enorme jogar aqui e representar este clube”, afirmou à televisão do clube.

O jogador disse ainda que o que o motivou a prolongar a ligação “é continuar a ajudar o clube a crescer”.

“Eu e o presidente temos a mesma ambição e os mesmos objetivos. Sinto que temos muito caminho a percorrer em conjunto e, por essa razão, entendo que faz todo o sentido prolongar a minha ligação ao Braga”, disse.

Para Ricardo Horta, poder estar em Portugal “é bastante confortável” e, no SC Braga, sente-se “completamente em casa”.

“Posso dizer que, aqui, estou na minha zona de conforto, a fazer aquilo de que mais gosto, que é jogar futebol”, disse.

Continuar a ler

Populares