Seguir o O MINHO

Viana do Castelo

Hospital de Viana esclarece que não há salários em atraso

em

Foto: DR/Arquivo

A Administração da Unidade Local de Saúde do Alto Minho (ULSAM) enviou na noite desta sexta-feira uma nota ao O MINHO para responder às questões da deputada Ilda Araújo Novo (CDS-PP).

A deputada questionou o ministro da Saúde sobre salários em atraso no Hospital de Santa Luzia, em Viana do Castelo. A administração esclarece que o problema não existe.

Comunicado da ULSAM

“Face ao artigo publicado no Jornal Digital “O Minho”, a Administração da Unidade Local de Saúde do Alto Minho, EPE (ULSAM,EPE) esclarece:

1 – À semelhança do que é habitual os vencimentos dos colaboradores da ULSAM, EPE foram devidamente processados, e à data de hoje, não se registam quaisquer atrasos.

2 – No que concerne à nomeação dos diretores de serviço, o Conselho de Administração da ULSAM, EPE, nos termos da legislação em vigor, tem vindo a proceder à sua nomeação.

3 – O Conselho de Administração assegura o normal funcionamento dos serviços junto da população que serve.

O Conselho de Administração”

A ULSAM é constituída pelo Hospital de Santa Luzia, em Viana do Castelo, e pelo Hospital Conde de Bertiandos, em Ponte de Lima. Integra ainda 13 centros de saúde, uma unidade de saúde pública e duas de convalescença, e serve uma população residente superior a 250 mil pessoas. No total, a ULSAM emprega mais de 2.500 profissionais.

Populares