Seguir o O MINHO

Ave

Francesinhas regressam às mesas famalicenses no início de julho

Dias à Mesa

em

Foto: Divulgação

Depois de um interregno de quase cinco meses devido à pandemia da Covid 19, os Dias à Mesa vão regressar já no próximo mês de julho com a famosa francesinha.


A iguaria tão carismática da região norte estará em destaque nos dias 2, 3, 4 e 5 de julho, nos restaurantes aderentes, que são nesta edição o Attrevidu; o Barão; a Cervejaria do Neto; o Churrascão Sousa; a Colunata; Combinação de Sabores; El Vagabundo; o Forever; Marco; O Caçarola; Príncipe e Refresco.

Os Dias à Mesa trazem ainda em julho, nos dias 9, 10, 11 e 12, o emblemático Bacalhau, através dos restaurantes Alfa; Amaury; Barão; Bisconde; Casa Pêga; Churrascão Sousa; Combinação de Sabores; Dona Maria Pregaria; El Vagabundo; Fondue; Moutados; O Caçarola; Outeirinho; Papas na Língua; Páteo das Figueiras; Porta-Enxerto; Príncipe; Refresco; Sara Cozinha Regional; Tanoeiro, Torres; Tosco e Vinha Nova.

Apesar da não realização dos eventos culturais que acompanham habitualmente estes Dias à Mesa, a iniciativa gastronómica vai regressar com toda a qualidade e sabor.

Recorde-se que depois do sucesso alcançado em 2019, os “Dias À Mesa” regressaram em 2020 com mais iniciativas, mais restaurantes aderentes e ainda mais motivos de atração.

Uma das novidades desta edição é o “Passaporte Gastronómico”, que oferece um desconto de 10% nos restaurantes aderentes. Para além disso, o passaporte dá a oportunidade de jantar ou almoçar gratuitamente num restaurante à escolha.

Infelizmente devido à pandemia do Coronavirus, muitas das iniciativas não se puderam realizar, nomeadamente o Cabrito, os Rojões, a Cozinha Internacional e a Galinha Mourisca.

Com a abertura dos restaurantes e do período de desconfinamento, os “Dias à Mesa” regressam reforçando a nova estratégia municipal para o turismo, que alia a gastronomia á animação cultural.

Depois do Bacalhau, os Dias à Mesa voltam em setembro, com a cozinha Vegetariana. Em novembro há espaço para a castanha e para as massas.

Anúncio

Ave

Homem de Fafe em estado grave após levar com garrafa de vinho na cabeça

Agressões

em

Foto: DR

Um homem com cerca de 40 anos sofreu ferimentos graves depois de ter sido agredido na via pública por um vizinho, ao início da noite deste sábado, em Fafe.

Ao que apurou O MINHO, a vítima terá entrado numa discussão com um vizinho, por motivos desconhecidos, quando este o agrediu com uma garrafa de vinho na cabeça, provocando-lhe um golpe bastante profundo que o deixou em estado grave.

Para o local, na Rua de Atalhos, freguesia de Fareja, foram mobilizados os Bombeiros de Fafe com uma ambulância, para assistência inicial à vítima. Dada a gravidade dos ferimentos, com o homem a perder bastante sangue, foi acionada a ambulância de Suporte Imediato de Vida de Fafe, para prestar a primeira assistência médica diferenciada.

A vítima acabou por ser transportada com acompanhamento da equipa médica para o Hospital de Guimarães.

A GNR está no local a tentar apurar os contornos da agressão.

Continuar a ler

Guimarães

Menina de 18 meses queimada com gravidade em Guimarães

Acidente

em

Foto: DR

Uma menina de 18 meses sofreu queimaduras graves depois de um acidente doméstico, na vila de Caldas das Taipas, concelho de Guimarães.

Ao que apurou O MINHO junto de fonte dos bombeiros, a vítima sofreu queimaduras de segundo grau quando estava dentro de casa, na Rua da Rabata, cerca das 16:00 horas deste sábado.

A menina foi assistida pelos Bombeiros das Taipas e pela equipa médica da VMER.

Foi transportada em estado grave para a ala pediátrica do Hospital de Braga.

Fonte envolvida no socorro não conseguiu adiantar o que causou a queimadura.

A GNR está no local.

Continuar a ler

Ave

Comandante dos Bombeiros de Vizela candidata-se à federação distrital

Bombeiros

em

Foto: Divulgação

Paulo Félix, Comandante dos Bombeiros Voluntários de Vizela anunciou hoje a candidatura à Federação dos Bombeiros do Distrito de Braga.

Em comunicado, a comissão da candidatura salienta que esta candidatura tem “como ambição fortalecer as Associações Humanitárias de Bombeiros Voluntários do distrito com o fortalecimento da Federação”.

“Braga é o terceiro maior distrito do país e merece a visibilidade própria da sua grandeza. É um dos distritos mais ricos em meios  técnicos e humanos no que diz respeito aos Bombeiros Voluntários que merecem sair do anonimato e sentirem-se reconhecidos através de uma Federação forte, coesa, ativa e reivindicativa”, escreve a comissão, na carta de apresentação da candidatura.

“Com um projeto ambicioso em diversas vertentes, que oportunamente será apresentado, destaca-se a criação de uma página oficial da FBDB com hiperligação das páginas oficiais de todas e de cada uma das associações e uma grande aposta na formação certificada e na realização de exercícios distritais (simulacros) de grande nível e de grande dimensão”, acrescenta.

“A candidatura tem ainda como ambição a criação do CJD Concelho Jurídico e Disciplinar imprescindível ao apoio às duas vertentes diretiva e operacional das Associações”, destaca.

Paulo Félix tem 43 anos e “apresenta-se com vontade de ser o rosto de uma equipa arrojada, sem medos, responsável e que efectivamente lute pelos Bombeiros Voluntários”.

Continuar a ler

Populares