Seguir o O MINHO

Ave

Escolas de Famalicão colocaram 736 alunos em intercâmbio internacional

em

As escolas de Famalicão colocaram neste ano letivo 736 em experiências ou projetos de mobilidade, como o Erasmus +, estágios curriculares no estrangeiro e experiências de mobilidade para fins de aprendizagem. Mais de 95% das experiências foram no seio da União Europeia.

Ao nível dos quadros docentes e não docentes os números são também relevantes. Só durante este ano letivo estiveram envolvidos em projetos de mobilidade internacionais mais de cento e sessenta professores e técnicos dos estabelecimentos de ensino de Famalicão.

Com a ativação do programa “Ser Europa”, o município de Vila Nova de Famalicão começou a monitorizar as experiências de intercâmbio internacional desenvolvidas pelas escolas e a fomentar essas experiências. Diretamente relacionado com o programa, só em 2016/2017 foram envolvidos 171 alunos em pelo menos 60 horas de capacitação e promoção de projetos ligados à cidadania europeia e intervenção socioeducativa. Dos 171 diretamente envolvidos, mais de 80% tiveram o primeiro contacto com este tipo de ações.

O programa está a ser desenvolvido em todas as escolas profissionais, agrupamentos de escolas e cooperativas de ensino do concelho. Os dois anos do programa já fez com que todas as instituições de ensino de Famalicão estejam registadas na Plataforma ECAS da União Europeia e em condições passiveis de se poderem candidatar a projetos de mobilidade no âmbito dos programas comunitários, nomeadamente o Erasmus +.

Populares