Seguir o O MINHO

SC Braga

Dyego Sousa pode ser o sétimo jogador naturalizado a vestir a camisola de Portugal

Será o sexto nascido no Brasil

em

Foto: DR/Arquivo

O avançado Dyego Sousa, chamado hoje para a seleção portuguesa de futebol, pode tornar-se no sétimo naturalizado a vestir a camisola das ‘quinas’, sucedendo a jogadores como Deco, Pepe e Liedson.

Com alguma surpresa, o avançado do SC Braga, de 29 anos, foi incluindo na lista de 25 convocados do selecionador Fernando Santos e pode estrear-se por Portugal frente a Ucrânia ou Sérvia, em jogos de qualificação para o Euro2020.

Chamada de Dyego Sousa à Seleção é fruto do trabalho do jogador e “de muita gente”

Dyego Sousa, que chegou a solo luso com apenas 18 anos, em 2007, para representar os juniores do Nacional, tem estado em destaque esta temporada no SC Braga, em que já leva 19 golos em todas as provas, 14 na I Liga.

Em Portugal, antes de ingressar nos minhotos, o jogador nascido em São Luís do Maranhão, no nordeste do Brasil, defendeu ainda as cores de Leixões, Tondela, Portimonense e Marítimo.

Uma década depois, a seleção portuguesa pode voltar a contar com um novo jogador naturalizado, depois de Liedson, Pepe, Deco, Celso e Lúcio Soares, todos nascidos no Brasil, e de David Júlio, oriundo da África do Sul.

Em setembro de 2009, Liedson, que passou oito temporadas no Sporting, foi chamado por Carlos Queiroz para o duelo com a Dinamarca, de qualificação para o Mundial2010, e logo na estreia salvou Portugal da derrota em Copenhaga, ao marcar o golo do empate (1-1).

O ‘levezinho’ terminou a carreira com 15 jogos e quatro golos por Portugal e representou a seleção das ‘quinas’ no campeonato do mundo de 2010, na África do Sul.

Ainda em atividade está Pepe, que este ano pode mesmo superar Fernando Couto e tornar-se no defesa central com mais jogos de sempre pela formação lusa.

Tal como Dyego Sousa, Pepe chegou a solo nacional ainda como adolescente e também para a Madeira, onde foi representar o Marítimo com apenas 18 anos.

Em 2007, o central do FC Porto recebeu a chamada de Luiz Felipe Scolari e, em novembro, estreou-se, logo a titular, perante a Finlândia (0-0), no encontro que confirmou a qualificação para a fase final do Euro2008.

O defesa de 36 anos leva 103 internacionalizações e sete golos e integra a ‘restrita’ lista de seis futebolistas que chegaram à centena de jogos por Portugal.

Anos antes, em 2003, igualmente pela ‘mão’ de Scolari, Deco também optou pela seleção portuguesa, seis anos depois de ter chegado ao país, com 20 anos.

Em destaque no FC Porto, o médio foi chamado para um particular com o Brasil, numa decisão que na altura não foi unânime junto da opinião pública, e acabou por defrontar a ‘canarinha’ em março, no Estádio das Antas. Portugal venceu por 2-1, com Deco a marcar o golo do triunfo já perto do fim, de livre direto.

Deco, que acabou a carreira com 75 jogos e cinco golos por Portugal, acabou por ser determinante na campanha da seleção nacional no Euro2004, em que chegou à final, e no Mundial2006, tendo alcançado as meias-finais. O médio esteve ainda no Euro2008 e no Mundial2010.

Na década de 1970, o ‘trinco’ brasileiro Celso, do Boavista, representou três vezes a formação da ‘quinas’ e, nos anos 60, foi a vez de o central brasileiro Lúcio Soares e de o médio sul-africano David Júlio, ambos do Sporting, contarem cinco e quatro internacionalizações, respetivamente.

Anúncio

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Futebol

SC Braga-FC Porto joga-se no sábado, 30 de março, às 15:30

Jogo de grande importância na luta pelo título

em

Foto: Divulgação / SC Braga

O jogo grande da jornada 27 da I Liga, que coloca frente a frente SC Braga e FC Porto, na Pedreira, joga-se no sábado, dia 30 de março, às 15:30, foi esta quarta-feira anunciado pela Liga.

Os arsenalistas, em terceiro, com 58 pontos, estão praticamente obrigados a vencer o encontro com os dragões, para encurtarem a distância, que está em cinco pontos, de forma a poderem manter a chama acesa, na esperança de chegar ao inédito título nacional.

O FC Porto segue no segundo lugar do campeonato, com 62 pontos, em igualdade com o Benfica, que também ainda tem de visitar o Estádio Municipal de Braga (fim de semana de 28 de abril).

Na primeira volta, o FC Porto bateu o SC Braga, por 1-0, com um golo perto do final.

Programa da 27.ª jornada

Sexta, 29 de março
Portimonense – Moreirense, 20:30 horas

Sábado, 30 de março

SC Braga – FC Porto, 15:30 horas
Chaves – Sporting, 18:00 horas
Santa Clara – Vitória SC, 20:30 horas
Benfica – Tondela, 20.30 horas;

Domingo, 31 de março

Marítimo – Nacional, 15:00 horas
Rio Ave – Aves, 17:30 horas
Boavista – Belenenses, 20:00 horas

Segunda-feira
Feirense – Vitória de Setúbal, 20:15 horas

Continuar a ler

SC Braga

Jogadores do SC Braga visitam mais uma escola – fotogaleria

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães/O MINHO

A EB1 de Esporões sofreu, esta quarta-feira, uma verdadeira invasão de jogadores e jogadoras do SC Braga.

Foto: Paulo Jorge Magalhães/O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães/O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães/O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães/O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães/O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães/O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães/O MINHO

Foto: Paulo Jorge Magalhães/O MINHO

Marcelo Goiano, Palhinha, Ricardo Horta, Tiago Sá, Murilo, Murnan, Vanessa Marques, Keane, Francisca Cardoso e Laura Luís tornaram especial e inesquecível o dia a cerca de 100 jovens Gverreiros.

Continuar a ler

SC Braga

Trincão diz que conquista do Euro de sub-19 traz mais “responsabilidade” a Portugal

Jovem jogador do SC Braga

em

Foto: Twitter de Seleções de Portugal

O extremo Francisco Trincão admitiu que a conquista dos Europeus de sub-17 e sub-19 trouxe mais “responsabilidade” à geração lusa que vai agora disputar o Mundial de sub-20, mas assegurou que os jogadores “gostam é disso mesmo”.

“Fomos nós próprios que criámos essa responsabilidade, foi para isso que trabalhámos. Encaramos isso como algo normal. Somos Portugal e sabemos o que representamos. Agora, vamos lidar com essa responsabilidade e os jogadores gostam é disso”, afirmou.

O jogador do SC Braga, de 19 anos, falava aos jornalistas no arranque da preparação da seleção de sub-20 para os dois jogos particulares com Alemanha, na sexta-feira, e Inglaterra, no dia 26 de março, com vista à presença no Mundial de sub-20.

Trincão, que, juntamente com Jota, do Benfica, foi o melhor marcador do Europeu de sub-19, em 2018, ambos com cinco golos, considerou que “os clubes começam a ter mais noção do trabalho dos jogadores na formação e começam a apostar cada vez mais neles”.

“Cabe-nos a nós mostrar que temos capacidade, seja aqui [em Portugal], seja fora”, referiu, antes de abordar o suposto interesse na Juventus nos seus serviços e de poder cruzar-se com Cristiano Ronaldo: “Falar nessa possibilidade é um orgulho enorme, mas não penso nisso. Só penso no Braga e vou dar o meu melhor.”

Perante Alemanha e Inglaterra, a seleção de sub-20 vai ter “dois bons testes” com vista ao que poderá “encontrar no Mundial” e, segundo Trincão, o objetivo de Portugal passa por “ganhar” os dois particulares.

Portugal vai defrontar a Alemanha na sexta-feira, em Sandhausen, e, no dia 26 de março, recebe a Inglaterra, em Penafiel.

Os dois particulares servem de preparação para o Mundial de sub-20, que vai ter lugar na Polónia, entre 23 de maio e 15 de junho.

Portugal está inserido no grupo F, juntamente com Coreia do Sul, Argentina e África do Sul. A seleção portuguesa estreia-se em 25 de maio, contra os sul-coreanos, seguindo-se os embates com os argentinos, em 28 de maio, e sul-africanos, em 31 de maio.

Continuar a ler

Populares