Seguir o O MINHO

Região

Cinco concelhos do Minho com projetos de regeneração urbana financiados pelo IFRRU

Barcelos, Braga, Guimarães, Ponte de Lima e Viana do Castelo

em

Foto: DR / Arquivo

O IFRRU2020 – Instrumento Financeiro para a Reabilitação e Revitalização Urbanas deu como elegíveis projetos de cinco concelhos do Minho, anunciou hoje o Ministério das Infraestruturas e da Habitação, sem elencar, no entanto, quais são as obras.


Barcelos, Braga, Guimarães, Ponte de Lima e Viana do Castelo estão entre os 57 municípios, a nível nacional, que recebem uma fatia de um bolo de 500 milhões de euros de investimento, para um total de 164 projetos contratualizados para a reabilitação integral de edifícios.

Após as obras de reabilitação e melhoria do desempenho energético nos 164 imóveis intervencionados, “70 destes edifícios terão uso habitacional, 86 serão destinados a atividades económicas e os restantes oito a equipamentos de utilização coletiva e na área social”, avançou o gabinete do ministro das Infraestruturas e da Habitação.

“A maioria dos projetos (125) é promovida por empresas e os restantes por particulares, Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) e câmaras municipais”, indicou a mesma fonte, em comunicado, acrescentando que se localizam em 57 municípios das várias regiões do país.

Atingindo os 500 milhões de euros, este investimento no âmbito do IFRRU2020 vai permitir “reabilitar 770 habitações, fixar 995 novos residentes e obter uma redução anual do consumo energético após a reabilitação comparável ao consumo de três anos de um grande hospital público”, promovendo, assim, uma reabilitação urbana sustentável.

Além disso, a reabilitação dos edifícios vai “criar 2.684 postos de trabalho”, indicou fonte da tutela das pastas das Infraestruturas e da Habitação.

Os projetos em execução localizam-se nas Áreas de Reabilitação Urbana, que são delineadas pelos municípios em conformidade com a política urbana local.

Entre os 57 municípios com financiamentos IFRRU2020 estão Abrantes, Águeda, Albergaria-a-Velha, Amarante, Aveiro, Barcelos, Barreiro, Beja, Braga, Câmara de Lobos, Cascais, Coimbra, Condeixa-a-Nova, Covilhã, Elvas, Évora, Faro, Ferreira do Zêzere, Figueira da Foz, Funchal, Gouveia, Guimarães, Lagos, Leiria, Lisboa, Loulé, Mafra, Mangualde, Matosinhos, Mirandela, Moimenta da Beira, Moita, Nazaré, Odemira, Oeiras, Penamacor, Pombal, Ponta Delgada, Ponte de Lima, Ponte de Sor, Porto, Póvoa de Varzim, Santa Maria da Feira, Santarém, Santiago do Cacém, Santo Tirso, São João da Madeira, Setúbal, Silves, Sintra, Soure, Trofa, Viana do Castelo, Vila Franca de Xira, Vila Nova de Gaia, Vila Real e Viseu.

Em 2018, o programa IFRRU2020 encerrou o ano com 71 contratos assinados, envolvendo 27 municípios, num investimento de 265 milhões de euros.

Criado no âmbito do Portugal 2020 (acordo de parceria adotado entre Portugal e a Comissão Europeia), o IFRRU2020 é um instrumento financeiro que visa contribuir para a revitalização das cidades e para a reabilitação integral de edifícios, com uma forte aposta na eficiência energética, através da disponibilização de empréstimos com condições mais favoráveis face às existentes no mercado (em termos de taxas de juro, maturidades e períodos de carência).

Com uma capacidade de financiamento de 1.400 milhões de euros, o IFRRU2020 “é o maior programa de incentivo à reabilitação urbana lançado em Portugal”, que proporciona “as melhores condições para todos os que pretendam investir na reabilitação do edificado urbano”, segundo informação do Ministério das Infraestruturas e da Habitação.

Anúncio

Aqui Perto

Homem desaparecido desde domingo encontrado morto em Santo Tirso

Óbito

em

Foto: Redes sociais

Um homem que estava desaparecido desde domingo foi encontrado morto, esta terça-feira, em Vilarinho, na fronteira entre Vizela e Santo Tirso (distrito do Porto).

De acordo com a Rádio Vizela, o homem, de 56 anos e residente naquela freguesia, é conhecido por Berto Serralheiro e estava desaparecido desde domingo, levando a várias campanhas nas redes sociais após o seu desaparecimento.

Segundo a mesma fonte, o homem foi encontrado nas imediações da sua residência, junto ao campo de futebol de Vilarinho. O mesmo padecia de vários problemas de saúde, desconhecendo-se as causas da morte.

No local estiveram os Bombeiros de Vila das Aves e a GNR.

Continuar a ler

Aqui Perto

Jovem de Montalegre morre atropelado na Alemanha

Óbito

em

Foto: DR

Um jovem de 25 anos perdeu a vida na sequência de um atropelamento em passadeira no passado sábado, em Munique, Alemanha.

De acordo com o portal Sinal TV, Tomás Ferreira, natural de Outeiro, em Montalegre, terá sido colhido por um automóvel quando atravessava uma passadeira junto à sua residência, acabando por ser projetado vários metros.

O jovem estudou em Montalegre, onde fez parte da Banda de Música de Perafita, tendo emigrado para Munique, onde vivia e trabalhava.

Desconhecem-se ainda as datas para as exéquias fúnebres do jovem que era filho de um funcionário da Câmara de Montalegre.

Continuar a ler

Alto Minho

Incêndio atinge churrasqueira em Arcos de Valdevez

Incêndio

em

Foto: Facebook de Arcos de Valdevez

Um incêndio está a atingir uma churrasqueira no centro da vila de Arcos de Valdevez.

Inserida em prédio urbano, desconhece-se ainda os motivos que levaram ao início do fogo.

No local estão os Bombeiros de Arcos de Valdevez.

(em atualização)

Continuar a ler

Populares