Seguir o O MINHO

Futebol

Benfica favorito para chegar à 38.ª final da Taça de Portugal, Estoril tenta segunda

Futebol

em

Foto: DR / Arquivo

Benfica e Estoril Praia procuram hoje marcar lugar na final da Taça de Portugal de futebol, na segunda mão das meias-finais, num jogo em que as ‘águias’ trazem uma vantagem de 3-1 da Amoreira.

A eliminatória está praticamente nas ‘mãos’ do Benfica, após o triunfo no primeiro jogo e com três golos fora, e hoje a equipa ‘encarnada’ procura garantir a 38.ª final da Taça da sua história e o Estoril a segunda.

Nesta edição, no primeiro jogo entre ambos, o Estoril Praia esteve a vencer por 1-0, com um golo de André Vidigal, aos 23 minutos, mas o Benfica deu a volta ao marcador, com golos de Darwin Nuñez, aos 44 e 77 minutos, e Seferovic, aos 68.

Jorge Jesus não pôde contar na segunda-feira frente ao Rio Ave com Darwin, com o avançado uruguaio lesionado a apresentar uma tendinopatia do quadricipete à direita.

O Benfica é o clube com mais Taças de Portugal conquistadas, com 26 títulos e 11 finais perdidas, enquanto o Estoril Praia foi apenas uma vez finalista, na época de 1943/44, naquela que é a final mais desnivelada da história, precisamente diante dos ‘encarnados’ (8-0).

Nesta época, a equipa de Jorge Jesus afastou o Paredes (1-0), Vilafranquense (5-0), Estrela da Amadora (4-0) e Belenenses SAD (3-0), a única equipa da I Liga que defrontou.

Já o Estoril Praia, líder da II Liga, entrou logo na segunda eliminatória e eliminou o Sertanense (4-0), Lusitano Évora (5-0), e Boavista (2-1), Rio Ave (2-1) e Marítimo (3-1 após prolongamento), todos da I Liga.

O jogo de hoje no Estádio da Luz tem início marcado para as 20:15, com arbitragem de Hélder Malheiro, da Associação de futebol de Lisboa.

Para a final de Taça de Portugal está já apurado o SC Braga, que na quarta-feira venceu o FC Porto por 3-2, em jogo da segunda mão da meia-final disputado no estádio do Dragão, depois de um empate 1-1 no jogo da primeira mão, em Braga.

Populares