Seguir o O MINHO

Braga

Verão do gnration recheado de cinema, música e artes visuais

em

Foto: Divulgação

A programação do gnration, em Braga, para julho, agosto e setembro, tem cinema, música e artes visuais, com nomes como Dead Combo, Spectrum, Rizan Said, Norberto Lobo, Bateu Matou, Bruno Pernadas “e muito mais”, anunciou hoje aquele centro cultural.

Em comunicado enviado à Lusa, o gnration destaca ainda um palco gratuito para “o maior evento da cidade” (a Noite Branca), um ciclo de jazz, outro de cinema e a nova instalação audiovisual na galeria INL – Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia, ao abrigo programa Scale Travels, iniciativa que alia arte e nanotecnologia, a cargo de Matthew Biederman, que apresentará “All The Way Down”, de 13 julho a 06 de outubro.

O programa começa com a quarta edição do Julho é Jazz, ciclo que apresenta “algumas das melhores figuras do jazz contemporâneo internacional e nacional”. Os primeiros a apresentarem-se serão os norte-americanos The Bad Plus (12 julho), seguidos de Pulverize The Sound – Peter Evenas, Tim Dahl, Mike Pride (13 julho).

Segue-se o quarteto português do compositor e multi-instrumentalista Bruno Pernadas e ainda o trio The Rite of Trio.

O trompetista Peter Evans, membro integrante do trio Pulverize The Sound, dará ainda uma ‘masterclass’ focada no improviso como método de composição.

Durante todo o ciclo, o gnration dará a conhecer a instalação musical interativa “My Jazz Band”, de Rui Dias, que permitirá ao público tocar como uma banda virtual de jazz, utilizando para isso um interface gráfico num ecrã ‘multi-toque’.

Também em julho, João Martinho Moura, artista ‘media’ português com reconhecimento internacional, apresenta “VV” em estreia mundial na galeria gnration (de 21 de julho a 13 de outubro).

Em agosto, terá lugar a terceira edição do Cinema no Pátio, com sessões ao ar livre, feito em parceria com os festivais internacionais de cinema de Clermont-Ferrand, Curtas Vila do Conde e Porto / Post / Doc, com as sessões a terem lugar a 03, 19, 17 e 24 de agosto, sendo a entrada livre.

Pelo palco [email protected] Noite Branca de Braga, que este ano será na praça do gnration, vão passar nomes como os portugueses Dead Combo (01 de setembro), que vão dar a conhecer o mais recente disco, “Odeon Hotel”, o sírio Rizan Said, ex-teclista do enigmático Omar Souleyman, Bateu Matou, grupo português formado pelos bateristas Quim Albergaria (PAUS), Ivo Costa (Batida, Sara Tavares) e RIOT (Buraka Som Sistema), e o saxofonista e compositor de jazz, português, João Mortágua, que apresentará o seu mais recente projeto, Axes.

Durante a tarde, o guitarrista português Norberto Lobo apresentará o último disco, “Estrela”, acompanhado em palco por Yaw Tembe, Marco Franco e Ricardo Jacinto, e o dj CelesteMariposa vai encerrar a noite com “velhas pérolas da lusofonia africana”.

A 02 de setembro, o palco do [email protected] Noite Branca receberá “Bits em Palco – O Espetáculo Primeiros Bits”, um original criado a partir do ciclo “Primeiros Bits”, iniciativa do serviço educativo do gnration, protagonizado pela Digitópia/Casa da Música, que expõe crianças e jovens da cidade de Braga às novas tecnologias aplicadas à arte.

De seguida, os bracarenses Bruma apresentam o disco de estreia, num concerto resultante do Trabalho da Casa do gnration, ação que coloca artistas locais em residência artística e posterior apresentação pública. Ambos os espetáculo decorrerão durante a tarde.

O programa cultural do próximo semestre encerra em 21 de setembro, com o arranque da edição de 2018 dos Encontros da Imagem, festival de fotografia que vai para a sua 28.ª edição, e com um concerto pelo músico britânico Pete Kember, um dos fundadores da icónica banda Spacemen 3, que se apresentará como Spectrum.

Populares