Seguir o O MINHO

Futebol

Treinador do Paços de Ferreira espera “jogo aberto” com o Gil Vicente

I Liga

em

Foto: DR / Arquivo

Pepa considerou hoje o quinto lugar do Paços de Ferreira, a duas jornadas do fim da I Liga de futebol, “uma sensação fantástica” e disse querer “acabar em grande” como visitado, acreditando num “jogo aberto” com o Gil Vicente.

Na conferência de antevisão ao jogo de sexta-feira, da 33.ª e penúltima jornada da I Liga, Pepa comparou o quinto lugar do novamente ‘europeu’ Paços de Ferreira, confirmado após a derrota do Vitória de Guimarães na receção ao Famalicão (2-1), na quarta-feira, à conquista de um título e anunciou que o grupo de trabalho quer acabar a temporada com “a imagem de marca que foi praticamente contínua ao longo da época”.

“[O quinto lugar] É o culminar de excelência de uma época fantástica a todos os níveis e para nós é um título. Interessa desfrutar ao máximo disto e isso é sermos iguais a nós próprios no jogo de amanhã [sexta-feira], divertirmo-nos com responsabilidade e terminar em beleza, com bom futebol, dentro daquilo que nós trabalhamos e tanto gostamos”, disse Pepa.

O técnico pacense reafirmou a intenção de manter até ao fim a imagem de marca da equipa, que “dá gosto ver jogar” e “todos sabem quem é, mesmo se o jogo passar a preto e branco”.

“Mais uma vez reforço que o quinto lugar a duas jornadas do fim nem nos melhores sonhos. Mas queremos sempre mais, não sei o resultado de amanhã [sexta-feira], mas sinto que vai ser um jogo aberto, com equipas a procurarem a vitória, com bons intervenientes e coletivos fortes. Tem tudo para ser um bom jogo”, sublinhou.

Para Pepa, o jogo com o Gil Vicente marca a despedida do técnico e da sua equipa do estádio Capital do Móvel (o Paços termina a época em Tondela).

“A nostalgia já está a bater há muito tempo. A partir do momento em que a decisão foi tomada, a cada dia há sempre esse sentimento de nostalgia e saudade, mesmo estando aqui. Temos de olhar para isto com naturalidade. Houve uma simbiose, uma comunhão se sentimentos de todos. Todos remaram para o mesmo lado e todos saímos valorizados”, referiu.

Diaby, David Suahele e Parano, todos com problemas físicos, vão falhar a receção ao Gil Vicente. Suahele e Parano são reforços de janeiro e ainda não somaram qualquer minuto em jogos oficiais, o que também acontece com o guarda-redes Zé Oliveira e o defesa Simão Rocha.

Na classificação, o Paços ocupa o quinto lugar, com 50 pontos, enquanto o Gil Vicente é 12.º, com 36. As duas equipas defrontam-se na abertura da 33.ª jornada, no estádio Capital do Móvel, na sexta-feira, às 19:00, num jogo que terá arbitragem de Hugo Silva, da associação de Santarém.

Populares