Sporting diz que foi prejudicado pelo VAR no jogo frente ao Vitória SC

O Sporting pediu hoje uma urgente uniformização dos critérios do videoárbitro (VAR) no futebol, considerando que é importante que se caminhe para que apenas haja especialistas na função.

“O VAR é uma ferramenta essencial para uma maior justiça e transparência das competições. Quem não defende o VAR, não defende a busca da verdade desportiva. O Sporting apela por isso a que haja urgentemente uma uniformização e entendimento do protocolo VAR por parte dos árbitros. Ganham os árbitros, ganham os clubes, ganha a verdade desportiva”, lê-se num comunicado.

Os ‘leões’ afirmam que nos encontros com Vitória SC (2-3) e FC Porto (2-0) “foi por demais evidente como o VAR adotou critérios opostos”, considerando que “em ambos foi o Sporting que saiu prejudicado”.

“A análise crítica do Sporting relativamente aos critérios de arbitragem depende da necessidade urgente da definição dos mesmos e da transparência das decisões. Não faz sentido uma semana ser adotado um critério de intervenção e na semana seguinte outro”, refere o clube.

Por isso, o Sporting “considera também que é importante que se caminhe para árbitros especialistas e exclusivos de VAR”, embora reconheça que “o atual número de árbitros não o permite fazer neste momento”, desafiando o Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) a começar “a preparar o futuro”.

“O Sporting reconhece o esforço do Conselho de Arbitragem em querer melhorar a arbitragem e continuará a lutar pela verdade desportiva. Essa nunca existirá sem uma arbitragem livre, independente e qualificada”, lê-se.

O Sporting recorda que ficou “sozinho quando apresentou a proposta para serem implementadas medidas que permitam a divulgação dos áudios e garantam uma maior transparência à arbitragem e integridade às próprias competições”, pedindo que sejam adotadas boas práticas de outros países.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

PS diz que Portugal reconhecer isoladamente Estado da Palestina "seria inconsequente”

Próximo Artigo

Sócrates diz que não ficou "pedra sobre pedra" da tese do MP sobre relação com Salgado

Artigos Relacionados
x