Seguir o O MINHO

Região

São estas as 66 escolas do Minho que vão ficar sem amianto

Quinze concelhos abrangidos

em

Foto: Ilustrativa / DR

O programa de remoção de amianto anunciado pelo governo contempla intervenções em 66 escolas da região do Minho.


São 15 concelhos dos distritos de Braga e Viana do Castelo que são abrangidos.

Barcelos é o concelho que mais se destaca com 19 escolas das quais será retirado o amianto, seguido de Guimarães (12) e Braga e Viana do Castelo (ambas com 6).

Em Famalicão, Fafe, Esposende e Cabeceiras de Basto serão intervencionadas quatro escolas, enquanto em Amares, Arcos de Valdevez, Caminha, Monção, Ponte de Lima, Póvoa de Lanhoso e Vila Verde será uma.

O programa para a retirada de amianto das escolas preconiza um investimento de 60 milhões de euros, financiado por verbas comunitárias, e abrange 578 estabelecimentos de ensino.

Amianto vai ser retirado de 218 escolas no Norte

De acordo com o despacho conjunto do ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, e da ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, das 578 escolas distribuídas pelas cinco NUTS II de Portugal continental, 218 ficam no Norte e 163 na Área Metropolitana de Lisboa. Há ainda 107 escolas no Centro (NUTS II), 59 no Alentejo e 31 no Algarve.

As escolas incluídas neste programa são da rede pública da educação pré-escolar, do ensino básico e do ensino secundário.

Lista de escolas abrangidas no Minho

Amares – Escola Secundária de Amares
Arcos de Valdevez – Escola Básica e Secundária de Arcos de Valdevez
Barcelos – Escola Básica de Abade de Neiva, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Aldão, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Areias de Vilar, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Cambeses, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Carapeços, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Carvalhal, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Fraião, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Galegos – Santa Maria, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Galegos – São Martinho, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Manhente, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Milhazes, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Moure, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Perelhal, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Remelhe, Barcelos
Barcelos – Escola Básica de Vila Boa, Barcelos
Barcelos – Escola Básica e Secundária de Vale do Tamel, Lijó, Barcelos
Barcelos – Escola Básica Gonçalo Nunes, Arcozelo, Barcelos
Barcelos – Escola Secundária de Barcelinhos, Barcelos
Barcelos – Jardim de Infância de Ferreiros, Cristelo, Barcelos
Braga – Escola Básica de Braga Oeste, Cabreiros, Braga
Braga – Escola Básica de Coucinheiro, Braga
Braga – Escola Básica de Lamaçães, Braga
Braga – Escola Básica de Mosteiro e Cávado, Panóias, Braga
Braga – Escola Básica de Palmeira, Braga
Braga – Escola Básica Frei Caetano Brandão, Maximinos, Braga
Cabeceiras de Basto – Escola Básica de Faia, Cabeceiras de Basto
Cabeceiras de Basto – Escola Básica de Ferreirinha, Cabeceiras de Basto
Cabeceiras de Basto – Escola Básica de Pedraça, Cabeceiras de Basto
Cabeceiras de Basto – Escola Básica do Arco de Baúlhe, Cabeceiras de Basto
Caminha – Escola Básica de Cruzeiro, Seixas, Caminha
Esposende – Escola Básica Antonio Correia Oliveira, Esposende
Esposende – Escola Básica de Apúlia, Esposende
Esposende – Escola Básica de Facho, Apúlia, Esposende
Esposende – Escola Básica de Forjães, Esposende
Fafe – Escola Básica de Montelongo, Fafe
Fafe – Escola Básica de Silvares, São Martinho, Fafe
Fafe – Escola Básica Padre Joaquim Flores, Revelhe
Fafe – Escola Básica Prof. Carlos Teixeira, Fafe
Guimarães – Escola Básica Agostinho da Silva, Guimarães
Guimarães – Escola Básica D. Afonso Henriques, Creixomil, Guimarães
Guimarães – Escola Básica de Casais, Brito, Guimarães
Guimarães – Escola Básica de Cerca do Paço, Guimarães
Guimarães – Escola Básica de Corvite, Guimarães
Guimarães – Escola Básica de Nossa Senhora da Conceição, Fermentões, Guimarães
Guimarães – Escola Básica de Oliveira do Castelo, Guimarães
Guimarães – Escola Básica de Pevidém, Selho – São Jorge, Guimarães
Guimarães – Escola Básica de Santa Luzia, Azurém, Guimarães
Guimarães – Escola Básica do Vale de São Torcato, Guimarães
Guimarães – Escola Básica Gil Vicente, Urgeses, Guimarães
Guimarães – Escola Básica Professor Abel Salazar, Guimarães
Monção – Escola Básica Deu-la-Deu Martins, Monção
Ponte de Lima – Escola Básica António Feijó, Ponte de Lima
Póvoa de Lanhoso – Escola Secundária de Póvoa de Lanhoso
Viana do Castelo – Escola Básica da Abelheira, Viana do Castelo
Viana do Castelo – Escola Básica da Foz do Neiva, Castelo do Neiva, Viana do Castelo
Viana do Castelo – Escola Básica de Darque, Viana do Castelo
Viana do Castelo – Escola Básica Dr. Pedro Barbosa, Viana do Castelo
Viana do Castelo – Escola Básica e Secundária de Arga e Lima, Lanheses, Viana do Castelo
Viana do Castelo – Escola Básica e Secundária Pintor José de Brito, Santa Marta de Portuzelo, Viana do Castelo
Vila Nova de Famalicão – Escola Básica Conde de Arnoso, Vila Nova de Famalicão
Vila Nova de Famalicão – Escola Básica D. Maria II, Gavião, Vila Nova de Famalicão
Vila Nova de Famalicão – Escola Básica Dr. Nuno Simões, Calendário, Vila Nova de Famalicão
Vila Nova de Famalicão – Escola Básica Júlio Brandão, Vila Nova de Famalicão
Vila Verde – Escola Básica de Moure e Ribeira do Neiva, Ribeira, Vila Verde

Anúncio

Alto Minho

Traficante apanhado em flagrante a vender droga em Viana do Castelo

GNR

em

Foto: GNR

Um homem de 50 anos foi detido em flagrante por tráfico de droga, na terça-feira, em Viana do Castelo, anunciou hoje a GNR.

“Na sequência de uma ação de patrulhamento, os militares abordaram um indivíduo que se encontrava a efetuar a venda de diverso material estupefaciente que tinha em sua posse”, relata a GNR em comunicado.

Após busca ao veículo do suspeito, foram apreendidas 20 doses de heroína, 14 doses de cocaína e 20 euros em numerário.

O detido, com antecedentes criminais pelo mesmo tipo de crime, foi constituído arguido e os factos remetidos para o Tribunal Judicial de Viana do Castelo.

Continuar a ler

Barcelos

‘Big Band’ de filarmónica histórica apresenta espetáculo “diferente” em Barcelos

Cultura

em

Foto: Divulgação / Banda de Música de Oliveira

Com 238 anos de história, a Banda Musical de Oliveira, de Barcelos, viu nascer no seu seio uma ‘Big Band’ com um repertório que vai do jazz ao swing, do samba ao funk, do rock ao pop. O grupo tem preparado um espetáculo especial que apresentará ao vivo, no sábado, pelas 21:30, na Frente Ribeirinha de Barcelos.

O espetáculo levou dois meses a ser preparada, embora o grupo ensaie com regularidade, e contará com temas de ícones como Frank Sinatra ou Carlos Santana.

Este será o segundo concerto da Big Band, cujo diretor artístico é o maestro Alfredo Macedo e envolve 16 músicos da Banda Musical, tendo-se estreado ao vivo em 11 de setembro de 2019 no festival Jazz ao Largo, em Barcelos.

Trata-se de um grupo de músicos que se juntou pelo gosto que têm ao jazz e querem aproveitar o seu talento para fazer algo diferente do que tradicionalmente se faz numa banda filarmónica.

Foto: Divulgação / Banda de Música de Oliveira

“A Big Band apresenta-se como mais um grupo nascido na Banda Musical de Oliveira que carrega, com orgulho e responsabilidade, o nome e a excelência cultural desta instituição”, refere comunicado, acrescentando que o seu reportório percorre os mais variados géneros.

O concerto de sábado, de entrada livre, inserido no evento Barcelos Prá Frente, terá como convidados especiais dois músicos locais: Luís Fernandes na guitarra e Cristiana Silva na voz.

“O nosso compromisso passa por proporcionar uma noite de verão repleta de música, e de boas energias, num ano que tem sido excecionalmente complicado para todos nós”, sublinha o conjunto.

A Banda Musical de Oliveira foi fundada em 1782 por António Gomes Ferraz, por ocasião dos festejos organizados para celebrar a conclusão das obras da reconstrução da Igreja Paroquial de Oliveira.

Continuar a ler

Braga

São João de Braga pode ser repescado nas 7 Maravilhas de Portugal

Cultura Popular

em

Foto: Divulgação / São João de Braga

As Festas de São João de Braga, que alcançaram o segundo lugar na final do distrito das 7 Maravilhas da Cultura Popular, voltam a ir a votos a 16 de agosto, na cerimónia da repescagem dos seis melhores segundos classificados.

Para Firmino Marques, presidente da Associação de Festas de São João de Braga, o segundo lugar das festas “pode levar o São João de Braga até primeira semifinal do concurso”, que acontece dia 23 de agosto, em Loulé.

Recorde-se que a Filigrana da Póvoa de Lanhoso foi a pré-finalista apurada, ontem, para representar o distrito de Braga às 7 Maravilhas da Cultura Popular.

Filigrana da Póvoa de Lanhoso representa Braga nas 7 Maravilhas da Cultura Popular

“Ainda que não tenhamos passado diretamente para a semifinal, acreditamos que a gala da repescagem nos possa ajudar a chegar à fase seguinte”, atira o responsável pela organização das sanjoaninas de Braga,citado em nota de imprensa.

Com duas candidaturas, promovidas pela Associação de Festas de São João de Braga, na luta por um lugar na próxima fase, e depois de uma final regional renhida, as Festas de São João de Braga acabaram por se destacar, deixando a candidatura dedicada aos Gigantones e Cabeçudos pela final regional.

“Quando nos candidatamos às 7 Maravilhas sabíamos que o desafio seria grande e que todas as candidaturas que apresentamos (6 candidaturas iniciais) teriam força e história para as trazer até esta fase regional. Ainda que tenham ficado em sétimo lugar, os Gigantones e Cabeçudos chegam à repescagem através da candidatura das Festas de São João, uma vez que são uma parte muito importante das nossas festas”, recorda o responsável pela organização das sanjoaninas.

Romaria de S. Bartolomeu representa Alto Minho nas 7 Maravilhas da Cultura Popular

O segundo lugar, anunciado na manhã desta quarta-feira, 12 de agosto, coloca o São João de Braga na gala de repescagem, que acontecerá já este domingo, 16 de agosto, em Porto de Mós.

O número de votação mantém-se inalterado, no entanto, o período para fazer chamadas será reduzido, concentrando-se entre as 11:30 e as 19:30 do próximo domingo.

Organizado pelas 7 Maravilhas de Portugal, esta edição dedicada à Cultura Popular tem como categorias o artesanato, artefactos, lendas e mitos, festas e feiras, músicas e danças, rituais e costumes, procissões e romarias.

Continuar a ler

Populares