Seguir o O MINHO

Braga

Rio Torto em Braga coberto por espuma branca

Poluição

em

O rio Torto em Braga ficou ‘tapado’ por uma espuma branca proveniente de descarga ilegal, como mostram imagens captadas no último domingo naquela linha de água, na freguesia de Panóias.

O PAN considera que em causa está a “destruição do rio Torto / ribeira de Panóias” e “de um ecossistema”.

“Esta situação já se arrasta há demasiado tempo e a sua resolução deveria ter sido assumida como uma prioridade há vários anos”, escreve o partido, considerando “incompreensível a leveza com que a Câmara Municipal tem tratado este verdadeiro atentado ambiental”.

Como O MINHO noticiou, em março a GNR detetou no rio Torto uma descarga de águas residuais que, depois de diversas diligências policiais, foi possível determinar a sua origem, tendo sido elaborado um auto de notícia pelo crime de poluição, tendo os factos sido remetidos para o Tribunal Judicial de Braga.

Ainda recentemente, Os Verdes questionaram o Governo sobre uma descarga poluente caraterizada por odor “nauseabundo” na Ribeira de Panoias, também conhecido localmente como troço do rio Torto, que a população considera serem frequentes aos fins de semana naquele local.

A ribeira de Panoias, cujo afluente é o rio Torto, atravessa as freguesias de Palmeira, Dume, Frossos, Parada de Tibães, Panóias e Mire de Tibães.

Na questão dirigida ao Ministério do Ambiente, Os Verdes reclamam “a definitiva resolução deste atentado ambiental do qual resulta grave impacto sobre a qualidade de vida da população”.

Populares