Seguir o O MINHO

País

Queixas contra o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras disparam 139%

Desde o início do ano já foram registadas 133 queixas

em

Foto: DR

O Portal da Queixa registou “um aumento significativo” das reclamações dirigidas ao Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF). Entre 14 de abril de 2018 e 14 de abril de 2019, as queixas dispararam 139%, comparativamente com o período homólogo. A dificuldade em conseguir agendamento é a principal queixa apresentada nos períodos em análise.

“O Portal da Queixa tem acompanhado a crescente insatisfação dos cidadãos estrangeiros perante os serviços prestados pelo SEF. Desde o início do ano e até ao dia 14 de abril, já foram registadas na sua plataforma online 133 reclamações”, diz em comunicado.

A equipa do Portal da Queixa decidiu analisar dois períodos mais longos e verificou que, “de 14 de abril de 2017 a 14 de abril de 2018, foram recebidas 198 reclamações, tendo constatado que o número das queixas disparou para 474, entre 14 de abril de 2018 e 14 de abril de 2019, refletindo uma significativa subida de 139%”, acrescentam os resposnáveis pela plataforma.

São vários os motivos das reclamações que os cidadãos dirigem ao SEF. No entanto, a maioria reporta “a dificuldade em conseguir agendamento, a demora na entrega dos documentos, o mau atendimento e a falta de resposta”.

Populares