Seguir o O MINHO

Barcelos

Profissionais de saúde disputam, em Barcelos, o título de campeões nacionais de futsal e da solidariedade

15 unidades de saúde participam no torneio

em

Foto: Divulgação

São mais de 250 profissionais de saúde representando 15 unidades do norte e centro do país, aqueles que participam nas finais do Torneio Nacional Inter-Hospitalar de futsal.


Marcado para sábado, entre as 12:00 e as 15:00, no Colégio La Salle, em Barcelinhos, o torneio organizado pela Casa do Pessoal do Hospital Santa Maria Maior, de Barcelos, tem como mote #CampeõesDentroEForaDeCampo e culminará numa recolha de bens alimentares em prol de uma Instituição de Solidariedade Social que ajuda anualmente 390 mil pessoas em Portugal.

As principais finais realizam-se às 16:00 com o jogo entre o Hospital de Viana do Castelo e a Santa Casa da Misericórdia de Arcos de Valdevez, para o apuramento do campeão da taça secundária, e às 18:00 com o jogo entre o Hospital de Barcelos e a Santa Casa da Misericórdia de Riba D’Ave, que decidirá quem são os grandes vencedores da presente edição.

Os Hospitais de Santa Maria Maior (Barcelos); Viana do Castelo; Coimbra; Guimarães; Aveiro; Santa Maria da Feira; Ordem do Terço (Porto) e Padre Américo (Penafiel), as Santas Casas da Misericórdia de Fafe; Vila Verde; Felgueiras; Arcos de Valdevez; Riba D’Ave; Vizela e o Instituto Português de Oncologia do Porto estiveram envolvidos nesta competição que arrancou a 2 de março.

Realizado desde 2013, o Torneio Nacional Inter-Hospitalar de Futsal “visa combater o desgaste e exaustão provocados pelo contexto laboral, bem como promover o convívio e a prática de hábitos de vida saudáveis”, segundo nota enviada.

Para além destes, a edição de 2019 da competição tem “como objetivos a promoção de uma sociedade mais justa e o combate pelas desigualdades. Para isso, será realizada uma mega recolha de bens alimentares, que posteriormente serão entregues a uma instituição que atua na área do combate à fome”.

Anúncio

Barcelos

IPSS de Barcelos acusada de burla tributária

Vila Cova

em

Foto: DR

O Ministério Público acusou de burla tributária quatro responsáveis de uma instituição particular de solidariedade social (IPSS) de Vila Cova, Barcelos, por alegadamente terem recebido prestações da Segurança Social por serviços que não foram prestados.

Em nota hoje publicada na sua página, a Procuradoria-Geral da República acrescenta que a IPSS também está acusada do mesmo crime.

Segundo o Ministério Público (MP), com aquele procedimento a IPPS obteve indevidamente da Segurança Social o valor total de 169.579 euros.

Por isso, o MP pede que arguidos sejam condenados a pagar solidariamente aquele montante ao Estado.

O MP considerou indiciado que os arguidos, de 2013 a 2016, incluíram nas listagens enviadas à Segurança Social, para efeito de recebimento de prestações, duas crianças como frequentadoras da creche, “as quais, na realidade, nunca a tinham frequentado”.

De 2013 a 2017, e ainda segundo o MP, imputaram, relativamente a 27 utentes da resposta social de serviço de apoio domiciliário, a prestação de serviços “que não tinham sido prestados”.

Todos os arguidos estão acusados da prática de um crime de burla tributária agravado.

Continuar a ler

Barcelos

Homem de 65 anos detido por caça ilegal em Barcelos

GNR

em

Foto: GNR

Um homem de 65 anos foi detido no concelho de Barcelos por caça ilegal, na passada quinta-feira, anunciou hoje a GNR.

Um militar, fora de serviço, ouvir disparos perto de uma zona residencial e verificou que um homem estava a caçar a menos de 100 metros das habitações.

“Após diligências policiais, o Núcleo de Proteção Ambiental procedeu à detenção do suspeito, tendo apreendido uma caçadeira, seis munições calibre 12 e uma peça de caça.

O detido foi constituído arguido.

Os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Barcelos.

Continuar a ler

Barcelos

António Costa em Barcelos para sessão de abertura do ano letivo no IPCA

Ensino superior

em

António Costa. Foto: Twitter / António Costa / Arquivo

O primeiro-ministro António Costa vai marcar presença na sessão de abertura do ano letivo 2020-2021 do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA), no próximo dia 13 de outubro, no campus do IPCA, em Barcelos, anunciou hoje a instituição.

“Num ano marcado pelo regresso às aulas com segurança, mediante o rigoroso cumprimento do Plano de Contingência Interno do IPCA bem como das medidas de segurança definidas pelas autoridades de saúde competentes, António Costa fez questão de estar presente na abertura oficial do ano letivo 20/21 do IPCA”, escreve a instituição.

O primeiro-ministro far-se-á acompanhar pelo Ministro do Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor que tem defendido o regresso às aulas presenciais com segurança e responsabilidade de forma a permitir uma maior equidade e inclusão no acesso ao ensino superior.

A visita incluirá a passagem pelas escolas, onde terá oportunidade de assistir a uma aula presencial e uma aula em regime híbrido (com estudantes em sala de aula e estudantes a participar à distância através do uso de smart board, sistema de som e câmara e outras ferramentas adequadas ao modelo de ensino híbrido), visita aos laboratórios de investigação e ainda falar aos novos estudantes que estarão representados na “Tenda Académica do IPCA”.

À margem desta sessão será inaugurado o M-Factory Lab – um laboratório industrial que proporciona as melhores condições para a formação em contexto prático, nas áreas da mecatrónica, mecânica, robótica, maquinação e gestão industrial.

Após percorrer as instalações e realizar as visitas previstas, iniciar-se-á a sessão de abertura do ano letivo 2020/2021 no auditório Eng. António Tavares com um momento de espetáculo multimédia e os habituais discursos.

O ano letivo 2020/21 iniciou a 23 de setembro com o 2.º e 3.º ano dos cursos de licenciatura, tendo neste momento recebido já os novos estudantes de licenciatura e cursos técnicos superiores profissionais cujas aulas iniciaram a 06 de outubro. Até meados de 24 de outubro os cursos de mestrado estarão também todos em funcionamento.

Esta sessão insere-se no âmbito do WelcomeIPCA – um programa de receção e integração dos novos estudantes no seio académico e na cidade que os recebe, incluindo diversas atividades e iniciativas de índole académica, cultural e recreativa.

Continuar a ler

Populares