Seguir o O MINHO

Futebol

Presidente do FC Porto repudia ataque ao carro da família de Sérgio Conceição

I Liga

em

O presidente do campeão nacional de futebol FC Porto, Jorge Nuno Pinto da Costa, repudiou hoje o apedrejamento à viatura da família do treinador Sérgio Conceição, ocorrido na semana passada, após um jogo da Liga dos Campeões.

“Temos de ser absolutamente intolerantes relativamente a atitudes de supostos portistas que se comportam como inimigos deste clube. O apedrejamento do carro da família do Sérgio Conceição depois de um jogo foi um acontecimento abjeto que merece o nosso repúdio. Quem o praticou, se for sócio do FC Porto e estiver, por isso, sob a alçada disciplinar do clube, terá de ser severamente penalizado”, lê-se no editorial da edição de setembro da revista Dragões, que é assinado pelo líder máximo dos ‘azuis e brancos’ e que foi divulgado no site oficial do clube.

Em 13 de setembro, após a derrota do FC Porto com o Club Brugge (0-4), em jogo da segunda jornada do Grupo B da Liga dos Campeões, a viatura na qual seguiam a mulher do treinador dos ‘dragões’, Liliana Conceição, e dois dos filhos, Rodrigo, de 22 anos, que esteve no banco da partida frente ao tricampeão belga, e José, de sete, foi apedrejada.

Os ‘azuis e brancos’, que averbaram o segundo desaire na prova, mostraram repúdio na quarta-feira e lamentaram “a falta de proteção das autoridades”, apelando a que “o autor ou autores deste ato selvagem” fossem “rapidamente identificados e responsabilizados”.

Dois dias depois, o Comando Metropolitano do Porto da Polícia de Segurança Pública (PSP) anunciou já ter identificado os suspeitos do apedrejamento, que provocou alguns vidros partidos, “tendo o facto sido participado às entidades judiciárias competentes”.

O FC Porto encara a paragem da I Liga para os jogos das seleções nacionais na terceira posição, com 16 pontos, a cinco do líder isolado Benfica e a três do Sporting de Braga, segundo classificado, que vai receber em 30 de setembro, em partida da oitava jornada.

Populares