Portugal retira candidatura de João Leão à liderança do Mecanismo Europeu de Estabilidade

Economia
Foto: DR

O Governo português anunciou hoje ter retirado a candidatura do ex-ministro das Finanças João Leão ao cargo de diretor executivo do Mecanismo Europeu de Estabilidade (MEE), num acordo com o Luxemburgo, que também abdicou do seu candidato.

“O Ministério das Finanças informa que as candidaturas dos ex-ministros das Finanças português e luxemburguês, João Leão e Pierre Gramegna, ao cargo de diretor-geral do MEE foram retiradas de comum acordo no interesse da instituição sediada no Luxemburgo”, informa a tutela em comunicado, explicando que o consenso visa “evitar um impasse e não prejudicar a sucessão de Klaus Regling”.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Urgência de cirurgia pediátrica do Hospital de Braga voltou a funcionar "24 horas por dia, 7 dias por semana"

Próximo Artigo

A cada quatro segundos morre uma pessoa por falta de comida

Artigos Relacionados
x