Seguir o O MINHO

Desporto

Pimenta acredita que pode ajudar Portugal em dois pódios Mundiais

em

O canoísta Fernando Pimenta acredita que pode ajudar Portugal a conquistar duas medalhas nos Mundiais de Milão, Itália, após a qualidade do seu apuramento para a final de K1 1000 e pelo histórico do K4 1000.

“Quem sabe? O nível está muito alto. É difícil dizer que o vencedor de 2014 vai repetir. Há finalistas e medalhados dos anos anteriores a ficar de fora [das finais]. Quero estar a lutar até ao fim com todas as minhas forças, claro que por um lugar no pódio”, disse aos jornalistas, após vencer a sua meia-final individual.

Fernando Pimenta recorda que em 2014 foi apenas 10.º, vencendo a final B, e que agora chega à regata das medalhas “com boas sensações”.

Ainda assim, não quer pensar já na final antes de ajudar a levar o K4 1000 com João Ribeiro, Emanuel Silva e David Fernandes à prova com as nove melhores equipas do mundo.

“Agora o meu foco volta-se para o K4, recuperar ao máximo para estar com o ‘cartucho’ cheio para sexta-feira tentar o apuramento direto para a final [vencer a eliminatória], o grande objetivo”, completou.

Se assim for, Pimenta e os seus companheiros poupam-se da meia-final que se disputa sábado à tarde: “E assim também tentamos intimidar os nossos adversários”.

Também nas redes sociais, o Máquina de Ponte de Lima deixou uma mensagem aos seguidores da sua página:

 

Olá amigos, começei hoje o campeonato do mundo da melhor forma com a conquista da final A do K1 1000mts. De manhã…

Posted by Fernando Pimenta on Quinta-feira, 20 de agosto de 2015

 

Os Mundiais de canoagem decorrem até domingo e reúnem cerca de 1.000 canoístas de 86 países.

Populares