Seguir o O MINHO

SC Braga

Orçamento do SC Braga é cinco vezes inferior ao do FC Porto

em

Foto: DR/Arquivo

O orçamento do SC Braga para a época 2018/2019 é cinco vezes inferior ao do FC Porto, clube que mais irá gastar na época que agora começa: 90 milhões de euros.

Os valores são revelados este domingo pelo “Jornal de Negócios”, num artigo onde é destacado o facto de o atual campeão nacional ter um orçamento superior à soma de 15 equipas da Liga, onde se incluem o ‘arsenalistas’, deixando de fora apenas o Benfica e Sporting, com 70 milhões de euros, cada.

O orçamento do SC Braga para a presente época é, de acordo com a mesma fonte, de 16 milhões de euros.

Na análise, é ainda destacado o facto de os orçamentos dos chamados três grandes representarem 72,9% dos 315,4 milhões de euros que irão ser gastos pelos 18 clubes da I Liga portuguesa.

Metade das equipas que disputam o campeonato têm um orçamento inferior a cinco milhões de euros. O Boavista, com 2,5 milhões, é o clube que tem a equipa mais barata.

Anúncio

Futebol

Liga dos Campeões feminina: Treinador do PSG quer mostrar favoritismo “dentro de campo”

Primeira mão dos 16 avos de final

em

Foto: Facebook de PSG Féminines

O treinador do Paris Saint-Germain (PSG) disse hoje que só dentro de campo a equipa francesa pode confirmar o favoritismo nos 16 avos de final da Liga dos Campeões de futebol feminino face ao SC Braga.

As duas equipas defrontam-se na quinta-feira, em Braga, na primeira mão, e, confrontando com o favoritismo do PSG, que, na época passada, chegou aos quartos de final da ‘Champions’ e foi segundo no seu campeonato, só atrás do poderoso Lyon, que também conquistou a Liga dos Campeões, notou que “só dentro de campo é que isso se pode provar”.

“O Braga fez um ótimo campeonato na época passada, e uma excelente primeira fase da Liga dos Campeões, e esperamos um jogo complicado”, disse Olivier Echoufani, na conferência de imprensa de antevisão da partida.

O técnico, de 46 anos, disse ter visto o jogo das bracarenses com o Benfica, da Supertaça [derrota por 1-0, no domingo] e destacou os pontos fortes das minhotas.

“É uma equipa muito técnica e, acima de tudo, muito coletiva. Em 22 jogos na época passada, venceu 20, marcou 106 golos e só sofreu seis. Portugal é um país onde se gosta de jogar futebol, as suas equipas gostam de ter bola e mostrar a sua técnica”, disse.

Por seu lado, a internacional brasileira Formiga disse que não espera facilidades diante das ‘arsenalistas’.

“Sabemos da qualidade do Braga. Vimos o último jogo com o Benfica e vamos ver mais vídeos hoje à noite para não sermos apanhadas desprevenidas”, garantiu.

A veterana jogadora, de 41 anos, disse ainda que o PSG vai querer assumir o jogo desde o início.

“Não vamos fugir das nossas características de jogo. Vamos querer marcar e ter cuidado com os contra-ataques, mas a nossa tendência é ir para cima e tentar ganhar vantagem”, disse.

Continuar a ler

SC Braga

Liga dos Campeões feminina chega esta quinta-feira a Braga com um gigante e entradas grátis

16 avos de final opõe o SC Braga ao PSG

em

Foto: DR / Arquivo

O SC Braga defronta esta quinta-feira o Paris Saint-Germain (PSG), no Estádio Municipal, para os 16 avos de final da Liga dos Campeões feminina. O encontro está agendado para as 20:00 horas e a entrada é livre.

O clube anunciou que, com o intuito de facilitar o acesso, não é necessário levantar bilhete, pelo que também não há reserva de cadeira para os detentores de lugar anual.

Este é o primeiro jogo do SC Braga na condição de visitado em jogos a contar para a Liga dos Campeões Feminina, competição na qual se estreou esta época, e também a primeiro jogo em casa em 2019/20.

As Gverreiras chegam a esta fase depois de ultrapassarem o grupo disputado na Letónia e em que o SC Braga derrotou o Sturm Graz, o Apollon Ladies e o Riga.

A equipa feminina do PSG, que, internamente, procura acabar com hegemonia do Lyon, campeão francês há 13 anos consecutivos, é a atual terceira equipa melhor colocada no ranking dos clubes que participam na Champions feminina, numa lista em que o SC Braga aparece em penúltimo.

Cabeças-de-série
Lyon (Fra, campeão em título) coeficiente 129.865
Wolfsburg (Ale) 112.575
Paris Saint-Germain (Fra) 99.865
Barcelona (Esp) 91.160
Bayern München (Ale) 67.575
Slavia Praha (Che) 59.870
Manchester City (Ing) 59.655
Brøndby (Din) 50.045
Fortuna Hjørring (Din) 47.045
FC Zürich (Suí) 44.230
BIIK-Kazygurt* (Caz) 34.580
Glasgow City (Esc) 34.085
Atlético Madrid (Esp) 33.160
Sparta Praha (Che) 32.870
FC Twente* (Hol) 26.900
Fiorentina (Ita) 26.890

Não cabeças-de-série
St. Pölten (Aus) 20.270
ŽFK Spartak* (Ser) 17.955
Arsenal (Ing) 17.655
Piteå (Sué) 17.655
Göteborg (Sué) 17.655
FC Minsk* (Bie) 16.625
Juventus (Itá) 14.890
Ryazan-VDV (Rús) 14.580
Hibernian* (Esc) 13.085
Breidablik* (Isl) 10.930
Lugano (Suí) 10.230
Chertanovo (Rús) 8.580
Vllaznia* (Alb) 7.315
Anderlecht* (Bel) 5.465
Braga* (Por) 3.630
Mitrovica* (Kos) 0.330

As francesas já chegaram duas vezes à final da competição – perderam, em 2014/2015, contra o Frankfurt (Alemanha), após prolongamento, e em 2016/2017, nos penáltis, contra o Lyon.

O jogo da segunda-mão está marcado para o próximo dia 26 de setembro.

Continuar a ler

Futebol

SC Braga com reforços de última hora no fecho do mercado de transferências

Último dia do mercado

em

O SC Braga anunciou, na segunda-feira, dois reforços de última hora.

O defesa-central Wallace, que chega por empréstimo de uma época dos italianos da Lazio, é um deles, informou, no último dia do mercado de transferências, o clube minhoto da I Liga de futebol.

Foto: Facebook de SC Braga

Trata-se de um regresso do jogador de 24 anos a Braga, ao qual chegou em 2014/15.

Contudo, o central brasileiro nunca jogou uma partida oficial pelos ‘arsenalistas’, tendo rumado logo nessa temporada, por empréstimo, ao Mónaco, no qual jogou duas temporadas. O jogador seguiu depois para Roma, para representar a Lazio.

O médio nigeriano Uche Agbo é o outro reforço, por empréstimo de uma época dos belgas do Standard de Liège, com opção de compra.

Foto: Facebook de SC Braga

Internacional pela Nigéria, Uche Agbo, de 23 anos, já foi orientado pelo técnico dos minhotos, Ricardo Sá Pinto, na Bélgica, em 2017/18.

Antes, passou pelos italianos da Udinese, pelo Granada (Espanha) e, na última época, pelo Rayo Vallecano (Espanha), também emprestado pelo Standard de Liège.

Continuar a ler

Populares