Seguir o O MINHO

Esposende

Observatório Marinho de Esposende deu-se a conhecer no Fórum do Mar 2018

em

Foto: DR

O Município de Esposende marcou presença no Business2Sea – Fórum do Mar 2018, que decorreu entre os dias 14 e 16 de novembro, no Centro de Congressos da Alfândega do Porto, numa organização da Fórum Oceano com a colaboração da Fundação CETMAR – Centro Tecnológico do Mar, com sede na Galiza.

O Fórum do Mar é um evento orientado para o fomento das relações entre poderes públicos, empresas, universidades e centros de I&D e associações, nacionais e estrangeiras, com atividade em diferentes domínios da economia do Mar.

Esta edição foi dedicada ao tema “Desafios do Mar 2030”, apresentando um programa diversificado dedicado ao tratamento e debate de um conjunto de desafios de natureza tecnológica, ambiental, social e económica com que os diferentes intervenientes da economia do Mar se vão confrontar na próxima década. Assim, além de seminários e de workshops, o evento integrou uma Conferência Comemorativa do Dia Nacional do Mar (efeméride que se assinala a 16 de novembro), um Programa de Encontros de Negócio, sessões de pitches organizadas no programa “Curtas de Mar”, uma componente
expositiva e ainda alguns momentos pedagógicos e de animação sobre cultura marítima e literacia dos oceanos.

Atendendo à temática em causa, o Município de Esposende, em colaboração com a empresa municipal Esposende Ambiente e o Forum Esposendense, associado do Fórum Oceano, apresentou o OMARE – Observatório Marinho de Esposende, um portal de informação da biodiversidade marinha do litoral norte de Portugal dedicado à ciência, conservação e desenvolvimento sustentável.

Esta plataforma é fruto de uma parceria entre o Município de Esposende, a Universidade do Minho e o Instituto de Conservação da Natureza e Florestas. A área de atuação/intervenção do OMARE abrange toda a área marinha da área protegida do Parque Natural do Litoral Norte, mas os resultados da implementação deste projeto repercutem-se a nível nacional, contribuindo para um melhor e mais profundo conhecimento da biodiversidade e habitats marinhos presentes na costa portuguesa.

Além da participação no espaço expositivo do evento, foi feita também a apresentação
do projeto no “Curtas de Mar”, pelo biólogo Vasco Ferreira, coordenador do OMARE.

Populares