Seguir o O MINHO

Alto Minho

Norte de Portugal e Galiza querem melhorar caminhos de Santiago com fundos 2020

em

O Norte de Portugal e a Galiza querem aproveitar fundos comunitários 2020 para normalizar e melhorar os caminhos de Santiago até Compostela, que carecem de uma abordagem integrada, avançou esta sexta-feira a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional.

“O memorando [assinado esta sexta] estabelece compromissos, um deles é uma abordagem integrada dos caminhos de Santiago a partir da qual se está a preparar um projeto para apresentar candidatura a fundos europeus de cooperação transfronteiriça”, afirmou o vice-presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N).

Carlos Neves falava no final da cerimónia de assinatura de um memorando entre a Agência de Turismo de Galiza e o Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP) que estabelece as bases e os critérios para futuras ações conjuntas de colaboração com vista a valorizar os seus recursos turísticos.

As duas entidades pretendem desta forma “favorecer um melhor conhecimento da Eurorregião Galiza-Norte de Portugal e valorizar a sua riqueza e diversidade turísticas além-fronteiras”, refere comunicado da CCDR-N que promoveu o encontro desta sexta.

De acordo com Carlos Neves, o memorando assinado foi uma forma de “formalizar um laço de cooperação de longa data” e “criar uma relação vinculadora e um compromisso de cooperação muito importante”.

Com esta colaboração, a Agência de Turismo da Galiza e o TPNP preveem, entre outras ações, estabelecer uma dinâmica de intercâmbios regulares e trocar informações de planos estratégicos e de marketing do território, com vista a definir áreas de trabalho comuns.

As entidades ambicionam também estabelecer uma colaboração na definição e gestão dos Caminhos de Santiago no território português, para assegurar uma identidade única em questões como a sinalética, a comunicação ou a política de albergues.

“Há que normalizar [a sinalética, cartografia e descritivo histórico] e perceber que entidades têm responsabilidades de estabelecer políticas e gerir o património”, assinalou o responsável, destacando o “principal eixo estrutural da [estratégia traçada no memorando] que é o caminho português de Santiago”.

Para Melchior Moreira, da TPNP, “o acordo assinado é mais uma evidência da estratégia que a Turismo do Porto e Norte tem seguido: a procura de sinergias entre parceiros públicos e privados no sentido de criar uma rede que permita abraçar projetos mais ambiciosos que sustentem o turismo e a economia no destino Porto e Norte e no país”.

“A ligação com a Galiza tem-se estreitado nos últimos anos. É notório o interesse que o Porto e Norte desperta nos galegos e a importância das visitações ao nosso território é demasiado marcante para não unirmos mais-valias, seja em casos concretos como candidaturas a fundos europeus de cooperação transfronteiriça seja na afinação das dinâmicas dos planos estratégicos que afunilem em áreas comuns”, realçou.

O protocolo foi assinado esta sexta na Direção Regional de Cultura do Norte, no Porto, por Nava Castro Domínguez, diretora da Agência de Turismo da Galiza, e por Melchior Moreira, presidente do TPNP.

No memorando está ainda presente a intenção de serem exploradas iniciativas conjuntas relacionadas com o turismo, a saúde e com o rio Minho e a preparação de candidaturas às diferentes convocatórias de fundos europeus.

 

Anúncio

Alto Minho

Bombeiros de Valença homenageados na Galiza

Confrades de honra de San Telmo

em

Foto: Cortesia de Radio Municipal de Tui

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Valença foi, este sábado, alvo de uma homenagem na catedral da cidade vizinha de Tui, na Galiza (Espanha).

Esta homenagem, fruto de “uma histórica ligação” de apoio ao longo dos 100 anos da corporação portuguesa, foi proposta pela Confraria de San Telmo, baseada naquela cidade espanhola, que reconheceu não só a direção como todo o corpo de bombeiros como “confrades de honra de San Telmo”.

Esteve presente o presidente da direção, Fernando Oliveira, e o comandante do corpo de bombeiros, Miguel Lourenço, assim como outros elementos da direção, do corpo ativo e do quadro de honra daquela instituição.

“A todos os Tudenses, um enorme agradecimento pelo reconhecimento e importante nomeação, que será sem dúvida mais um marco no ano de cumprimento do nosso centenário de vida”, referiu a associação, em comunicado divulgado na sua página de Facebook.

Os Bombeiros de Valença, assim como os serviços de proteção civil, efetuam, ao longo do ano e sob várias valências, uma série de serviços em conjunto com os meios de socorro galegos.

A associação está a celebrar, em 2019, o seu centenário.

Continuar a ler

Viana do Castelo

Viana: Emília Cerqueira e Jorge Mendes eleitos para a coordenação de comissões parlamentares

A deputada vai coordenar o Grupo Parlamentar do PSD nas matérias relacionadas com a problemática do Mundo Rural e do Mar

em

Emília Cerqueira e Jorge Mendes, deputados eleitos por Viana. Foto: Divulgação

Os deputados do PSD escolheram, na quinta-feira, os Coordenadores e Vice-coordenadores do partido nas Comissões Parlamentares Permanentes, tendo sido eleitos os deputados do PSD do distrito de Viana do Castelo, Emília Cerqueira e Jorge Mendes.

Emília Cerqueira foi eleita coordenadora da Comissão de Agricultura e Mar onde passa a coordenar o Grupo Parlamentar do PSD nas matérias relacionadas com a problemática do Mundo Rural e do Mar.

Jorge Mendes, por seu lado, foi eleito vice-coordenador na Comissão de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação onde exercerá as funções de coadjuvação na coordenação do Grupo Parlamentar nas áreas da Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação.

“Com esta eleição para cargos de coordenação, os deputados do PSD, eleitos pelo Alto Minho, assumem um papel relevante na condução dos interesses da nossa região e reunirão condições privilegiadas para colocar o distrito na centralidade da agenda política”, referem os deputados em nota de imprensa.

Continuar a ler

Viana do Castelo

Estação Salva-Vidas de Viana resgata tripulante de cargueiro com problemas de saúde

Resgate

em

Foto: Divulgação

Um tripulante de um cargueiro, que estava com problemas de saúde, foi resgatado, esta sexta-feira à noite, pela Estação Salva-Vidas de Viana do Castelo.

De acordo com o capitão de porto e comandante da Polícia Marítima de Viana do Castelo, Sameiro Matias, citado pela Rádio Alto Minho, o homem resgatar tem 50 anos, é de nacionalidade estrangeira e queixava-se de um problema ocular, necessitando de cuidados médicos.

A operação de resgate, a cerca de 50 milhas da costa vianense, teve início às 17:00 horas, mobilizando vários meios de emergência, terminando por volta das 20:30.

Ondas com seis metros de altura

Face à intensa agitação marítima, o capitão destacou o resgate por entre ondas que iam “dos quatro aos seis metros”.

“O navio navegava a cerca de 50 milhas da costa e aproximou-se até às 16/18 milhas para permitir a manobra do salva-vidas Atento e o resgate do tripulante. Concluída a operação o navio prosseguiu viagem”, disse o capitão, citado pela mesma fonte.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Vamos Ajudar?

Reportagens da Semana

Populares