Seguir o O MINHO

Guimarães

No Dia do Animal, gato é resgatado de uma torre de alta tensão em Guimarães

Resgate

em

Foto: Facebook de Bombeiros de Guimarães

Foi um Dia Mundial do Animal diferente para um gato de Guimarães. O felino decidiu aventurar-se, este domingo, na subida a um poste de alta tensão, na freguesia de Selho São Lourenço, mas, depois de uma subida de quase 30 metros, já não conseguiu descer.


Os donos, conta o Guimarães Digital, do Grupo Santiago, pediram auxílio aos bombeiros, com os operacionais Henrique Freitas e Eusébio Antunes a apresentarem-se no local, cerca das 14:40.

Através da autoescada, os bombeiros conseguiram resgatar o gato, numa operação delicada que teve o olhar atento do tutor do animal.

O gato acabou por pisar terra firme são e salvo, graças à destreza de Henrique e Eusébio.

“Por muitos anos de experiência que um bombeiro tenha, há momentos que consideramos únicos, pela singularidade, pelo perigo e risco do ato em si. Resgatar um animal, numa torre de alta tensão, que se encontra a 30 metros de altura, é sempre motivo de registo. Parabéns á equipa de bombeiros que participou no resgate com sucesso”, escreveu a corporação na página de Facebook.

Este foi já o quarto gato a ser resgatado pela corporação ao longo da última semana.

Anúncio

Guimarães

Foram de ‘scooter’ roubar maços de tabaco em Guimarães mas foram apanhados

Furto em estabelecimento comercial

em

Foto: GNR

Dois homens, de 16 e 30 anos, foram detidos, na madrugada desta segunda-feira, em flagrante a assaltar um estabelecimento comercial, em Selho São Jorge, no concelho Guimarães, anunciou hoje a GNR.

Em comunicado, o Comando Territorial de Braga da GNR refere que, no seguimento de uma denúncia por furto, os militares encontraram no local os suspeitos na posse do material furtado, designadamente 42 maços de tabaco e 170 euros em numerário, entre outros objetos.

Os bens furtados foram apreendidos e serão restituídos ao proprietário.

Foi ainda apreendido um ciclomotor utilizado no furto.

Os dois detidos serão presentes hoje ao Tribunal Judicial de Guimarães.

Continuar a ler

Guimarães

Novo ajuntamento esta madrugada em protesto pelas Festas Nicolinas em Guimarães

PSP identificou dezenas de jovens

em

Foto: Redes sociais / Arquivo

A PSP identificou dezenas de jovens que, pelas 05:00 desta segunda-feira, protestaram no centro de Guimarães pela realização das Festas Nicolinas. Esta situação acontece depois de, no domingo, ter-se registado ajuntamento, disperso pelas autoridades, no arranque daquelas tradicionais festividades.

Em declarações à Antena 1, o porta-voz da PSP, Nuno Bugalho Carocha, explica que, esta madrugada, “no centro da cidade de Guimarães, algumas dezenas de pessoa vieram com cartazes e alguns instrumentos fazer ruído para a rua em defesa da realização das Festas Nicolinas naquela cidade”.

“A nossa parte a postura foi obviamente de fazer cessar aquele incómodo para toda a população o mais depressa possível”, acrescenta o responsável.

PSP evitou “intervenção pela força” para dispersar aglomerado Nicolino em Guimarães

Ontem, perto de uma centena de pessoas juntou-se durante a manhã no centro histórico de Guimarães para dar mote ao início das Festas Nicolinas. Dezenas de pessoas tocaram bombos, como manda a tradição, enquanto outros conviveram para assinalar o início das mais tradicionais festas do berço do país.

Continuar a ler

Guimarães

Centenas de bombos ecoaram a partir das varandas de Guimarães

Centenas de pessoas aderiram à iniciativa do Dia do Pinheiro, versão 2020, que consistiu no tradicional toque do bombo, mas desta vez à varanda, face às limitações provocadas pela pandemia de covid-19. Depois de uma manhã ‘atribulada’, onde a cidade ganhou protagonismo a nível nacional, face a aglomerados no centro histórico, desta vez foi diferente, e os Nicolinos rufaram os tambores a partir de casa. Vídeo: Ricardo Coelho Lima

em

Foto: DR / Arquivo

Centenas de pessoas aderiram à iniciativa do Dia do Pinheiro, versão 2020, que consistiu no tradicional toque do bombo, mas desta vez à varanda, face às limitações provocadas pela pandemia de covid-19. Depois de uma manhã ‘atribulada’, onde a cidade ganhou protagonismo a nível nacional, face a aglomerados no centro histórico, desta vez foi diferente, e os Nicolinos rufaram os tambores a partir de casa. Vídeo: Ricardo Coelho Lima

Continuar a ler

Populares