Seguir o O MINHO

Ponte de Lima

Mulher morre após atropelamento em Ponte de Lima

Na EN 203, na Correlhã

em

Uma mulher de 74 anos morreu, esta quarta-feira à noite, na sequência de um atropelamento na Estrada Nacional (EN) 203, na freguesia da Correlhã, em Ponte de Lima.

Segundo disse a O MINHO fonte dos Bombeiros Voluntários de Ponte de Lima, o alerta foi dado cerca das 21:31.

No local estiveram dez operacionais, entre os quais dois dos bombeiros locais, que transportaram a vítima, em estado grave, para o Hospital Conde de Bertiandos, em Ponte de Lima, onde viria a morrer.

O acidente rodoviário obrigou ao corte da via, junto à Igreja Paroquial da Correlhã.

A GNR de Ponte de Lima tomou conta da ocorrência.

 

Anúncio

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Ponte de Lima

5 minutos de Ponte de Lima na televisão em França

Reportagem do canal France 5 no norte de Portugal

em

Fotos: Imagens France 5

Ponte de Lima foi um dos locais do Norte de Portugal em destaque no último episódio do programa Échappées Belles (Fugas Belas; tradução livre), do canal francês France 5, que foi para o ar na noite de sábado, 18 de maio.

Vídeo: Imagens France 5

As gravações na vila limiana, em dia de feira, e na freguesia de Arcozelo, na festa em honra da padroeira Santa Marinha, foram feitas em julho do ano passado, conforme noticiou O MINHO na altura, e resultaram em cerca de cinco minutos de reportagem.

Esta não é a primeira vez que Ponte de Lima é motivo de reportagem no estrangeiro.

E quando 80 milhões de japoneses viram Ponte de Lima na televisão? Foi há dois anos

Entre as várias vezes em que a vila foi mostrada nas televisões além fronteiras, a principal aconteceu em 2015, no Japão, num programa de 20 minutos, com uma audiência estimada de 80 milhões de espetadores, que lhe foi totalmente dedicado.

France 5: Programa Completo

Com uma duração de cerca de 1:30 horas, Ponte de Lima surge no programa perto do minuto 57.

O programa Échappées Belles é emitido no canal cultural francês France 5 há mais de dez anos.

Continuar a ler

Ponte de Lima

Ponte de Lima reforça apoio ao transporte escolar dos alunos do ensino secundário

Programa de Apoio à Redução Tarifária nos transportes públicos (PART)

em

Foto: O MINHO (04/2019)

A Câmara de Ponte de Lima informou hoje ter reforçado os descontos nos transportes públicos para os alunos do ensino secundário ao abrigo do Programa de Apoio à Redução Tarifária nos transportes públicos (PART).

Em comunicado, aquele município referiu que as medidas, aprovadas por unanimidade em reunião de Câmara, preveem “uma comparticipação em 100 % do custo do passe a todos os alunos do ensino secundário com escalão A, da ação social escolar”.

Já os alunos do ensino secundário com escalão B terão uma comparticipação de 75% do custo do passe, mantendo-se os 50% em vigor relativamente aos restantes alunos do secundário.

Para a Câmara liderada por Victor Mendes (CDS) “estas medidas, possíveis pelo financiamento através do PART, destinam-se a garantir a igualdade de oportunidades de acesso e sucesso escolares a todos os alunos dos ensinos básico e secundário”.

O autarca realçou as medidas “destinadas a apoiar os alunos de agregados familiares cuja situação económica é menos favorável”, considerando ser “da maior importância no contexto da estratégia adotada pelo município ao nível da educação”.

Na nota, a autarquia adianta que a apresentação do pedido para a atribuição desta comparticipação, para o ano letivo 2019/2020, “deverá ser feito entre 01 de julho e 14 de agosto, através de requerimento de pedido de transporte e entrega dos respetivos documentos necessários à verificação das condições de atribuição da mesma”.

O PART “tem por objetivo combater as externalidades negativas associadas à mobilidade, nomeadamente o congestionamento, a emissão de gases de efeito de estufa, a poluição atmosférica, o ruído, o consumo de energia e a exclusão social”.

O PART prevê que as Áreas Metropolitanas de Lisboa (AML) e do Porto (AMP) e as 21 Comunidades Intermunicipais (CIM) recebam um total de 104 milhões de euros do Fundo Ambiental, através do Orçamento do Estado.

As CIM recebem 23,2 milhões de euros deste total.

Na AML e na AMP as medidas começaram a ser aplicadas a 01 de abril.

Portugal tem 308 municípios, 278 deles no continente (243 representados em comunidades intermunicipais, 18 na Área Metropolitana de Lisboa e 17 na Área Metropolitana do Porto), 11 na Madeira e 19 nos Açores.

As medidas do PART aplicam-se apenas aos municípios do continente, tendo as regiões autónomas soluções próprias, ao abrigo da autonomia regional.

Continuar a ler

Ponte de Lima

Escola de Ponte de Lima cria fórmula de cálculo do risco de incêndio e de geada

Projeto IRINA

em

Foto: Divulgação

Um grupo de alunos do Clube de Meteorologia da Escola Básica de Freixo, em Ponte de Lima, desenvolveu duas fórmulas de cálculo de risco natural, denominado de Projeto IRINA, aplicado ao risco de incêndio e de geada. Este projeto está a concurso no âmbito do 16.ª edição do Prémio Fundação Ilídio Pinho.

Os alunos envolvidos desenvolveram uma função matemática com um conjunto de variáveis ponderadas, aplicadas em base Excel. Este projeto teve a parceria científica da Escola Superior Agrária do IPVC com a supervisão do docente Joaquim Alonso que reconheceu a mais valia das fórmulas de cálculo.

O produto final das fórmulas IRINA em estão em fase de divulgação aos agentes da Proteção Civil e comunidade em geral onde todos poderão usufruir enquanto serviço público de prevenção.

Os promotores do projeto defendem que basta ter acesso à fórmula em base Excel e ter acesso à internet com ligação a estação meteorológica digital, afim de avaliar o respetivo risco. Os meteorologistas de Freixo referem também que esta ferramenta será cada vez mais útil em matéria de prevenção face à maior frequência de fenómenos naturais extremos.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Patrocinado

Reportagens da Semana

Populares