Seguir o O MINHO

Viana do Castelo

Morreu Judite Cardoso, figura maior da etnografia de Viana do Castelo

Tinha 92 anos

em

Foto: DR

Morreu hoje, aos 92 anos, Judite Cardoso, “uma das figuras mais carismáticas da etnografia” de Viana do Castelo.

Em comunicado, a Câmara lamenta e apresenta as mais sentidas condolências à família e amigos.

Nascida em Perre, a 17 de fevereiro de 1929, Judite Cardoso rumou a Angola em 1961, de onde regressou em 1975. Com a ajuda do grupo de teatro existente, organizou um grupo de recolha para criar um museu polivalente, que se mantém até hoje, exposto no Centro Social e Paroquial de Perre.

Segundo o comunicado da Câmara, Judite Cardoso impulsionou o Grupo Teatral de Danças e Cantares de Perre, dando início ao que é hoje o Grupo de Danças e Cantares de Perre e é da sua iniciativa a construção de uma sede para o grupo e a recolha de informação que levaram a um melhor conhecimento do folclore do Alto Minho.

Recebeu um voto de louvor da Assembleia de Freguesia de Perre pelos serviços de promoção e representação cultural da freguesia. Foi presidente da Comissão de Honra das Festas d’Agonia em 2015 e recebeu o galardão de cidadã de mérito em 2016 pelo seu papel de destaque na cultura popular etnografia vianense.

O funeral de Judite Carodoso está marcado para esta sexta-feira, às 10:30, na Igreja Paroquial de Perre, sendo de seguida sepultada no cemitério local.

O corpo está em câmara ardente, a partir das 15:30 desta quinta-feira, na Capela da Senhora das Dores, em Perre.

Populares