Seguir o O MINHO

Região

IPCA oferece 680 vagas no concurso nacional de acesso

Áreas da gestão, tecnologia, design e hotelaria e turismo

em

Foto: DR

O Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) oferece, para o próximo ano letivo, 680 vagas no concurso nacional de acesso aos cursos de licenciatura.

Considerando o despacho do Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, que fixa as vagas para o próximo ano letivo, o IPCA decidiu aumentar as vagas nos cursos das áreas das competências digitais.

As vagas distribuem-se por 14 cursos de licenciatura, das quatro escolas. A Escola Superior de Design oferece 105 vagas nos cursos de Design Industrial (40 vagas) e Design Gráfico (40 vagas regime laboral e 25 em regime pós-laboral).

A Escola Superior de Gestão oferece 340 vagas, nos cursos de Contabilidade (40 vagas e 30 vagas em regime pós-laboral); Finanças (30); Fiscalidade (30 vagas e 20 vagas em regime pós-laboral); Gestão de Empresas (40 vagas e 30 vagas em regime pós-laboral); Gestão Pública (25 vagas e 20 vagas em PL); Solicitadoria (40 vagas e 35 vagas em regime pós-laboral).

A Escola Superior de Hotelaria e Turismo oferece 75 vagas abertas para o curso de Gestão de Atividades Turísticas (45 vagas e 30 em pós-laboral). A Escola Superior de Tecnologia conta com 75 vagas abertas nos cursos de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores (25); Engenharia em Desenvolvimento de Jogos Digitais (25); Engenharia e Gestão Industrial (25); Engenharia Informática Médica (25) e Engenharia de Sistemas Informáticos (30 mais 25 vagas em regime pós-laboral).

Paralelamente a estas ofertas, o IPCA tem oferece ainda 260 vagas nos concursos especiais (incluindo os estudantes internacionais) e os regimes de mudança de par instituição/curso.

A primeira fase de candidatura ao ensino superior arrancou com 50.860 vagas no concurso nacional de acesso, mais oito do que as 50.852 de 2018 e decorre até 6 de agosto, sendo os resultados divulgados a 9 de setembro.

A candidatura ao Ensino Superior Público é realizada exclusivamente através do sistema online disponibilizado no sítio da Direção-Geral do Ensino Superior.

O IPCA tem em funcionamento o Gabinete de Acesso ao Ensino Superior que tem como objetivo apoiar as candidaturas em todo o sistema de Ensino Superior português, e as candidaturas aos concursos locais e especiais.

De salientar ainda que estão neste momento abertas as candidaturas à 1ª fase dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais, tendo disponíveis 646 vagas nas áreas do Design, Hotelaria e Turismo, Gestão e Tecnologia.

Anúncio

Ponte de Lima

Joana Amaral Dias (ex-BE) em conferência de Abel Baptista (ex-CDS) em Ponte de Lima

Movimentos independentes na política

em

Foto: DR / Arquivo

A ex-deputada do Bloco de Esquerda, psicóloga Joana Amaral Dias, é uma das figuras públicas que irá marcar presença na conferência “A importância das candidaturas independentes na sociedade”, organizada pelo movimento independente “Abel Baptista – Ponte de Lima Minha Terra”, anunciou a organização do evento.

Para além da psicóloga que faz furor no Instagram, também o histórico militante e ex-líder do CDS, José Ribeiro e Castro, marcará presença no evento que decorre no próximo sábado, 26 de outubro, no auditório municipal de Ponte de Lima, a partir das 17:00.

Para além destes dois convidados, é ainda esperada a presença de Leonor Lêdo da Fonseca, ex-vereadora da Câmara de Espinho, que apresentou candidatura independente nas últimas autárquicas naquele município.

Recorde-se que Abel Baptista já se mostrou disponível para encabeçar uma candidatura independente à Câmara de Ponte de Lima nas eleições autárquicas de 2021.

“O objetivo desta conferência é ser um momento de reflexão e discussão acerca da crescente importância destes movimentos de pessoas no panorama autárquico nacional, e como o movimento PLMT em Ponte de Lima pode ser uma alternativa ao atual panorama político local”, referiu o antigo vereador e deputado à Assembleia da República pelo CDS.

Abel Baptista, licenciado em Direito, foi jurista e funcionário autárquico, tendo desempenhado funções de deputado à AR durante quatro legislaturas.

Foi ainda vereador em Monção e em Ponte de Lima, para além de diretor do Departamento da Câmara de Lamego, diretor do Centro Distrital de Solidariedade de Viana do Castelo; chefe de Divisão da Câmara da Nazaré; presidente da Assembleia Municipal de Ponte de Lima; secretário da Mesa da Assembleia da República e presidente da Comissão de Educação Ciência e Cultura

Continuar a ler

Braga

Não consegue fazer chamadas? Rede NOS está com falhas em Braga e Viana

Tecnologia

em

Foto: DR

A rede de telecomunicações da marca NOS está com problemas de serviços a nível nacional, tanto a nível de utilização de dados móveis como de serviços de chamadas de voz, apurou O MINHO junto do portal “down detector“.

De acordo com o portal, que serve para que seja assinalado o mau funcionamento de serviços tecnológicos, perto de 1.000 utilizadores daquela rede já manifestaram ter tido problemas durante a manhã desta segunda-feira com os serviços.

Fonte: down detector

O mesmo portal indica que o distrito de Braga, assim como Lisboa, Porto e Leiria, são os locais onde se tem registado maior número de queixas, havendo já vários comentários a relatar os problemas em questão.

Também no distrito de Viana do Castelo foram registadas falhas nos serviços, apurou O MINHO com vários utilizadores.

Falha no serviço de internet, e impossibilidade de efetuar chamadas são os problemas mais apontados.

A NOS ainda não se pronunciou sobre o assunto.

Continuar a ler

Braga

Detido em Braga com cerca de 8 mil euros em cocaína fica em prisão preventiva

Crime

em

Foto: Twitter

O homem de 53 anos que foi detido na cidade de Braga por agentes da Polícia de Segurança Pública (PSP), na passada sexta-feira, ficou em prisão preventiva enquanto aguarda julgamento, disse a O MINHO fonte judicial.

O juiz considerou que havia a possibilidade do arguido incorrer no mesmo tipo de crime caso ficasse em liberdade, sendo que já estava conotado com o tráfico de estupefacientes antes desta detenção.

Na passada sexta-feira, agentes da esquadra de Braga da PSP, que vigiavam o suspeito, realizaram uma operação policial de forma a abordar o homem, tendo-lhe sido efetuada “uma revista de segurança”.

Os agentes encontraram elevada quantidade de cocaína na sua posse, detendo o suspeito e encaminhando-o para a esquadra, de forma a pesar o produto apreendido.

De acordo com a polícia, o produto dava para 742 doses, no valor de cerca de 7.425 euros, que ficaram sob apreensão da PSP.

O homem foi esta segunda-feira presente ao Tribunal de Famalicão, tendo-lhe sido decretada a medida de coação de prisão preventiva no estabelecimento prisional de Braga.

Continuar a ler

Populares