Seguir o O MINHO

Esposende

Grupo têxtil Becri investe mais 3 milhões e cria até 50 novos empregos em Esposende

Grupo já emprega mais de 70 pessoas no concelho.

em

Foto: Divulgação

O grupo têxtil Becri vai investir mais de 3 milhões de euros na expansão das suas instalações em Esposende e contratar, a curto prazo, mais 30 a 50 trabalhadores, anunciou hoje o município.

Em comunicado, a autarquia acrescenta que neste momento o grupo já emprega mais de 70 pessoas no concelho.

Diz ainda que a produção é exclusivamente para exportação e que os objetivos de faturação da empresa se situam entre os 13 e os 15 milhões de euros.

“Já em laboração, a Gubec i&d in Textiles [do grupo Becri] prepara-se para avançar com obras de expansão e remodelação das instalações, reorganizando a disposição dos diversos setores (corte, acabamento, embalamento e exportação) e criando uma ampla área social, facultando melhores condições aos seus colaboradores”, lê-se no comunicado.

Benjamim Pereira, autarca de Esposende, em visita à Becri. Foto: Divulgação

Citado no mesmo comunicado, o presidente da Câmara de Esposende, Benjamim Pereira, disse que o município “definiu fatores estratégicos e de estímulo à instalação de empresas, que se traduzem na redução e isenção de taxas e concessão de benefícios fiscais, assegurando aos investidores e empreendedores a oportunidade para a concretização dos seus negócios no concelho”.

“O país consegue exponenciar a criação de riqueza com as exportações e com o turismo. Por isso, o concelho de Esposende está muito bem posicionado nestas duas áreas e continuará a apontar estes eixos estratégicos como fundamentais para o desenvolvimento harmonioso do concelho”, acrescentou.

O Grupo Becri, com um volume de negócios superior a 45 milhões de euros, emprega mais de 400 trabalhadores diretos, divididos pelas suas três empresas, mas abarca um universo de 2 mil pessoas, se se considerarem também os trabalhadores indiretos.

EM FOCO

Populares