Seguir o O MINHO

Futebol

‘Grandes’ defrontam clubes de divisões inferiores na 3.ª eliminatória da Taça de Portugal

Começa sexta-feira

em

Foto: Ilustrativa / DR

O FC Porto começa a defesa do título na Taça de Portugal de futebol frente ao Fabril, uma equipa do Campeonato de Portugal, prova da qual vêm os adversários dos restantes candidatos.

Depois de terem conseguido a ‘dobradinha’ na temporada passada, os ‘dragões’ começam a caminhada na Taça de Portugal no sábado no Lavradio, freguesia do Barreiro, à qual regressam 44 anos depois de defrontarem a CUF, clube do qual nasceu o atual Fabril.

Ainda sem qualquer vitória esta temporada no Campeonato de Portugal, o Fabril é 11.º e penúltimo na Série G e tenta agora surpreender o campeão nacional, depois de ter eliminado Rabo de Peixe e Vitória de Sernache.

O Benfica, finalista vencido da última edição, vai viajar no sábado até ao terreno do Paredes, onde procura interromper uma série de três jogos sem vencer, incluindo duas derrotas consecutivas no campeonato.

Os ‘encarnados’, terceiros da I Liga, voltam a defrontar o Paredes 35 anos depois de terem garantido o apuramento para as meias-finais da Taça em 1984/85, com um triunfo por 3-0, no terreno da equipa nortenha, atual segunda classificada da Série C do Campeonato de Portugal.

Líder da I Liga, o Sporting tenta evitar nova queda na terceira eliminatória, depois de ter sido eliminado pelo Alverca na época passada, defrontando na segunda-feira o Sacavenense, no ‘emprestado’ Estádio Nacional, em Oeiras.

Apesar de não jogar em casa, o Sacavenense, quinto classificado da Série E, quererá ‘imitar’ o Alverca e tentar afastar o Sporting, que ainda não tem qualquer derrota nas provas internas esta temporada.

O SC Braga, segundo classificado da I Liga, também joga com uma equipa do terceiro escalão, visitando no sábado o Trofense, líder da Série C do Campeonato de Portugal.

Motivados pelo triunfo no Estádio da Luz (3-2), o SC Braga procura a sexta vitória consecutiva em provas nacionais, frente a um Trofense que ainda não perdeu esta temporada.

Com as equipas da I Liga a jogarem como visitantes com conjuntos secundários, haverá apenas quatro confrontos entre clubes das duas divisões profissionais: Arouca-Vitória SC, Oliveirense-Paços de Ferreira, Penafiel-Marítimo e Casa Pia-Nacional.

O Monção, uma das duas equipas dos distritais ainda em prova, recebe o Rio Ave, da I Liga.

A terceira eliminatória começa na sexta-feira, com a receção do Oleiros, do Campeonato de Portugal, ao Gil Vicente, da I Liga, e termina, em 03 de dezembro, com a reedição da final da Taça de Portugal de 1990, com o ‘renascido’ Estrela da Amadora a receber o Farense.

Programa da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol

– Sexta-feira, 20 nov:

Oleiros (CP) – Gil Vicente (I), 14:30

Feirense (II) – Amora (CP), 17:30

União de Leiria (CP) – Portimonense (I), 21:00

– Sábado, 21 nov:

Oriental Dragon (CP) – Leixões (II), 11:00

Oriental (CP) – Famalicão (I), 11:15

Montalegre (CP) – Académico de Viseu (II), 14:00

Fabril do Barreiro (CP) – FC Porto (I), 14:30

Marinhense (CP) – Cova da Piedade (II), 15:00

Arouca (II) – Vitória de Guimarães (I), 16:30

Trofense (CP) – Sporting de Braga (I), 19:30

Paredes (CP) – Benfica (I), 21:15

– Domingo, 22 nov:

Anadia (CP) – Pinhalnovense (CP), 11:00

Torreense (CP) – Alverca (CP), 11:00

Felgueiras 1932 (CP) – Tondela (I), 11:00

Limianos (CP) – Fontinhas (CP) , 11:00

Fafe (CP) – Vilar Perdizes (D), 11:00

Sporting de Espinho (CP) – Gondomar (CP), 11:00

Vilaverdense (CP) – Olímpico do Montijo (CP), 11:00

Beira-Mar (CP) – Santa Clara (I), 14:30

Merelinense (CP) – Moreirense (I), 14:30

Estoril Praia (II) – Lusitano de Évora (CP), 15:00

Vilafranquense (II) – Sanjoanense (CP), 15:00

Monção (D) – Rio Ave (I), 15:00

Oliveirense (II) – Paços Ferreira (I), 17:15

Vizela (II) – Boavista (I), 20:00

– Segunda-feira, 23 nov:

Salgueiros (CP) – Sporting da Covilhã (II), 11:00

Penafiel (II) – Marítimo (I), 14:00

Real Massamá (CP) – Belenenses SAD (I), 16.45

Académica (II) – Varzim (II), 19:30

Sacavenense (CP) – Sporting (I), 21:15

– Quarta-feira, 25 nov:

Casa Pia (II) – Nacional (I), 10:00

– Quinta-feira, 03 dez:

Estrela da Amadora (CP) – Farense (I), 14:30

Anúncio

Futebol

FC Porto e Benfica empatam no ‘clássico’ (e o Braga pode ficar a dois pontos)

I Liga

Foto: Twitter / FC Porto

O FC Porto e o Benfica empataram hoje 1-1, em jogo da 14.ª jornada da I Liga de futebol, disputado no estádio do Dragão, com ambas as equipas a continuarem a quatro pontos do líder Sporting e a poderem ficar a dois do SC Braga.

A jogar fora, o Benfica inaugurou o marcador aos 17 minutos, com um golo do defesa espanhol Grimaldo, mas o FC Porto conseguiu chegar ao empate aos 25, através do avançado Mehdi Taremi. O iraniano acabou por ver um cartão vermelho direto aos 73, deixando os ‘azuis e brancos’ com menos um jogador em campo.

Com este empate, o FC Porto e o Benfica estão no segundo lugar, ambos com 32 pontos, mantendo os quatro de diferença para o líder Sporting (36), que também hoje empatou em casa com o Rio Ave (1-1).

O SC Braga, quarto classificado, pode reduzir amanhã à tarde, frente ao Paços de Ferreira, para dois pontos a desvantagem em relação aos dois clubes.

Continuar a ler

Futebol

Sporting empata em casa com o Rio Ave

I Liga

Foto: Twitter

O Sporting empatou hoje 1-1 na receção ao Rio Ave, na abertura da 14.ª jornada da I Liga de futebol, e lidera o campeonato com 36 pontos, mais cinco que FC Porto e Benfica, que se defrontam esta noite.

No estádio José Alvalade, o Sporting adiantou-se no marcador aos 42 minutos, com um golo de Pedro Gonçalves, o seu 12.º na competição, mas o Rio Ave chegou ao empate aos 61, através de Gelson Dala, antigo jogador dos ‘leões’.

Com este empate, o Sporting lidera o campeonato com 36 pontos e vai aguardar pelo resultado do ‘clássico’ de hoje entre FC Porto e Benfica para saber qual a vantagem que vai ter sobre os seus rivais na prova, enquanto o Rio Ave está em oitavo, com 15 pontos.

Continuar a ler

Futebol

Vitória com quatro regressos para duelo com Farense após casos de covid-19

I Liga

Foto: Facebook VSC

O médio Janvier e os avançados Rochinha, Bruno Duarte e Oscar Estupiñán são opções do Vitória SC para a receção ao Farense, da 14.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, depois de infetados pelo novo coronavírus.

Os futebolistas integram a lista de 22 convocados para o duelo de sábado com os algarvios, hoje divulgada no sítio oficial vitoriano, depois de terem realizado testes positivos em 01 de janeiro, na véspera do encontro da 12.ª jornada com o Nacional, adiado para 21 de janeiro face ao surto ocorrido nos minhotos.

Os quatro jogadores, regularmente utilizados na equipa treinada por João Henriques a titulares ou a partir do banco de suplentes, estiveram isolados, falharam o encontro de sábado com o Moreirense (2-2), relativo à 13.ª jornada, e regressaram aos treinos na segunda-feira, após os resultados negativos em novos testes.

Os outros dois elementos do plantel infetados nesse surto, os médios Dénis Poha e Joseph, que já estava lesionado, apresentaram resultados negativos, mas continuam ausentes das opções.

O lateral-esquerdo Jonas Carls e o médio Luís Esteves, oriundo da equipa B do Vitória, deixaram os convocados após terem estado no banco de suplentes frente ao Moreirense, tal como o avançado Lyle Foster, que foi autorizado a sair do país devido à morte de um familiar.

Já os defesas Sílvio e Mascarenhas e os médios Mikel Agu e Jacob Maddox continuam de fora dos relvados, lesionados.

O encontro entre o Vitória, sexto classificado, com 20 pontos, e o Farense, 13.º, com 12, está agendado para as 18:00 de sábado, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, com arbitragem de Fábio Veríssimo, da Associação de Futebol de Leiria.

A lista de 22 convocados

Guarda-redes: Bruno Varela, Matous Trmal e Jhonatan.

Defesas: Zié Ouattara, Sacko, Abdul Mumin, Jorge Fernandes, Suliman e Gideon Mensah.

Médios: Wakaso, Pepelu, Miguel Luís, André André, Janvier e André Almeida.

Avançados: Marcus Edwards, Rochinha, Ricardo Quaresma, Rúben Lameiras, Noah Holm, Bruno Duarte e Oscar Estupiñán.

Continuar a ler

Populares