Seguir o O MINHO

Futebol

FC Porto foi equipa portuguesa que mais contribuiu para o ranking da UEFA

SC Braga contribui com 2.000 pontos

em

Foto: Twitter (Arquivo)

O FC Porto, afastado nos quartos de final da Liga dos Campeões de futebol, foi a equipa portuguesa que mais contribuiu para o ranking da UEFA, seguido do Benfica, eliminado na mesma fase na Liga Europa.

De acordo com a atualização de hoje do coeficiente de clubes da UEFA, os portistas, eliminados na quarta-feira pelos ingleses do Liverpool, somaram esta época 23,000 pontos, descendo do nono para o 10.º lugar do ranking, enquanto o Benfica, que caiu na quinta-feira no estádio dos alemães do Eintracht Frankfurt, somou 17,000 e manteve-se no 21.º posto.

O Sporting, que foi afastado da Liga Europa nos 16 avos de final pelos espanhóis do Villarreal, totalizou 10,000 pontos e mantêm-se no 31.º lugar, numa tabela liderada pelo Real Madrid, atual tricampeão europeu, mas também já afastado das competições europeias esta época.

O SC Braga e o Rio Ave, ambos afastados nas pré-eliminatórias de acesso à Liga Europa, contribuíram com 2,000 e 1.500, respetivamente, ocupando as posições 50 e 123 da tabela, que contabiliza resultados das últimas cinco temporadas.

No ranking por países, Portugal, que segue no sétimo posto, somou esta época 10,900 e, pela primeira vez em cinco temporadas, obteve mais pontos do que a Rússia, sexta da tabela, mas continua a 2,317 de distância dos russos.

Na presente temporada, até ao momento, Portugal foi o quinto país que somou mais pontos, atrás de Inglaterra, Espanha – líder da classificação de países -, Alemanha e Itália.

Anúncio

Futebol

Defesa Kiki assina em definitivo pelo Vizela

II Liga

em

Foto: FC Vizela / Facebook

O Vizela, clube que foi promovido à II Liga portuguesa de futebol, anunciou hoje contratação do defesa Kiki, que assinou um vínculo válido por uma temporada.

O lateral-esquerdo português, de 25 anos, já tinha representado esta época o emblema minhoto, mas por empréstimo do Belenenses SAD, da I Liga, e apesar de ter participado em apenas oito jogos, mereceu a confiança dos responsáveis do clube para continuar em definitivo.

“Estou muito feliz por poder continuar a representar o Vizela neste regresso à II Liga. Agradeço a confiança que depositaram em mim para a próxima temporada. Espero ajudar a equipa a alcançar os objetivos desejados”, disse o defesa em declarações ao site do clube.

Kiki, que foi internacional sub-20 português, fez parte da sua formação no FC Porto e Rio Ave, tendo como sénior representado clubes como Atlético, Gil Vicente, Olhanenses ou Feirense, entre outros.

Além da continuidade de Kiki no plantel, o emblema vizelense já tinha anunciado a renovação do guarda-redes Ivo Gonçalves, dos avançados Diogo Ribeiro, Tavinho e Kiko Bondoso, dos médios Ericsson e Zag, do defesa João Pedro e a contratação de Richard Ofori, lateral esquerdo ex-Fafe.

O Vizela, a par do Arouca, foi indicado pela Federação Portuguesa de Futebol para a subida à II Liga Portuguesa de Futebol, depois do Campeonato Portugal, onde militava, ter sido interrompido, devido à pandemia de covid-19.

À data da suspensão da prova, o Vizela liderava a Série A com 60 pontos (mais oito que o segundo classificado Fafe), enquanto o Arouca estava em 1º lugar na Série B com 58 pontos (mais oito que o Lusitânia de Lourosa).

Continuar a ler

Futebol

Árbitro assistente de futebol José Luzia testa positivo à covid-19

covid-19

em

Foto: Ilustrativa / DR

O árbitro assistente José Luzia testou positivo para covid-19, encontra-se bem e a cumprir as recomendações das autoridades de saúde, anunciou hoje a Federação Portuguesa de Futebol (FPF)

Em comunicado, o organismo relembra que “os agentes de arbitragem, como o staff de apoio, estão a ser submetidos ao protocolo de testes definido pela Direção-Geral da Saúde e têm acompanhamento clínico permanente da Unidade de Saúde e Performance da FPF”.

Os testes à covid-19 são uma das medidas impostas pela FPF para o regresso dos árbitros à competição,

A I Liga de futebol vai ser reatada sob fortes restrições e sem público nos estádios em 03 de junho, com o encontro entre Portimonense e Gil Vicente, naquele que vai ser o primeiro dos 90 jogos das últimas 10 jornadas, até 26 de julho.

Segundo o Conselho de Arbitragem da FPF, um total de 72 agentes da arbitragem vão ser utilizados na retoma da competição.

O organismo informa que além dos 21 árbitros C1 (categoria principal), vão participar nos jogos 38 árbitros assistentes e mais 10 árbitros C2 Elite, na função de quarto árbitro. O grupo fica completo com três especialistas VAR.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 369 mil mortos e infetou mais de 6 milhões de pessoas em 196 países e territórios.

Em Portugal, morreram 1.410 pessoas das 32.500 confirmadas como infetadas, e há 19.409 casos recuperados, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.

Continuar a ler

Futebol

“Não há dúvidas”. SC Braga já é um “grande” do futebol nacional

Custódio

em

Foto: DR / Arquivo

“Não há dúvidas”. É esta a resposta de Custódio, treinador do SC Braga, quando abordado sobre o ‘peso’ do emblema bracarense no futebol nacional.

Em entrevista dada ao jornal Record, o técnico destaca as últimas exibições europeias e nacionais do clube liderado por António Salvador, elogiando também a estrutura ‘braguista’.

“Em termos estruturais não há dúvidas, a nível desportivo, penso que também não”, disse o substituto de Rúben Amorim.

Custódio elogiou ainda o presidente, figura responsável “por esta cultura de exigência que existe no clube”, incentivando à “continuidade a este crescimento”.

“A verdade é que a nossa responsabilidade é fazer cada vez mais e melhor e lutar pelos melhores objetivos, vencer competições. Essa é a nossa exigência. Não sabemos se é possível, mas que vamos lutar, vamos”, sublinhou.

O “grande projeto” para o resto da temporada passa por segurar o terceiro lugar, assegurando assim a entrada direta nos grupos da Liga Europa.

“Temos dez jornadas pela frente, somos muito ambiciosos e tenho confiança total em conseguir o nosso objetivo”, disse, admitindo ainda ser difícil sonhar com lugares mais elevados até final da época.

O SC Braga joga em Lisboa, no próximo dia 05 de junho, com o Santa Clara, em jogo da 25.ª jornada da Liga.

Continuar a ler

Populares