Seguir o O MINHO

Futebol

I Liga: Treinador do Famalicão confiante na continuidade de vitórias

Futebol

em

Foto: FC Famalicão

O treinador do Famalicão, João Pedro Sousa, mostrou-se hoje confiante num resultado positivo no encontro de sexta-feira com o Rio Ave, da segunda jornada da I Liga de futebol.

Depois da vitória em casa do Santa Clara, na primeira jornada, por 2-0, o técnico referiu a importância dos três pontos no primeiro jogo e a motivação para o que se segue.

“É importante começar bem. É um campeonato competitivo. Íamos dar o primeiro passo nesta competição importantíssima e acabou por correr tal como esperávamos”, começou por dizer o treinador.

Sobre o adversário, João Pedro Sousa disse, em conferência de imprensa, conhecer o que espera a sua equipa.

“Temos um conhecimento alargado da equipa do Rio Ave. Houve algumas alterações em relação ao ano passado. Tem treinador extremamente competente, que eu conheço muito bem. Um bom amigo. É um treinador que gosta de um jogo muito positivo, gosta de projetar os laterais na profundidade, gosta de médios a romper e um ponta de lança com grande mobilidade. É isso que estamos à espera. Resta-nos fazer o nosso jogo, tentar controlar para depois o vencer”, admitiu ainda.

João Pedro Sousa referiu ainda que a equipa “está muito motivada e preparada para fazer um bom jogo”.

“Estou convencido que vamos alcançar o grande objetivo que é ganhar o jogo”, rematou.

O Famalicão recebe na sexta-feira, pelas 20:30, o Rio Ave, numa partida relativa à segunda jornada da I Liga de futebol.

Anúncio

Futebol

Rui Fonte assinou até 2022: “Estou contente, não só eu, mas a minha família também”

Avançado regressa a Braga

em

Foto: Facebook de SC Braga

O SC Braga, da I Liga de futebol, oficializou hoje a contratação do avançado Rui Fonte, um regresso ao clube, por três temporadas.

Rui Fonte, de 29 anos, chega dos ingleses do Fulham, que, na época passada, emprestaram o jogador ao Lille, vice-campeão de França.

O avançado jogou duas épocas no SC Braga (2015/16 e 2016/17) e no início de 2017/18, tendo saído para o clube londrino ainda em agosto de 2017.

“É sempre especial, o regresso seria sempre um desejo, proporcionou-se antes do que imaginava e estou contente, não só eu, mas a minha família também, porque voltamos a um sítio onde nos sentimos muito bem”, afirmou o jogador ao sítio do clube.

O avançado prometeu dar o “máximo sempre em cada jogo a tentar representar da melhor maneira o clube” e tentar fazer “o máximo de golos possível” e assistências.

Continuar a ler

Futebol

Rui Faria entra com o pé direito no campeonato do Qatar

Treinador de Balugães no Médio Oriente

em

Foto: DR

O Al Duhail, treinado pelo barcelense Rui Faria, venceu hoje em casa do Qatar SC 2-1, com dois golos nos últimos minutos que consumaram a reviravolta no resultado, na primeira jornada do campeonato de futebol do Qatar.

A equipa da casa foi a primeira a marcar, aos 60 minutos, por Júnior Kabananga, mas a equipa de Rui Faria deu a volta ao resultado na ponta final da partida, aos 88 e 90+2 minutos, por Yousef Mskani e Ali Almoez, respetivamente.

Com esta vitória, o Al-Duhail é, provisoriamente, segundo classificado com três pontos, os mesmos do líder Al Saad, que venceu hoje o Al Wakra por 4-1.

Continuar a ler

Futebol

Vídeo mostra cântico de ódio de adeptos do Boavista com alusão à morte da mãe de Rochinha

Antes de jogo com o Vitória, no passado domingo, em Guimarães

em

Os adeptos do Boavista FC dirigiram cânticos de ódio ao futebolista Rochinha, antes o jogo da segunda jornada da I Liga portuguesa, entre o clube portuense e o Vitória, disputado no domingo, em Guimarães.

Num vídeo divulgado nas redes sociais, ouvem-se algumas destas pessoas a cantar uma música com letra imprópria dirigida ao jogador vitoriano, que, em janeiro, deixou os boavisteiros, situação que, de acordo com vários relatos, se manteve já dentro do estádio, durante a partida.

Atenção: Vídeo com linguagem imprópria

“A p*** da tua mãe, Rochinha. A p*** da tua mãe, Rochinha. Antes a tua do que a minha”, ouviu-se em vários momentos.

Recorde-se que, em fevereiro, o médio de 23 anos, natural de Espinho, perdeu a mãe, que morreu vítima de doença.

O caso levou a que o Sindicato de Jogadores de Futebol viesse, esta quarta-feira, condenar a situação.

“O Sindicato dos Jogadores teve conhecimento de que ao longo do último jogo entre o Vitória Sport Clube e o Boavista Futebol Clube, o jogador e associado Rochinha foi alvo de um conjunto de insultos por adeptos da equipa adversária, inaceitáveis em qualquer contexto, por mais tenso que seja o ambiente de um jogo de futebol ou vulgar que seja a utilização de determinadas expressões nas bancadas”, lê-se num comunicado publicado no site daquele sindicato.

“Os referidos insultos não foram dirigidos de forma indiscriminada, foram antes uma manifestação de ódio e ameaça, com o aproveitamento de um acontecimento recente da vida do jogador, o falecimento da sua mãe”.

O sindicato garante que irá fazer chegar os factos às entidades competentes.

“Por constituírem uma agressão verbal especialmente violenta, o Sindicato vem desde já condenar o sucedido, manifestando total solidariedade com o jogador Rochinha e estando a averiguar os vários registos existentes sobre estes acontecimentos, de modo a encaminhar às entidades competentes”, remata.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Vamos Ajudar?

Reportagens da Semana

Populares