Seguir o O MINHO

Famalicão

Famalicão é autarquia “Familiarmente Responsável” pelo sétimo ano consecutivo

Ao todo, em 2019 o Observatório distinguiu 76 municípios.

em

Foto: Divulgação

Vila Nova de Famalicão está novamente de parabéns. O município liderado por Paulo Cunha (PSD/CDS-PP) está entre os “Mais Familiarmente Responsáveis”, preparando-se agora para receber, pelo oitavo ano – o sétimo consecutivo -, a bandeira atribuída pelo Observatório dos Municípios Familiarmente Responsáveis que reconhece as boas práticas de apoio às famílias promovidas pelos municípios portugueses.


Da educação à área social, do desporto à cultura, foram muitos os argumentos elencados na candidatura apresentada pela autarquia famalicense. Paulo Cunha, reconhece que “este tem um significado especial”.

“Este é um galardão que nos deixa muito orgulhosos porque está estreitamente relacionado com a qualidade de vida que queremos proporcionar aos famalicenses e porque reconhece o impacto positivo que as políticas implementadas pelo executivo têm no dia-a-dia das nossas famílias”, referiu o autarca.

Entre as medidas promovidas, destaque para a oferta dos livros de atividades para todas as crianças do primeiro ciclo, a gratuitidade dos passes escolares para todos os alunos do concelho, desde o ensino básico até ao 12.º ano, e as bolsas de estudo aos estudantes universitários.

Famalicão é, ainda neste domínio, “Cidade Educadora” desde 2010. Ao todo, em 2019 o Observatório distinguiu 76 municípios.

O Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis é uma iniciativa da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas, em parceira com Instituto da Segurança Social, tendo como principais objetivos acompanhar, galardoar e divulgar as melhores práticas das autarquias portuguesas em matéria de responsabilidade familiar.

Anúncio

Ave

Foi fazer voluntariado e roubaram-lhe o carro em Famalicão. Associação deixa apelo

Roubo

em

Foto: Facebook de Refood Famalicão

Uma mulher de Famalicão ficou sem o carro, esta tarde de sábado, enquanto fazia ação de voluntariado junto à estação de comboios daquela cidade, nas instalações da Refood.

Numa publicação nas redes sociais, a instituição de solidariedade deixa um apelo a quem possa ter visto o automóvel para que contacte aquela associação ou as autoridades, que já tomaram conta da ocorrência.

O carro, um Toyota Starvan de cor vermelha, estaria estacionado em frente ao centro de operações da Refood quando foi levado por desconhecidos.

A matrícula é 51-77-EQ.

Continuar a ler

Ave

PS de Famalicão exige “resposta rápida” no plano para transporte escolar

Transporte escolar

em

Foto: DR

O PS de Famalicão assiste “com preocupação” à troca de acusações entre Câmara e a empresa de transportes Arriva pela falta de transportes escolares no concelho.

Em comunicado enviado às redações, os socialistas recordam uma proposta de 20 de abril, que apelava à criação de um plano de ação para o transporte escolar, “precavendo a reabertura das aulas presenciais para os alunos do 11º e 12º anos”.

Fala ainda em outras duas datas, 25 de junho, onde expôs várias críticas de famalicenses relativamente à “escassez de viagens e aos horários dos transportes rodoviários efetuados pelas empresas Arriva e Transdev”.

E 5 de agosto, quando “identificou e alertou a Câmara Municipal para um problema diário sentido pelos famalicenses”, no que se referia aos transportes públicos.

“É com preocupação que o Partido Socialista assiste a uma troca de acusações entre a Câmara Municipal e a empresa de transportes Arriva a propósito da grave situação provocada no serviço de transporte às escolas, conforme afirmado pela Câmara Municipal”, escrevem os socialistas.

“Porque a situação de contingência que vivemos exige uma responsabilidade acrescida na procura de soluções para os problemas decorrentes do início do ano letivo e do aumento muito acentuado de alunos que têm de se deslocar neste meio de transporte escolar, o PS apela à Câmara de Famalicão uma resolução urgente desta grave situação”, concluíram.

Continuar a ler

Ave

Elementos da VMER de Famalicão transportaram andor em Fátima

Religião

em

Foto: via Cidade Hoje

Uma promessa feita por dois dos elementos do INEM afetos à VMER de Famalicão levou a que todos os colegas participassem de celebrações em Fátima.

Os 17 profissionais de saúde transportaram o andor com a imagem da Senhora de Fátima naquele santuário, de forma a cumprir a promessa dos operacionais.

De acordo com o portal da Rádio Cidade Hoje, este gesto “teve como finalidade agradecer toda a proteção divina que o grupo tem recebido durante este ano pandémico, e acontece no momento em que a VMER está a comemorar o seu 11º aniversário”.

Continuar a ler

Populares