Seguir o O MINHO

Ave

Famalicão apoia bolseiros de investigação com cinco mil euros

Ensino superior

em

Foto: Divulgação / CM Famalicão

A Câmara de Famalicão, através do programa Famalicão Made IN, vai apoiar os investigadores ou bolseiros que pretendam desenvolver os seus projetos de investigação no concelho com um prémio financeiro no valor de cinco mil euros, foi hoje anunciado.

O projeto de regulamento do novo Programa Municipal de Apoio Financeiro a Bolsas de Investigação foi aprovado na reunião do executivo desta quinta-feira e vai estar em consulta pública, pelo período de 30 dias, depois de publicado em Diário da República, no portal online do Município em www.famalicao.pt.

Este novo programa, cujas candidaturas deverão arrancar no início do segundo trimestre de 2021, é transversal a toda a investigação científica e atividade económica.

“Destina-se a investigadores ou bolseiros nacionais ou estrangeiros com projetos de investigação aprovados pelas entidades oficiais e que queiram desenvolver a sua atividade em empresas, universidades ou centros de investigação sediados ou com estabelecimento em Famalicão, pretendendo-se que esses projetos possam depois ter aplicação na indústria”, refere a autarquia em nota de imprensa.

“Estimular a investigação e o desenvolvimento de produtos, equipamentos, instrumentos, utensílios, tecnologias e metodologias que satisfaçam necessidades concretas do mercado; incentivar a inovação tecnológica com vista à melhoria contínua do investimento produtivo no tecido empresarial famalicense e premiar e dar notoriedade pública às invenções, projetos ou produtos inovadores que contribuem para a melhoria da competitividade das Micro e PME famalicenses são os principais objetivos deste programa”, acrescenta a mesma nota.

O Programa Municipal de Apoio Financeiro a Bolsas de Investigação é desenvolvido em colaboração com a COTEC Portugal – Associação Empresarial para a Inovação e a Agência Nacional de Inovação.

Populares