Esposende: Espancou ex-namorada por não aceitar separação e ameaçou-a com arma para se reconciliarem

Foto: Ilustrativa / DR

Um homem, de 35 anos, foi detido por agredir a ex-namorada e ameaçá-la com arma de fogo, libertando-a só quando obteve garantias de uma possível reconciliação, em Esposende, informou hoje a Polícia Judiciária (PJ).

Em comunicado, a PJ explica que o suspeito está “fortemente indiciado pela prática dos crimes de roubo, violência doméstica e detenção de arma proibida”.

“No dia 19 de novembro de 2023, o arguido, após o fim de uma relação de namoro – não aceite – que já durava há dez anos, agrediu a ofendida com diversos murros e pontapés, por todo o corpo, que a obrigaram a receber tratamento médico, numa instituição de saúde em Barcelos”, refere o comunicado.

Segundo a PJ, “volvidos alguns dias, após saber onde a ex-namorada se encontrava a residir, o arguido roubou uma viatura e dirigindo-se para a sua nova morada, obrigou-a a entrar nesse carro e a nele permanecer, contra a sua vontade, sob ameaça de arma de fogo, durante cerca de duas horas, num local ermo e escuro junto ao Santuário da Guia, em Esposende, onde após obter garantias de uma possível reconciliação, procedeu à sua libertação”.

O detido, de 35 anos, com antecedentes criminais por ofensas à integridade física e homicídio por negligência, vai ser presente às autoridades judiciárias competentes para interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Taxa Euribor desce a três meses e sobe a seis e a 12 meses

Próximo Artigo

Governo autoriza abate de sobreiros para acabar polo industrial em Ponte de Lima

Artigos Relacionados
x