Seguir o O MINHO

Ave

Cabeceiras de Basto aprova Orçamento de 20 milhões, oposição fala em “intenções”

Menos 2,5 milhões do que o deste ano

em

Foto: Divulgação / CM Cabeceiras de Basto

A Câmara de Cabeceiras de Basto (PS) anunciou hoje a aprovação do Orçamento para 2020, no valor de 20,3 milhões de euros, tendo dois vereadores da oposição optado pela abstenção e um votado contra.


O Orçamento é inferior em 2,5 milhões de euros em relação ao do corrente ano.

Em comunicado, o município refere que “foram inscritas muitas obras e projetos no Orçamento de 2020 com investimento não definido, no montante global de 5,3 milhões de euros, com o objetivo de poder vir a obter financiamento, assim que os respetivos programas operacionais o permitam”.

São os casos da ampliação da Casa da Cultura para instalação do Arquivo Municipal, da substituição de coberturas de amianto nas escolas do concelho e da requalificação urbana de duas outras entradas da vila de Cabeceiras de Basto.

Outros exemplos são o Centro de Recolha Oficial de Animais de Companhia, a promoção da eficiência energética nos edifícios municipais e na iluminação pública e a renovação de aldeias.

O comunicado sublinha que detrata de um Orçamento que prevê investimentos “em todos os setores da atividade municipal” e que é financiado com receitas próprias no montante de 4,6 milhões de euros, beneficiando de transferências do Estado e de fundos comunitários no valor de 15,7 milhões de euros.

Dois vereadores do movimento Independentes por Cabeceiras (IpC) abstiveram-se, considerando que o Orçamento está “bastante inflacionado face à realidade”, estando “recheado de meras intenções”.

“Mete-se no Orçamento uma série de rubricas sem investimento definido e depois logo se vê”, criticou Jorge Machado, líder do IpC.

Disse ainda que o movimento apresentou uma série de propostas para incluir no Plano e Orçamento, “mas a maior parte não foi acolhida”.

“Aqueles nunca seriam os nossos Plano e Orçamento”, sublinhou.

No comunicado, o município destaca como principais obras e projetos a executar em 2020 a conclusão da requalificação do Campo do Seco, a requalificação da Avenida Capitão Elísio de Azevedo; a renaturalização das margens do Rio Ouro – Praia Fluvial do Caneiro e a conclusão do Parque de Campismo de Cabeceiras de Basto.

“Esperamos a aprovação de outras candidaturas que apresentámos a fundos comunitários”, acrescenta, destacando o restauro do Forno Comunitário e a valorização do Fojo do Lobo, ambos na Uz, a criação de uma rede de miradouros, a criação do Centro Interpretativo da Fauna e Flora – Quinta Pedagógica e o restauro e reabilitação do antigo refeitório do Mosteiro.

Anúncio

Guimarães

Homem encontrado morto dentro de casa no concelho de Guimarães

Nas Taipas

em

Foto cedida a O MINHO pelo Notícias das Taipas

Um homem de 71 anos foi encontrado sem vida ao final da tarde desta terça-feira depois de ter sido dado como desaparecido pela família, em Caldelas, concelho de Guimarães.

Os Bombeiros das Taipas, com uma ambulância e uma viatura especial no total de cinco elementos, foram acionados para uma abertura de porta na rua Viela do Alvite, encontrando o homem já sem vida no interior da habitação.

Ao que apurámos, o homem não era visto há mais de 24 horas e as portas de casa encontravam-se encerradas, pelo que terá sido solicitado junto das autoridades a abertura da porta da habitação.

As autoridades confirmaram o óbito, transportando o corpo da vítima para o Instituto de Medicina Legal do Hospital Senhora da Oliveira, em Guimarães.

Não havia sinais de violência pelo que depreende que se tratou de uma doença súbita.

A GNR registou a ocorrência.

Continuar a ler

Guimarães

Montanha da Penha, em Guimarães, já tem um mapa turístico

Turismo

em

Foto: Divulgação / CM Guimarães

Uma parceria entre a Irmandade da Penha, a Turipenha e a Câmara de Guimarães resultou no mapa turístico da Montanha de Penha, de valorização dos seus recursos naturais e de aproximação à cidade e ao turismo.

Em comunicado, a autarquia minhota descreve que o mapa turístico sobre a Montanha da Penha está disponível em quatro línguas (português, espanhol, francês e inglês), reafirmando Guimarães como destino de excelência para a prática de Turismo de Natureza.

Neste documento, prossegue a nota de imprensa, “estão descritas informações de relevo alusivas ao Pio IX, à Gruta da Senhora de Lourdes, à Capela de Santa Catarina, ao Teleférico, ao Parque de Campismo e ainda um programa de atividades possíveis de realizar, com os contactos úteis”.

“A Montanha da Penha, com uma área de 1.140 hectares é definida como um local de extrema relevância para os habitantes locais e para os visitantes, quer pelo impacto visual que tem sobre a cidade, quer em termos paisagísticos, mas também pelas mais variadíssimas vertentes tais como religiosa, cultural, desportiva, turismo e lazer”, refere ainda o comunicado.

Acrescenta a comunicação que “Guimarães tem definido uma estratégia clara no âmbito da promoção de Turismo de Natureza, onde a Montanha da Penha emerge como um dos principais ecossistemas do concelho, com a candidatura em curso para área Protegida de Âmbito Local”.

Continuar a ler

Ave

Trabalhadores atacados por vespas asiáticas em Famalicão

No Parque de Campismo de Gondifelos

em

Foto: Ilustrativa / DR

Um trabalhador de silvicultura teve de receber tratamento hospitalar na sequência de um ataque de vespas asiáticas, durante a manhã desta terça-feira, em Gondifelos, concelho de Famalicão.

O MINHO confirmou a ocorrência junto de fonte dos bombeiros e do presidente da União de Freguesias de Gondifelos, Cavalões e Outiz.

De acordo com Manuel Novais, o homem estava a fazer limpeza de vegetação na concessão do Parque de Campismo de Gondifelos da responsabilidade do Corpo Nacional de Escutas, quando o acidente terá ocorrido.

“Foi uma situação simples, os trabalhadores devem ter mexido com o ninho sem se aperceberem e foram atacados”, confirmou o autarca. Um dos trabalhadores acabou por ser picado, necessitando de receber tratamento.

Para o local foi acionada a equipa médica da VMER de Famalicão que fez a avaliação do trabalhador, considerando que os ferimentos são “ligeiros”.

A vítima foi transportada para o Hospital de Famalicão por uma ambulância dos Bombeiros Famalicenses.

O alerta foi dado às 10:43.

Esta noite, os serviços municipais vão proceder à eliminação do vespeiro.

Continuar a ler

Populares