Seguir o O MINHO

Futebol

Benfica vence Eintracht Frankfurt e vê meias-finais da Liga Europa mais próximas

Por 4-2

em

Foto: Divulgação / SL Benfica

O Benfica colocou-se, esta quinta-feira, em vantagem nos quartos de final da Liga Europa de futebol, ao vencer os alemães do Eintracht Frankfurt por 4-2, em jogo da primeira mão, disputado em Lisboa.

A equipa ‘encarnada’ adiantou-se aos 21 minutos, através de uma grande penalidade convertida por João Félix, numa falta cometida por N´Dicka, que ditou a sua expulsão, os alemães ainda igualaram aos 40, por Jovic, jogador emprestado pelo Benfica, mas a equipa lisboeta voltou para a frente três minutos depois, com o ‘bis’ de João Félix.

O defesa-central Ruben Dias, no arranque da segunda parte (50), ampliou a vantagem e João Félix, aos 54, completou o seu primeiro ‘hat-trik’ ao serviço do Benfica, tornando-se no mais jovem de sempre a consegui-lo pelas ‘águias’. Na reta final da partida, o português Gonçalo Paciência reduziu (72), mantendo assim a equipa alemã na luta pelas meias-finais.

A segunda mão está agendada para dentro de uma semana, em Frankfurt.

Anúncio

Futebol

Moreirense teve o pássaro na mão mas Benfica deu a volta

6.ª jornada da I Liga

em

Foto: Twitter

O Moreirense perdeu este sábado com o Benfica, por 1-2, em jogo da 6.ª jornada da I Liga de futebol.

Os cónegos entraram no segundo tempo a vencer com golo de Luther Singh, aos 48 minutos. Rafa empatou para os benfiquistas aos 85 minutos e Seferovic consumou a reviravolta aos 90+1.

Com este resultado, o Moreirense, que ainda não tinha perdido em casa, segue com sete pontos. Já os campeões nacionais sobem temporariamente ao primeiro posto, com 15.

Ficha de Jogo 

Jogo no Estádio Comendador Joaquim de Almeida Freitas, em Moreira de Cónegos.

Moreirense – Benfica, 1-2.

Ao intervalo: 0-0.

Marcadores:

1-0, Luther Singh, 48 minutos.

1-1, Rafa, 85.

1-2, Seferovic, 90+1.

Equipas:

– Moreirense: Pasinato, João Aurélio, Iago, Steven Vitória, Djavan (D’Alberto, 07), Fábio Pacheco, Alex Soares, Filipe Soares, Bilel, Nenê (Fábio Abreu, 84) e Luther Singh (Luís Machado, 76).

(Suplentes: Trigueira, Rosic, D’Alberto, Ibrahima, Pedro Nuno, Luís Machado e Fábio Abreu).

Treinador: Vítor Campelos.

– Benfica: Vlachodimos, André Almeida (Jota, 88), Rúben Dias, Ferro, Grimaldo, Pizzi (Caio Lucas, 75), Fejsa (Gedson, 66), Taarabt, Rafa, Raul de Tomás e Seferovic.

(Suplentes: Zlobin, Tomás Tavares, Jardel, David Tavares, Gedson, Caio Lucas e Jota).

Treinador: Bruno Lage.

Árbitro: Artur Soares Dias (AF Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Fábio Pacheco (19), André Almeida (31), Bilel (38), Nenê (67) e Taarabt (79).

Assistência: 4.220 espetadores.

Continuar a ler

Futebol

Sócios do Vitória mudam estatutos e podem decidir mudanças na SAD

Sócios detêm 40% da SAD

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães/O MINHO (Arquivo)

Os sócios do Vitória Sport Clube (SC) vão poder decidir alterações aos estatutos da SAD, responsável pela equipa de futebol da I Liga, após a mudança estatutária do clube este sábado aprovada em Assembleia Geral extraordinária.

Os 91 associados que compareceram hoje ao Pavilhão Desportivo Unidade Vimaranense aprovaram, com voto secreto, a inclusão de uma alínea ao artigo 27.º dos estatutos do clube, que lhes dá o poder de “deliberar sobre possíveis alterações aos pactos sociais de sociedades anónimas desportivas das quais o clube seja acionista”.

“Dos 91 associados com a possibilidade de exercer o seu direito de voto, foram contabilizados 81 votos a favor, um voto contra e duas abstenções. A proposta foi aprovada por contar com mais de 75 por cento dos votos”, lê-se no sítio oficial do emblema minhoto.

Os sócios do clube, detentor de 40% do capital social da SAD (4,5 milhões de euros, no total), aprovaram esta mudança depois de a terem recusado em 08 de setembro de 2018, noutra reunião magna extraordinária, ainda como Júlio Mendes a presidente da direção.

Na altura, 57,4% dos 606 sócios presentes rejeitaram a alteração estatutária, tendo então impedido uma votação seguinte, que previa o “desaparecimento do direito de veto” do clube face à nomeação de membros para o Conselho de Administração da SAD.

O ex-presidente do Vitória Júlio Mendes elencou a indisponibilidade dos sócios para abrirem a SAD a “maior investimento externo” como uma das razões para a sua demissão, anunciada em 27 de maio.

A decisão abriu um processo eleitoral concluído em 20 de julho, com a escolha de Miguel Pinto Lisboa para 23.º presidente do clube.

Continuar a ler

Futebol

Treinador do Famalicão pronto para assumir “papel principal” no duelo com Sporting

6.ª jornada da I Liga

em

João Pedro Sousa. Foto: Arquivo

O treinador do Famalicão assegurou este sábado que a sua equipa, que lidera a I Liga de futebol, está pronta a “assumir o papel principal” na visita ao Sporting, na segunda-feira, da sexta jornada do campeonato.

João Pedro Sousa disse hoje esperar um “jogo de grau de dificuldade máxima perante um adversário muito competente”, mas garantiu um Famalicão que vai ao Estádio José Alvalade, em Lisboa, com “o principal objetivo de ganhar”.

“Sabemos que é um jogo difícil, num palco exigente, mas que não é mais nem menos importante dos que os que já passaram. Estamos preparados e, se tivermos de assumir um papel principal [na partida], estamos preparados para isso”, disse o treinador, na conferência de imprensa de antevisão ao encontro, que decorreu numa instituição de solidariedade social local.

João Pedro Sousa garantiu que a sua equipa não se deslumbra com o primeiro lugar que ocupa na tabela classificativa, mas também vincou que a ambição do grupo de trabalho não tem limites.

“Olho para a classificação jogo após jogo. Essa é a melhor forma de atingir o objetivo principal de ficar na I Liga. Não pomos tetos a nossa ambição nem perdemos um minuto a pensar com vamos acabar no final. Estamos no primeiro lugar por alguma razão, mas sabemos que vai ser um campeonato complicado”, afirmou.

O treinador dos minhotos lembrou que o Sporting “luta por objetivos diferentes” dos da sua equipa, mas considerou que, para este desafio, a ausência por castigo de Bruno Fernandes é “uma vantagem” para o Famalicão.

“Prefiro defrontar o Sporting sem ele. O Bruno Fernandes é um jogador fundamental na estratégia deles, mas o Sporting tem no plantel jogadores com tremenda qualidade que vão, seguramente, colmatar essa ausência”, analisou.

Confrontado com a mudança no comando técnico dos ‘leões’, o treinador do Famalicão considerou que Sporting “tem evoluído” sob a orientação de Leonel Pontes, esperando que formação lisboeta surja neste jogo com “o mesmo o mesmo sistema tático utilizado frente ao PSV Eindhoven [na Liga Europa]”.

Este desafio vai proporcionar o regresso de João Pedro Sousa ao recinto dos ‘leões’, depois de em 2014/15 ter integrado a equipa técnica dirigida por Marco Silva, garantindo conhecer a “exigência” dos adeptos sportinguistas.

“Conheço bem aquela ‘bancada’ e a exigência dos sócios para que o Sporting ganhe jogo e conquiste títulos. O momento que atravessam não é bom, e nós sabemos disso”, disse o treinador do emblema minhoto, prometendo, ainda assim, que a sua equipa “não se desviará um milímetro” do que tem feito desde o início do campeonato.

Para este desafio, os famalicenses têm a equipa praticamente na máxima força, apenas não contando com o lesionado defesa central Roderick Miranda.

O Famalicão, líder do campeonato com 13 pontos, visita o Sporting, quinto com oito, na segunda-feira, a partir das 21:00.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Vamos Ajudar?

Reportagens da Semana

Populares