Seguir o O MINHO

Alto Minho

Autorizadas todas as feiras nos dez concelhos do Alto Minho

Covid-19

em

Foto: DR

A Comunidade Intermunicipal (CIM) do Alto Minho disse hoje à Lusa que as feiras e mercados de levante vão continuar em funcionamento nos 10 concelhos do distrito de Viana do Castelo.

A decisão foi tomada hoje em reunião daquela associação de municípios, depois de o Governo ter decidido deixar ao critério dos municípios a realização destas atividades.

“O conselho intermunicipal da CIM do Alto Minho decidiu autorizar a realização de feiras e mercados de levante que cumpram as condições de segurança e as orientações definidas pela Direção Geral da Saúde (DGS)”, refere uma nota enviada á agência Lusa.

As feiras e os mercados de levante vão poder continuar a funcionar nos 121 concelhos sujeitos a medidas mais restritivas para conter a propagação da pandemia, se tiverem autorização das respetivas autarquias, confirmou na segunda-feira à agência Lusa fonte do Conselho de Ministros.

No entanto, no sábado, o Conselho de Ministros anunciou, após uma reunião extraordinária, que 121 municípios vão ficar abrangidos, a partir de quarta-feira, por medidas mais restritivas para conter a pandemia, entre as quais a proibição e feiras e mercados de levante.

Um mercado de levante é um espaço onde os comerciantes, todos os dias, montam as suas bancas de manhã para à tarde as desmontarem.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,2 milhões de mortos e mais de 46,9 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 2.635 pessoas dos 149.443 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Populares