Seguir o O MINHO

Alto Minho

Arcos de Valdevez vai ter novo espaço de lazer junto ao rio

Economia

em

Foto: CM Arcos de Valdevez

A Câmara de Arcos de Valdevez abriu concurso público para a requalificação de 7.600 metros quadrados da margem direita do rio Vez, num investimento de 850 mil euros, foi hoje divulgado.

A execução da empreitada Ecoparque do Vez – requalificação das margens do rio Vez, informou hoje a autarquia, vai abranger “três leiras terraceadas e muradas, desde o parque de estacionamento do Largo do Cristina até ao Campo do Trasladário”.

Segundo uma nota da câmara liderada pelo social-democrata João Manuel Esteves, o “espaço de continuidade ao longo do rio necessita de ser resgatado para uso dos arcuenses, integrando a ecovia do Vez e toda a marginal pedonal”.

A ecovia do rio Vez desenvolve-se ao longo dos rios Lima e Vez, numa extensão total de 32,5 quilómetros. No rio Lima, pela margem direita, do limite concelhio, em Jolda S. Paio até ao lugar de Gândara, freguesia de Santar, passando pelas freguesias de Padreiro e de Távora. No rio Vez, pela margem direita, limitado a norte pela aldeia classificada de Sistelo e, a sul, pelo lugar de Prova, freguesia de Paço.

O projeto agora lançado a concurso público visa a integração de um espaço verde de uso público na marginal urbana da vila que procurará trazer a população para o seu usufruto, complementando e interligando dois importantes locais da vida de Arcos de Valdevez, a praia Fluvial da Valeta e o Campo do Trasladário.

A intervenção prevê a criação de “um espaço de fruição ao ar livre de lazer, uma área capaz de albergar eventos culturais, concertos, feiras, ou mesmo um festival, integrando também a ecovia, que irá permitir ter um percurso pela copa das árvores, junto às margens do rio Vez”.

Além de ser dirigido à população local, o projeto pretende ser mais um elemento de atrativo para os visitantes”.

De acordo com o Plano Municipal de Ambiente, hoje consultado pela Lusa, a bacia do rio Vez, com 252 quilómetros quadrados está localizada nas montanhas do Soajo e da Peneda.

O rio Vez, um dos principais afluentes do rio Lima, ambos integrados na lista de Sítios de Importância Comunitária da Rede Natura 2000 (Rede Ecológica da União Europeia), tem sido, “ao longo dos tempos, de grande importância para a população local, desde fonte de energia de azenhas, passando por múltiplos usos domésticos e recreativos”.

A “praia do Pontilhão da Valeta, classificada como água balnear para banhos pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA), assume-se hoje como um dos locais mais utilizados pela população local e de outras paragens, como zona balnear”.

O concelho de Arcos de Valdevez, o maior do distrito de Viana do Castelo, tem uma área de 450 quilómetros quadrados, representando cerca de 20% da área total do Alto Minho (2.219 quilómetros quadrados).

Populares