Seguir o O MINHO

Futebol

António Salvador absolvido de processo por declarações na final four da Taça da Liga

Após jogo contra o Sporting

em

Foto: DR / Arquivo

O presidente do SC Braga, António Salvador, foi hoje absolvido de um processo do Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) por declarações à comunicação social.

Segundo o mapa de castigos, hoje divulgado, Salvador escapa a uma sanção por infração disciplinar, ainda que tenha de pagar uma multa de 574 euros por “inobservância de outros deveres”.

Em causa estavam declarações à comunicação social após a derrota dos minhotos nas meias-finais da Taça da Liga, disputadas em Braga, frente ao Sporting (1-1, 4-3 após grandes penalidades).

Também por declarações à imprensa, o ‘capitão’ do Portimonense, Jackson Martínez, vai pagar 720 euros e cumprir um jogo de suspensão, num caso que remonta a fevereiro.

O coordenador executivo do SC Braga, Hugo Vieira, vai cumprir 40 dias de suspensão, por comportamentos durante um duelo da equipa B, sendo que o CD decidiu ainda pedir o “relatório de policiamento desportivo” de vários jogos da I e II Liga do último fim de semana, devido a comportamento de adeptos.

Rio Ave-Benfica, Boavista-SC Braga, Desportivo de Chaves-Vitória de Setúbal, no primeiro escalão, e Académica-Sporting Covilhã, Famalicão-Oliveirense e Leixões-Paços de Ferreira, do segundo, são as partidas visadas.

O castigo de dois jogos ao macedónio Ristovski, defesa direito do Sporting, pela expulsão por vermelho direto no empate com o Tondela (1-1), foi confirmado, assim como um jogo para o uruguaio Coates.

Anúncio

Futebol

Liga Europa: Braga e Vitória conhecem possíveis adversários

Sorteio

em

Foto: DR/Arquivo

O SC Braga vai defrontar Lechia Gdansk ou Brondby na terceira pré-eliminatória da Liga Europa de futebol, enquanto o Vitória SC jogará, case se qualifique, com Ventspils ou Gzira United, ditou o sorteio realizado hoje.

Os dois clubes portugueses eram cabeças de série no sorteio que se realizou na sede da UEFA, em Nyon (Suíça), mas, enquanto o Braga já tem a presença assegurada naquela fase da prova, o Guimarães precisa de ultrapassar a segunda ronda preliminar, na qual vai defrontar os luxemburgueses do Jeunesse Esch.

Para atingirem a fase de grupos da Liga Europa, na qual o Sporting tem entrada direta, bracarenses e vimaranenses têm de ultrapassar não apenas a terceira pré-eliminatória, mas também os ‘play-offs’ que se seguirão.

Os jogos da primeira mão da terceira pré-eliminatória da segunda competição europeia de clubes estão marcados para 08 de agosto, enquanto os segundos encontros vão realizar-se em 15 do mesmo mês.

Continuar a ler

Futebol

FC Porto defronta equipa russa na terceira pré-eliminatória da Champions

Dragões terão ainda de jogar os play-offs para chegar à fase de grupos

em

Foto: Arquivo

O FC Porto vai defrontar os russos do Krasnodar na terceira pré-eliminatória da Liga dos Campeões, ditou o sorteio realizado hoje na sede da UEFA, em Nyon, na Suíça.

O vice-campeão português, que era cabeça de série no designado caminho das ligas – destinado a clubes que não se sagraram campeões nos respetivos países -, vai defrontar o terceiro classificado do campeonato russo da época passada, que disputa pela primeira vez o acesso à ‘Champions’.

Para atingir a fase de grupos da Liga dos Campeões, na qual tem entrada direta o campeão português Benfica, os ‘dragões’ têm de ultrapassar a terceira pré-eliminatória e os ‘play-offs’, nos quais serão igualmente cabeças de série.

O jogo da primeira mão da terceira pré-eliminatória da principal competição europeia de clubes está marcado para 06 ou 07 de agosto, enquanto o segundo encontro vai realizar-se em 13 do mesmo mês.

Continuar a ler

Futebol

Moreirense vence na apresentação da Oliveirense aos adeptos

Época 2019/2020

em

Foto: Facebook de Moreirense FC

O Moreirense venceu, no sábado, a Oliveirense por 1-0, na apresentação da equipa da II Liga portuguesa de futebol aos adeptos, graças a um golo de Pedro Nuno.

O médio marcou o único golo do encontro, à passagem dos 12 minutos, na marcação exímia de um livre direto, que valeu a vitória aos minhotos na apresentação da equipa de Oliveira de Azeméis.

A Oliveirense alinhou com os quatro reforços ‘onze’ inicial, todos eles do setor defensivo, Bruno Vale na baliza, Leandro Silva à direita, Michael Douglas no centro e Elízio à esquerda. Já o Moreirense fez alinhar o guardião Mateus Pasinato, o central Steven Vitória e o lateral esquerdo Djavan, todos recém-contratados.

A equipa da casa ficou perto de chegar vantagem num dos primeiros lances do jogo, após uma boa jogada de envolvimento pelo flanco direito, que terminou com Marcos Júnior a rematar para defesa apertada de Pasinato. Na recarga, Steven Vitória quase marcava na própria baliza, mas os reflexos do guardião evitaram o golo.

Os ‘cónegos’ responderam pouco depois, num cabeceamento de Ibrahima para boa defesa de Bruno Vale, mas o guarda-redes nada pôde fazer quando, aos 12 minutos, um livre frontal cobrado por Pedro Nuno levou a bola ao canto superior da baliza, inaugurando o marcador.

Até ao intervalo, destaque para uma falta à entrada da área de Michael Douglas, que impediu Lucas Rodrigues de seguir isolado para a baliza. Na marcação do livre, Nenê atirou forte para defesa atenta de Bruno Vale.

No regresso dos balneários, a Oliveirense trocou Júlio Coelho por Bruno Vale, Alemão por Leandro Silva, Wellington por Sérgio Silva e Serginho por Marcos Júnior, enquanto o Moreirense só mexeu na baliza, com a entrada de Nuno Macedo.

Aos 63 minutos, o técnico Vítor Campelos mexeu nas restantes 10 posições com as entradas dos reforços Rosic, Sori Mané, Fábio Abreu, Luiz Henrique e Rúben Ramos, assim como D’Alberto, Bruno Silva, Sori Mané, Mohammed Iddriss, Caleb Gomina e David Teixeira.

Dois minutos depois, Pedro Miguel trocou Michael Douglas, Oliveira e Agdon por Duarte Silva, Pedro Ferreira e Cláudio Silva, respetivamente, tendo mais tarde colocado na baliza o jovem guarda-redes Luís Costa, de 16 anos, que rendeu Júlio Coelho.

Ao longo da segunda parte, destaque apenas para um remate de primeira de Filipe Gonçalves que passou perto do alvo. O encontro ficou marcado pela falta de oportunidades de ambas as equipas e pelo ritmo baixo, apesar da agressividade em alguns lances disputados.

Ficha de Jogo

Jogo realizado no Estádio do Mergulhão, em Cesar, Oliveira de Azeméis.

Oliveirense – Moreirense: 0-1.

Ao intervalo: 0-1.

Marcadores:

0-1, Pedro Nuno, 12 minutos.

Equipas:

– Oliveirense: Bruno Vale, Leandro Silva, Michael Douglas, Sérgio Silva, Elízio, Filipe Gonçalves, Oliveira, Paraíba, Marcos Júnior, Agdon e Miguel Silva.

Jogaram ainda: Júlio Coelho, Luís Costa, Duarte Silva, Alemão, Serginho, Pedro Ferreira e Cláudio Silva.

Treinador: Pedro Miguel.

– Moreirense: Mateus Pasinato, João Aurélio, Iago Santos, Steven Vitória, Djavan, Fábio Pacheco, Ibrahima, Bilel, Pedro Nuno, Lucas Rodrigues e Nenê.

Jogaram ainda: Nuno Macedo, Rosic, D’Alberto, David Teixeira, Caleb Gomina, Sori Mané, Mohammed Iddriss, Fábio Abreu, Bruno Silva, Rúben Ramos e Luiz Henrique.

Treinador: Vítor Campelos.

Árbitro: Miguel Silva (AF Aveiro).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Oliveira (27).

Assistência: cerca de 300 espetadores.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Vamos Ajudar?

Reportagens da Semana

Populares