Seguir o O MINHO

SC Braga

Xadas convocado por Rui Jorge para jogos dos sub-21 contra Roménia e País de Gales

Selecionador nacional quer vencer Roménia, mas lamenta falta de competição de alguns jogadores.

em

Xadas, médio do SC Braga. Foto: Divulgação / scbraga.pt

Xadas, médio do SC Braga, volta a integrar a lista de convocados de Rui Jorge, selecionador nacional da equipa de sub-21, para os dois próximos jogos, numa lista da qual faz ainda parte Ivanildo Fernandes, defesa do Moreirense.

O jogador do SC Braga esteve esta semana em destaque na imprensa desportiva, tendo sido associado a uma transferência para o Mónaco, de França, a qual, segundo o jornal “A BOLA”, renderia 15 milhões de euros à SAD bracarense, que detém 60% do passe do jogador – os outros 40% pertencem à Gestifute, do empresário Jorge Mendes.

A equipa das ‘quinas’ defronta a Roménia no dia 07 de setembro, pelas 19:15, no Estádio Capital do Móvel, em Paços de Ferreira, e enfrenta o País de Gales, quatro dias depois, pelas 18:00, em Bangor.

Lista de 22 convocados:

– Guarda-redes: João Virgínia (Everton, Inglaterra) e Joel Pereira (Vitória de Setúbal).

– Defesas: Diogo Leite (FC Porto), Fernando Fonseca (FC Porto), Francisco Ferreira (Benfica), Ivanildo Fernandes (Moreirense), Jorge Fernandes (Tondela), Pedro Amaral (Benfica) e Yuri Ribeiro (Benfica).

– Médios: André Horta (Los Angeles, EUA), Xadas (SC Braga), João Carvalho (Nottingham Forest, Inglaterra), João Félix (Benfica), Pereira Lage (Clermont Foot, Fra), Pêpê (Vitória de Setúbal) e Stephen Eustaquio (Desportivo de Chaves, Por).

– Avançados: Bruno Costa (FC Porto), Diogo Gonçalves (Nottingham Forest, Inglatera), Diogo Jota (Wolverhampton, Inglaterra), Gil Dias (Nottingham Forest, Inglaterra), Heriberto Tavares (Moreirense) e João Filipe (Benfica).

Rui Jorge quer vencer Roménia, mas lamenta falta de competição de alguns jogadores

O selecionador português de sub-21, Rui Jorge, mostrou-se hoje confiante numa vitória diante da Roménia para continuar a campanha positiva de qualificação para o Euro2019, em Itália, e lamentou ainda que alguns futebolistas estejam a ser pouco utilizados.

“Não estamos na frente do grupo e gostaríamos. A Roménia foi a única que ainda não perdeu, temos qualidade suficiente para derrotá-los, ficar no lugar que queremos e garantir o apuramento”, afirmou Rui Jorge, em conferência de imprensa.

A falta de competição por parte de alguns jogadores convocados incomoda o selecionador, porém afirma que prefere que os selecionáveis continuem a tentar competir nos melhores campeonatos.

“A falta de competição dos jogadores preocupa e a afirmação torna-se mais difícil em termos de utilização, mas o ideal é estarem a competir nas melhores e mais difíceis competições”, explicou.

Contudo, lembrou o caso de Gedson Fernandes, que tem conseguido aproveitar a oportunidade no plantel principal do Benfica.

“O Gedson é um caso que está a ter competição num grande clube e quanto mais competição melhor. Há casos que não se verifica isso, mas temos de nos habituar”, referiu.

Rui Jorge promoveu ainda a estreia absoluta em convocatórias do médio Pereira Lage, dos franceses do Clermont Foot, mas sem querer dar grandes justificações quanto à escolha, afirmando apenas que tem características para integrar o espaço dos sub-21.

Questionado sobre uma eventual convocatória do jovem extremo do Sporting Jovane Cabral, o selecionador também não quis aprofundar o assunto, dizendo apenas que está a ser observado, mas que a decisão também depende do próprio jogador, uma vez que o jogador está convocado para representar pela primeira vez a seleção de Cabo Verde.

Populares