Seguir o O MINHO

Desporto

Volta a Portugal: Santuário de Santa Luzia acolhe mais um teste à liderança de Alarcón

em

O espanhol Raúl Alarcón (W52-FC Porto) continua hoje a defender a liderança na Volta a Portugal em bicicleta, numa sétima etapa que liga Montalegre a Viana do Castelo, com a meta no Santuário de Santa Luzia.

O vencedor de 2017 mantém, com quatro tiradas por disputar, 52 segundos de avanço sobre o português Jóni Brandão (Sporting-Tavira) e 1.41 minutos sobre o espanhol Vicente García de Mateos (Aviludo-Louletano).

Com a partida real a ser dada em Montalegre, às 13:20, a primeira parte da etapa deve ser corrida a boa velocidade, com um percurso praticamente sempre a descer até à primeira meta volante, em Salamonde (Vieira do Minho), aos 59,2 quilómetros.

A primeira dificuldade do dia estará aos 86,5 quilómetros, com uma contagem de terceira categoria no Alto de Covide, com o pelotão a passar depois por mais duas metas volantes – Vila Verde (113,8) e Barroselas (143,8).

Uma subida de 3,2 quilómetros a acabar no empedrado do Santuário de Santa Luzia poderá fazer algumas diferenças entre os principais candidatos.

Em 2017, o espanhol Gustavo Veloso (W52-FC Porto) foi o vencedor em Viana do Castelo.

Anúncio

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Desporto

Leixões mais forte que AVC Famalicão pelo terceiro ano seguido

Campeão Nacional de voleibol feminino

em

O Leixões sagrou-se hoje tricampeão nacional de voleibol feminino, ao bater o Atlético VC de Famalicão no quarto jogo do ‘play-off’, por 3-2, em jogo disputado no Centro de Desportos e Congressos de Matosinhos.

A jogar em casa, as ‘sereias’ afastaram a formação de Famalicão ao quarto jogo, evitando a ‘negra’ e prosseguindo o domínio no voleibol nacional com o terceiro título seguido.

As leixonenses venceram por 25-18, 25-13, 22-25, 20-25 e 15-11 no jogo decisivo e selaram o campeonato, aumentando o domínio no topo do palmarés nacional: este foi o 18.º título, o dobro de Benfica e Castêlo da Maia, ambos com nove.

Em 2015/16, a formação de Matosinhos colocou um fim a um jejum de 25 anos sem ser campeã, e o técnico Mário Martins admitiu, citado pela Federação Portuguesa de Voleibol, que não tinha “sonhado ser campeão uma vez, quanto mais três”.

“Conseguimos este título frente a uma equipa com excelentes jogadoras e que fez um investimento brutal, mas nós com menos investimento conseguimos atingir os nossos objetivos”, destacou, antes de dar “os parabéns às atletas do Atlético”.

Continuar a ler

Vitória SC

Vitória B sofre golo nos descontos e está quase condenado

30.ª jornada da II Liga

em

Foto: DR/Arquivo

O Arouca empatou hoje no terreno do Vitória SC B (2-2), com um tento de Malele aos 90+2 minutos, num jogo da 30.ª jornada da II Liga portuguesa de futebol em que as equipas alternaram o domínio.

Numa partida quase sempre mal jogada, os vimaranenses estiveram sempre na frente do marcador, com golos de Aziz (33 minutos) e João Correia (60), mas a turma arouquense, melhor na segunda parte, reagiu através de Bukia (53) e do avançado suíço, nos instantes finais.

A turma minhota venceu apenas um dos últimos 14 jogos e continua no 18.º lugar, com 28 pontos, a seis da primeira equipa acima da zona de despromoção – o Académico de Viseu, 15.º classificado -, enquanto o Arouca é 13.º, com 36, mais dois do que o Varzim, 16.º.

Numa primeira metade pouco intensa, o Vitória B teve mais bola, ameaçou o golo num lance em que o guarda-redes Stefanovic se opôs a Aziz e a Rincón, aos 19 minutos, e inaugurou o marcador quando Aziz emendou, de cabeça, um primeiro cabeceamento de Hélder Ferreira.

O Arouca ainda falhou uma ocasião na primeira parte, quando Deyvison cabeceou ao lado, aos 26 minutos, mas só melhorou após o intervalo, com o recém-entrado Bukia a empatar com um remate de fora da área ao ângulo superior esquerdo.

Os vitorianos ripostaram e chegaram de novo à vantagem, com João Correia, isolado por Mimito, a colocar a bola entre as pernas de Stefanovic, mas a equipa treinada por Quim Machado continuou a insistir no ataque e empatou num cabeceamento de Malele, após antecipação ao guarda-redes André Costa.

Continuar a ler

SC Braga

SC Braga vence Feirense e continua na corrida ao terceiro lugar

30.ª jornada da I Liga

em

O SC Braga manteve-se hoje na corrida ao terceiro lugar da I Liga portuguesa de futebol, ao vencer por 2-0 no reduto do já despromovido Feirense, em encontro da 30.ª jornada.

O brasileiro Fransérgio, aos 46 minutos, e Ricardo Horta, aos 76, apontaram os tentos dos ‘arsenalistas’, que alcançaram o oitavo triunfo fora.

O ‘onze’ de Abel Ferreira, quarto classificado, passou a somar 64 pontos, menos três do que o Sporting, terceiro, e já mais 15 em relação ao Moreirense, quinto, que já não pode alcançar os ‘arsenalistas’.

Continuar a ler

Populares