Seguir o O MINHO

Ave

Vizela atribuiu 72.500 euros em bolsas de estudo para o ensino superior

Ensino superior

em

Foto: Ilustrativa / DR

A Câmara de Vizela atribuiu 72.500 euros para bolsas de estudo destinadas a alunos do ensino superior, de forma a “suprimir ou minorar as desigualdades económicas e sociais” no concelho. “Muitas vezes obstáculo ao prosseguimento de estudos”, a carência económica fica assim mais aliviada com este apoio suplementar.

Em comunicado, a autarquia destaca que as bolsas foram já atribuídas nos dois anos letivos anteriores, de acordo com o novo regulamento municipal, “com a alteração do critério de atribuição, com uma nova fórmula muito mais capaz para dar resposta às necessidades efetivas”.

A Câmara concede agora 30% da bolsa atribuída pelo Ministério do Ensino Superior, “criando um princípio de igualdade”.

Segundo a autarquia, esta mais que “quadruplicou o valor atribuído pelo anterior executivo municipal”, que era de 15.000 euros atribuídos através de 25 bolsas. “Este ano letivo de 2020/2021, a Câmara atribuiu 205 bolsas, num valor de mais de 72.500 euros”.

“O objetivo foi criar um Regulamento mais equilibrado, que crie proporcionalidade e igualdade, pois a Câmara irá apoiar todos aqueles que frequentam o ensino superior, com carências económicas efetivas comprovadas pelos serviços de ação social escolar das universidades”, finaliza o comunicado.

Populares