Seguir o O MINHO

Tragédia em Guimarães

Vítimas do acidente na A1 que já tiveram alta recebem apoio nos Bombeiros das Taipas

Tragédia na A1

em

Foto: CM Guimarães

As vítimas do trágico acidente com um autocarro, esta manhã, na A1, que já tiveram alta, estão em transporte até Guimarães, rumo ao quartel dos Bombeiros das Taipas, onde serão apoiados por uma estrutura criada pela Câmara de Guimarães, anunciou a autarquia.

Na sede daquela associação humanitária estão presentes uma equipa de psicólogos, assistentes sociais e o corpo de bombeiros, que prestam também apoio aos familiares das vítimas envolvidas no despiste que envolveu um autocarro que tinha saído esta manhã de Figueiredo, naquele concelho, rumo ao Santuário de Fátima.

Presentes, a acompanhar a ação da estrutura municipal, estão também o presidente da Câmara, Domingos Bragança, o presidente da Junta de Caldelas, Luís Soares, e o presidente dos Bombeiros das Taipas, Manuel Castro.

Segundo a autarquia, as vítimas que tiveram alta estão a ser transportadas por três ambulâncias das Taipas e duas da Mealhada.

Continuam ainda internadas seis vítimas deste acidente, cinco das quais no Hospital de Coimbra e uma no Hospital de Aveiro.

O acidente desta manhã na A1, na zona da Mealhada, com um autocarro a caminho de Fátima causou três mortos e seis feridos graves, cinco críticos e 22 ligeiros, segundo a última atualização do INEM.

Populares