Seguir o O MINHO

Guimarães

Visitantes aos Postos de Turismo em Guimarães sobe 32% face a 2018

Turismo

em

Paço dos Duques. Foto: Divulgação

O número de visitantes aos postos de Turismo em Guimarães subiu 32% face a 2018, o que demonstra que a cidade tem “aumentado a notoriedade e capacidade de atrair” turistas de “forma consistente”, anunciou hoje a autarquia.


Em comunicado enviado hoje à Lusa, a Câmara Municipal de Guimarães refere que, comparando com os anos de 2013 e 2014, o número de visitantes atendidos em 2019 nos postos de turismo mais do que duplicou, registando um “acréscimo de cerca de 132%”.

A autarquia destaca que Espanha, França e Brasil assumem-se como os “principais mercados emissores, juntamente com o mercado nacional”, registando-se ainda “emergência de um novo [mercado], o Japão”.

“Guimarães tem aumentado a sua notoriedade e capacidade de atrair visitantes de forma consistente ao longo dos últimos anos. O registo do número de visitantes aos postos de turismo da cidade confirma a tendência de crescimento com subida na ordem dos 32% face a 2018”, conclui a autarquia.

Segundo o texto, o período de Natal e Ano “voltou a receber milhares de pessoas com uma tendência de evolução nos últimos anos, de acordo com a afluência de visitantes aos Postos de Turismo”.

No texto, a câmara aponta como atrativos “a visita a cidades históricas da região e o facto de ser Património da Humanidade”, assim como “o património arquitetónico e artístico” e o fator de ser “o Berço da Nacionalidade,” segundo o balanço do inquérito que foi desenvolvido aos visitantes.

A maioria dos turistas pernoita no Porto (49,2%), seguindo-se Guimarães com 22,8% das respostas, pelo que, conclui a autarquia, “a hotelaria de Guimarães continua a manter taxas médias de ocupação-quarto elevadas”.

Os principais atrativos na cidade continuam a ser os monumentos e museus, “verificando-se em 2019 um acréscimo de 8,3% face a 2018 e de 13,9% comparativamente a 2017”, com o Castelo de Guimarães e Paço dos Duques de Bragança, assim como de um conjunto de museus, designadamente o Museu Alberto Sampaio, Centro Internacional das Artes José de Guimarães e Casa da Memória de Guimarães a serem “os principais espaços” visitados.

“A internet, assim como a recomendação de familiares/amigos são os principais fatores na tomada de conhecimento do Destino Guimarães, reunindo no total 68% das respostas dos inquiridos”, termina a autarquia.

Anúncio

Guimarães

Erro no teste à covid-19 fechou creche em Guimarães por engano

Covid-19

em

Foto: DR

Um erro das autoridades sanitárias levou a que uma creche em Guimarães fechasse portas quando o mesmo não era necessário, anunciou a instituição que gere o espaço educativo.

Em comunicado, o Centro Social da Paróquia de Fermentões, que tinha encerrado na terça-feira depois de um alegado caso positivo numa das crianças que frequentam a instituição, dá conta de que tudo terá sido um erro da DGS e que, afinal, o espaço pode estar aberto.

Segundo aquele centro, existiu um “erro na transcrição do resultado” e “afinal a criança não estava infetada”. A mesma instituição refere que, face ao plano de contingência, todas as pessoas que estiveram em contacto com a criança foram imediatamente colocadas em isolamento, tanto adultos como crianças.

“Felizmente tivemos hoje a notícia que se tratou de um erro, mas não estamos livres de que isto possa acontecer no futuro”, avisa a instituição.

Face a este volte-face, a cresce reabriu esta quinta-feira “no horário habitual”, para voltar “a funcionar dentro da normalidade possível”.

Continuar a ler

Guimarães

Roubam garrafas antigas no valor de 3 mil euros em Guimarães para comercializar

Moreira de Cónegos

em

Foto: Divulgação / GNR

Dois homens, de 48 e 49 anos, foram esta terça-feira identificados pela GNR por suspeita de furto de garrafas antigas no valor de 3 mil euros, disse aquela força policial.

Em comunicado, o comando territorial de Braga dá conta da investigação levada a cabo por militares do Núcleo de Investigação Criminal de Guimarães, culminando com a identificação dos suspeitos.

O crime ocorreu no passado dia 11 de setembro, numa residência em Moreira de Cónegos. Os suspeitos terão subtraído “uma coleção de garrafas antigas, avaliada em 3 mil euros, com a intenção de a comercializar posteriormente”, refere a guarda.

Foto: Divulgação / GNR

“Após as diligências de investigação, foi possível identificar os dois suspeitos pelos crimes de furto e recetação, tendo sido recuperada a referida coleção e entregue ao legítimo proprietário”, aponta ainda a mesma nota.

Os suspeito foram constituídos arguidos e os factos foram remetidos ao Tribunal de Guimarães.

Continuar a ler

Guimarães

Vai a sepultar amanhã homem atropelado de bicicleta em Guimarães

Óbito

em

Foto: DR

O homem de 60 anos que morreu atropelado de bicicleta na passada segunda-feira em Guimarães será sepultado esta quinta-feira na freguesia de Serzedelo, naquele concelho, de onde era natural.

O funeral de Mário Mendes de Oliveira está marcado para as 10:30 na Igreja Paroquial de Serzedelo.

Mário Oliveira era natural de Serzedelo, mas residia na freguesia vizinha de Guardizela, onde acabaria por perder a vida.

Ciclista morre atropelado em Guimarães

Ao que O MINHO apurou, era uma pessoa conhecida e querida nas duas freguesias, onde o recordam como um homem bem disposto.

Costumava deslocar-se de bicicleta e prestava apoio no centro social de Guardizela.

Como O MINHO noticiou, Mário Oliveira morreu atropelado, na manhã de segunda-feira, quando seguia de bicicleta na Estrada Nacional 310, de acesso à VIM, em Guardizela, Guimarães.

Foi abalroado por uma viatura de transporte de mercadorias.

O óbito foi declarado no local.

Continuar a ler

Populares