Seguir o O MINHO

Braga

Vieira do Minho recebe 100 mil euros para projetos de Regularização Fluvial

em

O presidente do Município de Vieira do Minho, António Cardoso, assinou com o Estado português um protocolo de colaboração que traz o financiamento de projetos de Regularização Fluvial no valor de 100 mil euros.

A Autarquia adiantou que “a formalização deste apoio, que ficou traduzida na assinatura de contrato programa para execução de projetos de regularização fluvial, realizou-se no Auditório Municipal de Alijó, numa cerimónia presidida pelo Ministro do Ambiente, João Matos Fernandes”.

“O Município vai receber 100 mil euros, que serão aplicados no corte e remoção de material vegetal arbóreo e arbustivo ardido, limpeza das linhas de água, e na consolidação e limpeza das margens”, afirmou, na ocasião.

Para o autarca, “o objetivo deste protocolo é o de concretizar intervenções que permitam o bom funcionamento da rede hídrica afetada pelos incêndios de 2017, no sentido de acautelar constrangimentos de escoamento e arrastamento anormal de solos em período de chuvas”.

Ainda segundo António Cardoso, “o apoio serve, ainda, para recuperar parte daquilo que os incêndios destruíram, respondendo, de forma positiva, ao trabalho político e técnico levado a cabo pela Autarquia, no que diz respeito ao levantamento dos prejuízos e na ação preventiva efetuada junto das populações”.

Além do concelho, a dotação financeira governamental, feita ao abrigo do Fundo Ambiental e por intermédio da Agência Portuguesa do Ambiente, contemplou 18 distritos da região norte, quatro deles da região minhota: Arcos de Valdevez, Braga, Fafe e Monção.

Populares