Seguir o O MINHO

Braga

Utentes de centros de saúde da região de Braga passam a receber avisos de consultas por SMS

em

Foto: DR

O serviço de envio de mensagens SMS de aviso sobre consultas foi alargado aos utentes de vários agrupamentos de Centros de Saúde da região Norte, incluindo Braga, Alto Ave, Famalicão, Santo Tirso-Trofa, Gaia, Feira-Arouca, Marão e Douro Norte, foi hoje anunciado.

A Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-Norte) anunciou hoje, em comunicado, que o projeto “SNS + Proximidade” foi alargado na terça-feira a mais oito Agrupamentos de Centros de Saúde (ACeS).

Com este novo serviço de proximidade e de interação entre profissionais e utentes do Serviço Nacional de Saúde (SNS), bem como do interesse que a informação constante em cada SMS (dia, hora, unidade de saúde, contacto) representa para os utentes, a ARS Norte pretende “maximizar recursos, eliminar faltas desnecessárias a consultas – por vezes apenas por esquecimento –, perdas de tempo com deslocações e despesas para os utentes, ou seus familiares, com telefonemas e ampliar os níveis de gestão e de eficiência dos serviços”.

A ARS-Norte salienta que está planeada “a cobertura generalizada a praticamente toda a população da região Norte ainda no decurso deste mês”.

O projeto foi implementado em meados deste ano, numa primeira fase em modelo piloto, nos ACeS de Barcelos/Esposende, Gondomar e Porto Ocidental.

“Após avaliação e classificação do mesmo com níveis de satisfação, por parte dos utentes e profissionais, muito elevados”, foi decidido alargar o projeto a outros ACeS, salienta a ARS-Norte.

Anúncio

Braga

Braga apresenta novo albergue para peregrinos

Freguesia de Merelim São Pedro

em

Foto: Facebook de Caminhos por Braga / DR

Braga disponibilizou um novo albergue público para peregrinos situado na Rua do Carmo, na freguesia de Merelim São Pedro.

Foto: Facebook de Caminhos por Braga / DR

 

Segundo a página Caminhos Por Braga, o albergue conta com cozinha completa, camarata, casas de banho separadas para o sexo masculino e feminino e Wi-Fi.

Foto: Facebook de Caminhos por Braga / DR

Os peregrinos terão também acesso a um mini-mercado e a uma Caixa Multibanco situadas na proximidade do local.

 

 

 

 

Continuar a ler

Braga

Queijaria de Braga vence prémio de melhor loja gourmet em Portugal

Prémios da revista Vinho Melhores Escolhas

em

Foto: Facebook de Corriqueijo

A empresa Corriqueijo, sediada no centro da cidade de Braga, na Rua dos Biscainhos, foi considerada a “Melhor Loja Gourmet” nos prémios da revista VINHO Grandes Escolhas.

O prémio foi entregue na passada sexta-feira, durante a gala que decorreu no velódromo nacional de Sangalhos, no distrito de Coimbra, recolhendo vários elogios do júri.

De acordo com os jurados, a marca artesanal bracarense“distingue-se pela grande variedade de queijos artesanais, internacionais e nacionais, garantindo um contacto pessoal e privilegiado com os pequenos produtores do país e uma experiência única a todos os que a visitam”.

Recorde-se que, na mesma gala, a quinta Soalheiro, sediada em Melgaço, foi distinguida como “Melhor Marca do Ano”.

Soalheiro eleito Marca do Ano 2019 nos prémios Revista dos Vinhos

O grande destaque desta edição foi para o Niepoort Porto Vintage 2017, considerado o Vinho do Ano 2019. O prémio produtor do ano foi para a Quinta da Boavista. O Produtor de Vinhos Fortificados do Ano foi para o grupo Fladgate Partnership (Taylor”s, Fonseca, Croft e Krohn).

Continuar a ler

Braga

Investigador da UMinho desenvolve composto capaz de matar células cancerigenas

Ricardo Pires

em

Foto: researchgate.net / DR

O investigador da UMinho, Ricardo Pires, comanda uma investigação responsável pela criação de um composto capaz de neutralizar células cancerígenas criando uma cápsula de fibras que envolve o tumor e provoca a sua morte celular.

Segundo o programa 90 Segundos de Ciência, da Antena 1, Ricardo Pires, do grupo 3B’s – Biomateriais, Biodegradáveis e Biomiméticos da Universidade do Minho (UM), tem criado métodos para a distinção das células cancerígenas das células saudáveis utilizando enzimas e proteínas para reduzir os avanços da doença.

O composto criado é capaz de se auto-organizar em estruturas pré-programadas e será este avanço que permitirá ao investigador neutralizar as células malignas.

O investigador afirma que “ao haver esta conversão é formada uma rede à volta da célula que encapsula a célula nessa rede e inibe a troca de nutrientes promovendo a morte celular auto-regulada. Isto é, a própria célula cancerígena inicia processos internos para se suicidar. Nesta altura estamos a ultimar as partes dos testes in vivo em animais e a seguir iremos fazer testes de eficácia do composto a longo termo, utilizando tempos mais longos, para ver se há algum retrocesso no cancro ou não”, conclui.

Os testes efetuados até agora utilizam com modelos de osteossarcoma, um cancro que afeta os ossos.

 

Continuar a ler

Populares