Seguir o O MINHO

Futebol

Trincão confia no êxito dos sub-21 na visita à Bielorrússia

Futebol

em

Foto: Twitter

O vianense Francisco Trincão manifestou-se esta sexta-feira confiante no potencial da seleção sub-21, acreditando num bom resultado terça-feira na Bielorrússia rumo ao Euro2021.

“(Somos) Uma seleção forte, com identidade e vontade de vencer. Se a goleada da Bielorrússia a Gibraltar (10-0) é um sinal do seu valor? Penso que não, isso são apenas números. Cada jogo tem a sua história e o que interessa é o processo”, vincou, em declarações ao site da federação.

Portugal vai jogar em Zhodino cinco dias depois de golear Gibraltar por 4-0, em Alverca, na estreia no grupo 7, que inclui ainda as seleções da Holanda, a Noruega e o Chipre.

“Fizemos o nosso trabalho. Criámos diversas ocasiões flagrantes de golo, algumas das quais não foram concretizadas. Podíamos ter feito mais golos, mas o que interessa é a vitória e os primeiros três pontos na nossa caminhada”, analisou.

O extremo do Sporting Clube de Braga foi o autor do primeiro golo, com forte remate de fora da área que desbloqueou logo aos sete minutos o encontro frente um adversário bem mais frágil e muito fechado.

Trincão estreou-se nos sub21 com ‘golaço’ e assistência

“Tentei a minha sorte e correu bem. Fico muitas vezes a treinar esse momento do jogo (remates de meia-distância) e desta vez funcionou”, congratulou-se.

O selecionador Rui Jorge trabalhou hoje com o grupo na Cidade do Futebol, em Oeiras.

Portugal, Bielorrússia e Chipre somam três pontos com um jogo disputado, enquanto Gibraltar não somou qualquer ponto em três encontros: Holanda e Noruega ainda não competiram.

Anúncio

Futebol

João Carlos Pereira substitui vimaranense César Peixoto no comando da Académica

II Liga

em

Foto: DR

João Carlos Pereira é o substituto de César Peixoto no comando técnico da Académica, anunciou hoje o 15.º classificado da II Liga de futebol.

“A direção da Associação Académica de Coimbra/OAF vem por este meio informar os sócios, adeptos e demais interessados que chegou a acordo com João Carlos Pereira para assumir o cargo de treinador principal da equipa profissional da Académica”, lê-se numa nota do clube de Coimbra.

João Carlos Pereira, de 54 anos, recorda a Académica, “foi, durante os últimos seis anos, coordenador geral na Aspire Academy no Qatar, considerada por muitos uma das melhores do mundo, e que abrange várias áreas do desporto, sendo uma academia de excelência para o alto rendimento”.

O novo treinador vestiu a camisola da ‘Briosa’ enquanto atleta e treinou a equipa principal nas épocas de 2003/2004 e 2004/2005.

Como treinador, João Carlos Pereira passou ainda por clubes como Sporting de Pombal, Moreirense, Nacional, Estoril, Belenenses e Servette (Suíça).

César Peixoto demitiu-se na semana passada do comando técnico da Académica, deixando o clube com nove pontos, apenas dois acima dos lugares de descida e a 18 da liderança.

Continuar a ler

Futebol

Vitória SC é a equipa que mais ataca na Liga, SC Braga é a segunda

Benfica, Porto e Sporting ocupam os restantes lugares do top5

em

À passagem da 11.ª jornada da Liga portuguesa de futebol (Liga NOS), o Vitória SC detém o estatuto de “rei” dos ataques da competição.

Os “conquistadores” são a formação que mais atacou neste primeiro terço do campeonato, onde registou um total de 422 incursões ofensivas ao último reduto dos seus adversários. Números, de destaque, que conferem uma interessante média de 38,36 ações ofensivas por jogo.

Curiosamente, o jogo que mais contribuiu para estes números, dos comandados por Ivo Vieira, teve lugar no Estádio José Alvalade, para a oitava jornada, onde o Vitória SC acabou por sair derrotado (3-1), apesar do impressionante registo de 52 ataques.

Outra curiosidade, desta estatística, é o facto de os dois primeiros lugares serem ocupados por “rivais” e vizinhos minhotos.

Isto porque o SC Braga é a segunda equipa que maior número de ataques contabiliza, na competição, com um acumulado de 418 ações ofensivas.

Os gverreiros do Minho registam uma média exata de 38 ataques por jogo, com a receção ao Marítimo M (2-2), na sexta jornada, a emergir como o jogo onde os bracarenses mais contribuíram para estes números, depois de um total de 55 incursões à linha defensiva dos madeirenses.

De referir que o top cinco dos conjuntos mais ofensivos da Liga fica completo com SL Benfica, FC Porto e Sporting CP.

As “águias” são o terceiro emblema mais atacante da prova (409 ataques), ao cabo de 11 jornadas, com uma média de 37,18 por encontro.

Bem de perto seguem os “dragões”, que alcançaram um total de 405 ataques, equivalentes a uma média de 36,82 por jogo.

Já os “leões” são o quinto conjunto mais ofensivo da competição, tendo realizado 351 ofensivas às defesas contrárias (média de 31,91 por jogo).

Continuar a ler

Futebol

Flamengo, de Jesus, a dois pontos do sexto título de campeão brasileiro

Treinador português, ex-SC Braga

em

Foto: Twitter

O Flamengo, orientado pelo português Jorge Jesus, colocou-se, no domingo, a escassos dois pontos do seu sexto título de campeão brasileiro de futebol, com quatro jogos por disputar, ao vencer por 1-0 no reduto do Grêmio.

Em encontro da 33.ª ronda, o técnico luso, que orientou o SC Braga em 2008/2009, apenas utilizou de início três potenciais titulares (Diego Alves, De Arrascaeta e Gabriel Barbosa) na final de sábado da Taça Libertadores, face ao River Plate, mas, ainda assim, somou mais um triunfo.

O ex-benfiquista Gabriel Barbosa foi o ‘herói’ do ‘Fla’, ao marcar o golo do triunfo, aos 37 minutos, de penálti, num embate em que também de destacou pela negativa, ao ver dois amarelos, aos 74, para ainda sair a ‘gozar’ com os adeptos do Grêmio.

A formação do Rio de Janeiro beneficiou ainda do empate cedido pelo Palmeiras no reduto do Bahia (1-1), onde os locais se adiantaram, aos 45+2 minutos, por Arthur, e os forasteiros empataram aos 71, pelo colombiano Miguel Borja.

Na classificação, o Flamengo, que já disputou 34 jogos, passou a contar 81 pontos, mais 13 do que o Palmeiras, que recebe no domingo o Grêmio e pode ‘entregar’ o título ao conjunto de Jorge Jesus, bastando para isso que não triunfe.

O conjunto de Jorge Jesus somou o 25.º jogo consecutivo sem perder em todas as provas (20 vitórias e cinco empates), incluindo 21 (18 triunfos e três igualdades) no ‘Brasileirão’, depois do 0-3 no reduto do Bahia, em 04 de agosto.

Caso consiga o título brasileiro e a Taça Libertadores, o Flamengo consegue um feito único na sua história, já que só foi campeão brasileiro em 1980, 1982, 1983, 1992 e 2009 e vencedor da principal prova sul-americana em 1981, há 38 anos.

Continuar a ler

Populares