Tribunal dos direitos humanos rejeita processo de jovens portugueses contra 32 países

Foto: Lusa

O Tribunal Europeu dos Direitos Humanos (TEDH) rejeitou hoje a argumentação utilizada pelos seis jovens portugueses que processaram Portugal e outros 31 países por inação no combate às alterações climáticas. 

Na leitura da decisão, em Estrasburgo (França), o TEDH decidiu que o processo é inadmissível no que diz respeito à jurisdição extraterritorial dos países mencionados.

O tribunal deliberou também que os requerentes não esgotaram todas as vias legais que tinham em Portugal antes de recorrerem a esta instância europeia.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Buscas por pescador decorrem entre praia de Moledo e Capela Santo Isidoro em Caminha

Próximo Artigo

Vacinas contra hepatite, pneumonia e varicela entre os 113 fármacos proibidos para exportação

Artigos Relacionados
x