Seguir o O MINHO

Futebol

Treinador do Sporting confiante na vitória em Famalicão

I Liga

em

Foto: Twitter

O treinador do Sporting, Rúben Amorim, considerou hoje que os ‘leões’ estão a melhorar o rendimento na I Liga portuguesa de futebol, apesar do empate no último jogo, em antevisão ao duelo com o Famalicão, da 26.ª jornada.

“Podemos alcançar uma marca interessante da melhor série sem perder do clube. Estamos a fazer um excelente campeonato. A meu ver, estamos a melhorar, concordem ou não. É continuar esse caminho e voltar a ganhar. Esse é o nosso remédio e não podemos olhar para outros resultados, porque só dependemos de nós”, realçou.

O técnico da equipa lisboeta falava em conferência de imprensa realizada no auditório do Estádio José Alvalade, onde afirmou que sente a equipa bem para defrontar o Famalicão, sem sentir pressão pela igualdade consentida perto do fim na visita ao Moreirense (1-1), apesar do “impacto normal”.

“Não sinto que os jogadores facilitem, são muito rigorosos no que fazem. A equipa tenta sentir-se confortável no jogo e talvez não sejamos tão acutilantes como já fomos, mas as outras equipas quase não têm ocasiões. Controlamos muito bem os jogos, que, a meu ver, não são divididos. Temos de melhorar no número de oportunidades, mas o controlo do jogo está lá”, apontou.

Mais importante que os resultados, Rúben Amorim entende ser a forma como o Sporting joga, deixando elogios ao próximo adversário, o Famalicão, que tem melhorado com a chegada do treinador Ivo Vieira à equipa nortenha.

“É uma equipa que vive um bom momento e que tem vindo a fazer bons resultados e exibições. O treinador trouxe um grande impacto à equipa. Tem jogadores de grande qualidade, jovens e irreverentes, que saíram de um momento mau e vêm com muita confiança. Cabe-nos a nós levar o jogo para a nossa forma de jogar”, analisou.

O defesa esquerdo Nuno Mendes recuperou e está disponível para a partida, ao contrário do central Gonçalo Inácio e do avançado Bruno Tabata, que sofreram toques no último treino e são ‘baixas’ de última hora.

Sobre o possível desfecho do campeonato, Rúben Amorim frisou que só ele poderá perder o título, ao invés da equipa, por ter rentabilizado jogadores, entre os quais Gonçalo Inácio, Daniel Bragança e Matheus Nunes: “Se jogarem sempre da maneira como jogam, estarei sempre tranquilo. Só o treinador pode perder, o plantel do Sporting tem de estar tranquilo.”

O líder Sporting, com 65 pontos, recebe no domingo o Famalicão, 13.º colocado, com 26, no Estádio José Alvalade, em Lisboa, numa partida da 26.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol que terá arbitragem de Rui Costa, da associação do Porto.

Populares