Seguir o O MINHO

Futebol

Treinador do Famalicão assume necessidade imediata de conquistar pontos

I Liga

em

Foto: Arquivo

O treinador do Famalicão assumiu hoje a necessidade de conquistar pontos, já frente ao Gil Vicente, na 13.ª jornada da I Liga de futebol, para que a equipa possa continuar a lutar pelos objetivos a que se propôs.

Depois da derrota na jornada anterior, em casa, frente ao Portimonense, por 3-0, Ivo Vieira admitiu que “esse resultado teve impacto na equipa”, mas assinalou que a competência do adversário foi decisiva.

“Cabe-me tentar desmistificar esse mau momento que tivemos, isto quando vínhamos atravessando um momento razoável, para bom. Apesar disso, temos de nos reerguer e ir à luta amanhã [domingo], temos necessidade de pontos. Se conseguirmos jogar bem e ganhar, melhor. Se não conseguirmos jogar tão bem, é fundamental somar pontos para fazer a equipa crescer”, salientou o técnico, em conferência de imprensa.

Ivo Vieira assumiu a exigência em alcançar resultados positivos e garantiu que este não é o melhor momento para a equipa.

“Temos de ter melhores resultados e eu, enquanto líder, sou o principal responsável por essa exigência. Não vale a pena taparmos aquilo que é a realidade, os treinadores vivem de resultados e as estruturas vivem de sucessos. Este não é o momento em que desejávamos estar nesta fase da época, queríamos estar mais acima”, sustentou.

Sobre a pressão para este encontro com a equipa de Barcelos, Ivo Vieira garante que o foco e a motivação têm que ser constantes.

“Os atletas têm de estar motivados. Hoje em dia vive-se muito no mundo das tecnologias e deve-se puxar um bocadinho mais àquilo que é a responsabilidade do jogo, ao compromisso, ao prazer de jogar e à oportunidade que os jogadores têm de representar um clube como o Famalicão. Temos de aproveitar o momento, sem enquadrar isso no facto de estarmos a disputar um dérbi, de jogarmos contra um grande ou uma equipa mais pequena”, salientou ainda.

O treinador está consciente das dificuldades que o adversário poderá apresentar, mas garante que o objetivo do Famalicão passa por vencer.

“O Gil Vicente é uma equipa competitiva e que, tal como nós, vai fazer de tudo para conquistar os três pontos. É uma equipa organizada, que gosta de meter muita gente no processo ofensivo e que tenta jogar bem. Vamos tentar contrariar isso e impor o nosso jogo, tendo sempre a consciência da necessidade que temos de pontos”, finalizou.

O Famalicão, 13.º classificado, com 10 pontos, desloca-se este domingo, às 18:00, a casa do Gil Vicente, em oitavo lugar, com 14, para disputar uma partida da 13.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, que será arbitrada por Rui Costa, da associação do Porto.

Populares