Seguir o O MINHO

Alto Minho

Têxtil de Viana confeciona equipamentos de proteção para oferecer a hospital de retaguarda

Covid-19

em

Foto: Defensor Moura / Facebook

A empresa têxtil S.J. Têxteis, em Barroselas, está a confecionar, gratuitamente, equipamentos de proteção individual para os profissionais do hospital de retaguarda, instalado no Seminário da Diocese de Viana do Castelo, que vão estar na linha da frente de combate à covid-19.

Os tecidos são fornecidos pela Liga dos Amigos do Hospital de Viana do Castelo, presidida pelo antigo autarca e médico Defensor Moura, que agradeceu aos trabalhadores daquela empresa, numa publicação nas redes sociais.

Até ao momento, segundo diz, já foram entregues 90 conjuntos à Unidade Local de Saúde do Alto Minho (ULSAM).

O concelho de Viana do Castelo, de acordo com o relatório epidemiológico divulgado hoje pela Direção-Geral da Saúde (DGS), regista 87 casos de infeção pelo novo coronavírus.

A pandemia do novo coronavírus já matou 96.340 pessoas em todo o mundo e infetou quase 1,6 milhões em 193 países e territórios desde o início da pandemia, em dezembro passado, na China.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Portugal regista hoje 435 mortos associados à covid-19, mais 26 do que na quinta-feira, e 15.472 infetados (mais 1.516), indica o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde.

Populares